slide1 n.
Download
Skip this Video
Download Presentation
6º Workshop de Responsabilidade Social Desenvolvimento Sustentável na Cadeia Metal-Mecânica no Vale do Aço

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 10

6º Workshop de Responsabilidade Social Desenvolvimento Sustentável na Cadeia Metal-Mecânica no Vale do Aço - PowerPoint PPT Presentation


  • 92 Views
  • Uploaded on

6º Workshop de Responsabilidade Social Desenvolvimento Sustentável na Cadeia Metal-Mecânica no Vale do Aço . Desenvolvimento Sustentável na Cadeia Metal-Mecânica no Vale do Aço . Histórico do Vale do Aço e sua vocação siderúrgica

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about '6º Workshop de Responsabilidade Social Desenvolvimento Sustentável na Cadeia Metal-Mecânica no Vale do Aço' - martine


Download Now An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
slide1
6º Workshop de Responsabilidade Social

Desenvolvimento Sustentável na Cadeia Metal-Mecânica no Vale do Aço

slide2

Desenvolvimento Sustentável na Cadeia Metal-Mecânica no Vale do Aço

  • Histórico do Vale do Aço e sua vocação siderúrgica
  • A vocação siderúrgica do Vale do Aço inicia-se em 1944, quando foi inaugurada a antiga Acesita atual Arcelor Mittal.
  • Doze anos mais tarde, o então distrito de Ipatinga foi escolhido como sede da instalação da Usiminas em 1956.
slide3

Desenvolvimento Sustentável na Cadeia Metal-Mecânica no Vale do Aço

2. Principais aspectos da região metropolitana do Vale do Aço

  • Cirada pela Lei Complementar 51/98;
  • Conhecida também por Região Siderúrgica localiza-se no leste do estado de Minas Gerais. Possui o 11º maior PIB do Brasil e é composta pelos municípios de Coronel Fabriciano, Timóteo, Santana do Paraíso e Ipatinga;
  • População: cerca de 450.000
  • IDH médio: 0,803
  • PIB R$6.824.858 mil
slide4

Desenvolvimento Sustentável na Cadeia Metal-Mecânica no Vale do Aço

3. O papel da Usiminas no desenvolvimento sustentável do Vale do Aço

  • O crescimento de Ipatinga está relacionado com a história da Usiminas na região. A Usiminas entrou em operação em 1962.
  • Apoiada pela iniciativa pública, a empresa desenvolveu o planejamento urbanístico de Ipatinga, com a construção de toda infra-estrutura necessária para promover a qualidade de vida da comunidade local.
  • Na área social, para atender os trabalhadores vindos dos quatro cantos do país, foram criados o Colégio São Francisco Xavier (1962) e o Hospital Márcio Cunha (1965), sendo criada em dezembro de 1969, a Fundação São Francisco Xavier.
slide5

Desenvolvimento Sustentável na Cadeia Metal-Mecânica no Vale do Aço

  • AMBIENTAL
  • Investimento (acumulado)
  • R$ 2,220 bilhões
  • Eliminação de emissões atmosféricas
  • Eliminação de lançamento de efluentes líquidos
  • Maior geração de energia própria e menor emissão de CO2

SOCIAL

Investimento Fundo para a Infância e Adolescência - FIA (2003 - 2009)

R$ 10 milhões

  • CULTURAL
  • Investimento (2003 - 2009)
  • R$ 165 milhões
  • Festival Usicultura 15 anos – Cubatão, Santos e BH – Espetáculos gratuitos de teatro e música
  • Teatro em Movimento – Descentralização do acesso a grandes montagens
  • Teatro a Bordo – Contêiner adaptado que leva teatro para as cidades sem equipamentos culturais
  • ESPORTIVO
  • Investimento (2007 - 2009)
  • R$ 7,850 milhões
  • Instituto Janeth Arcain – basquete como inclusão social e cidadania
  • Associação de Judô Rogério Sampaio -competição e cidadania
slide6

Desenvolvimento Sustentável na Cadeia Metal-Mecânica no Vale do Aço

4. Um novo momento para o Vale do Aço

  • Abertura para o diálogo com a sociedade civil organizada e poder público com a intuito de formar parcerias para o desenvolvimento;
  • Aumento gradual das utilização do poder de compra como indutor do desenvolvimento da indústria local;
  • Parceria com os empresários locais na elaboração de seminários, congressos e outros eventos que contribuam para o desenvolvimento da cadeia metal-mecânica da região;
  • Apoio nas articulações junto aos governos estadual e federal na busca do aumento da competitividade;
  • Atração de investimentos para a região através da articulação junto à fornecedores e clientes do Grupo Usiminas.
slide7

Desenvolvimento Sustentável na Cadeia Metal-Mecânica no Vale do Aço

5. Primeiros resultados alcançados

  • Implantação do Conselho de Desenvolvimento do Vale do Aço com os seguintes parceiros até o momento:
slide8

Desenvolvimento Sustentável na Cadeia Metal-Mecânica no Vale do Aço

  • Implantação de um Centro de Distribuição direta da Usiminas para aquelas empresa que irão industrializar o aço na região metropolitana aumentando a competitividade (demanda apresentada a mais de 15 anos pelos empresários locais);
  • Apoio para que as pequenas e médias empresas fornecedoras do setor naval tenham o mesmos tratamento tributários diferenciado de grandes empresas;
  • Articulação para a formação e retenção da mão-de-obra especializadas nas empresas do polo metal-mecânico;
  • Aumento de cerca de 30% na contratação de fornecedores localizados no Vale do Aço;
  • Início de um programa de busca de sinergia com as empresas do Grupo Usiminas, em especial a Usiminas Mecânica.
slide9

Desenvolvimento Sustentável na Cadeia Metal-Mecânica no Vale do Aço

  • Implantação de uma cesta de temas e indicadores de sustentabilidade que irão avaliar a performance do Programa de Desenvolvimento da Cadeia Metal-Mecânica do Vale do Aço:
slide10

Desenvolvimento Sustentável na Cadeia Metal-Mecânica no Vale do Aço

  • Case de sucesso: Usiminas e Alutech
  • Foco: Fornecimento de Alumínio
  • Fonte: Reciclagem
  • Resultados: a expectativa é utilizar 2 bilhões de latas no processo, durante um ano, o que possibilitará economia de R$ 6 bilhões. A cada mês, serão consumidas 2 mil toneladas de latas de alumínio nas usinas de Ipatinga e Cubatão. Cerca de 20% das latas que circulam no País serão reaproveitadas em função da parceria.
ad