Visita de Sua Excelência O Ministro Adjunto do Primeiro Ministro 9.Setembro.03 - PowerPoint PPT Presentation

slide1 n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Visita de Sua Excelência O Ministro Adjunto do Primeiro Ministro 9.Setembro.03 PowerPoint Presentation
Download Presentation
Visita de Sua Excelência O Ministro Adjunto do Primeiro Ministro 9.Setembro.03

play fullscreen
1 / 89
Visita de Sua Excelência O Ministro Adjunto do Primeiro Ministro 9.Setembro.03
88 Views
Download Presentation
elroy
Download Presentation

Visita de Sua Excelência O Ministro Adjunto do Primeiro Ministro 9.Setembro.03

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

  1. www.umic.gov.pt Visita de Sua Excelência O Ministro Adjunto do Primeiro Ministro 9.Setembro.03

  2. Agenda • Introdução – Diogo Vasconcelos • Compras Electrónicas – Carlos Oliveira • Portal do Cidadão – Anabela Pedroso • Banda Larga – Diogo Vasconcelos / Carla Pedro • Campus Virtuais – João Castro / J.M.Lopes • Nova Capacidade Tecnológica – Costa André • Racionalização de Custos – Costa André • CNE’s – Jorge Fernandes • Portal Governo – Matilde Cardoso • Cidades Digitais – Vanda Jesus • Observatório – João Mata • Plano de Acção Inovação – Diogo Vasconcelos • Legislação SI – Ana Margarida Marques • Cimeira Mundial SI – Ana Margarida Marques • Cooperação Ibero - América – Carlos Oliveira

  3. Compras Electrónicas

  4. OBJECTIVOS DO PROGRAMA NACIONAL E COMPRAS ELECTRÓNICAS • A utilização de meios electrónicos no processo aquisitivo público (compras electrónicas) • gerar poupanças estruturais e ganhos de eficiência nas compras do Estado (funcionalidade vs. tecnologia) • aumentar a transparência • aumentar a qualidade de serviço prestado pelo Estado, e • facilitar e alargar o acesso das empresas, grandes e pequenas, ao mercado das compras públicas. Dinamizar as compras públicas electrónicas Generalizar as compras electrónicas no tecido empresarial Português

  5. Projectos de Suporte,Comunicação, Sensibilização / Generalização Adequação do enquadramento legal Estimativa de poupanças Portal Compras.gov Acções de Formação e Gestão da Mudança Sistema de Incentivos PME Projectos Estruturantes Quick Wins e Implem. focalizada Unidade Nacional de Compras (orgânica) 3 Projectos Sectoriais Saúde, Defesa, Obras Públ. + Autar quias 8 Projectos Pilotos PCM, MSST, MOPTH, MDN, MJ, MS, MEd. + MF SIC Portal Compras.gov (inf.+ transac.) Registo Nacional de Fornecedores Soluções Tecnoló-gicas Concursos Públicos Catálogos Electrónicos Negociação Dinâmica PRINCIPAIS PROJECTOS DE COMPRAS ELECTRÓNICAS

  6. Operacionalização dos Pilotos • Conceito • Quick-wins bens indirectos – poupanças, resistência organizacional, preparação da AP, teste tecnológico, do mercado e de métodos de contratação pública • Formato de partida igual para os Ministérios (agregação, comparabilidade) • Sem investimento tecnológico • Flexibilidade em cada Ministério • Trabalho imediato com prestadores de serviço b2b – “caminho das pedras” • Duração: 2 + 4 meses • Financiamento UMIC • Factores Críticos de Sucesso • Aspectos legais • Coordenação dos projectos piloto e enquadramento com PNCE • Transversalidade entre ministérios (benchmark interno) • Suporte político

  7. ARQUITECTURA APLICACIONAL

  8. COMPRAS ELECTRÓNICASPortal Informativo

  9. Mapa de Conteúdos – 1ª Fase Fornecedores Concursos Públicos Centro de Informação Compras.gov Compradores Públicos • Concursos Abertos • Detalhe do Concurso • Pré-Concursos • Detalhe do Pré-Concurso • Contratos • Detalhe do Contrato • Concursos a decorrer • Detalhe do Concurso • Pré-Concursos • Detalhe do Pré-Concurso • Contratos • Detalhe do Contrato • Notícias p/fornecedores • Notícias • Formação em Linha • Casos de Sucesso • Privacidade e Segurança • Links Úteis • Agenda de eventos • Boas Práticas • Barómetro • Legislação • Glossário • Concursos • Detalhe do Concurso • Pré-Concursos • Detalhe do Pré-Concurso • Contratos • Detalhe do Contrato • Notícias p/compradores • Notícias • Missão • Estratégia • Entidades Envolvidas Notícias Sondagem/Inquérito Perguntas Frequentes Pesquisa Avançada/Pesquisa • Imprensa • Press-releases • Notícias Internas Mapa do Site Avisos Legais Contacte-nos Newsletter Privacidade e Segurança

  10. Mapa de Conteúdos – 2ª Fase Fornecedores Compradores Públicos Concursos Públicos Centro de Informação Compras.gov • Concursos • Detalhe do Concurso • Acompanhar Concursos Lançados • Pré-Concursos • Detalhe do Pré-Concurso • Contratos Efectuados • Contratos em Vigor • Contratos Terminados • Alterar Dados • Inserir Concurso • Inserir Pré-Concurso • Notícias p/compradores • Notícias • Concursos a decorrer • Detalhe do Concurso • Acompanhar Concursos (os meus concursos) • Pré-Concursos • Detalhe do Pré-Concurso • Contratos • Contratos Ganhos • Contratos em Vigor • Contratos Terminados • Notícias p/fornecedores • Notícias • Inscrição • Alteração dos Dados • Alteração do Catálogo • Concursos Abertos • Detalhe do Concurso • Pré-Concursos • Detalhe do Pré-Concurso • Contratos • Contratos Realizados • Contratos em Vigor • Contratos Terminados • Formação em Linha • Casos de Sucesso • Privacidade e Segurança • Links Úteis • Agenda de eventos • Boas Práticas • Barómetro • Legislação • Glossário • Missão • Estratégia • Entidades Envolvidas Perguntas Frequentes Notícias • Imprensa • Press-releases • Notícias Internas Sondagem/Inquérito Mapa do Site Avisos Legais Newsletter Pesquisa Avançada/Pesquisa Contacte-nos Privacidade e Segurança

  11. COMPRAS ELECTRÓNICAS Sistema de Coordenação UMIC UNC DGP/DSAP Comissão de Acompanhamento6 pessoas • Parceiros: • DGP/DSAP • Inst. Informática • U.M. Reforma AP Task Force Compras Electrónicas (todos os min.) G.T. Projectos Piloto 8 Min. 7 Ministérios

  12. SUMÁRIO DO PONTO DE SITUAÇÃO • TRABALHO EFECTUADO • Programa Nacional Compras Electrónicas • Arranque Projectos piloto • Portal Compras.Gov a 60% • Início estudo sobre Unidade Nacional de Compras • Aspectos legais – estudo e preparação de documentação • PRÓXIMOS PASSOS • Setembro/ Outubro: • Cálculo de poupanças e sistema de monitorização • Arranque dos projectos-pilotos • Finalização do Estudo s/Unidade Nacional de Compras • Lançamento de concursos para Registo Nacional de Fornecedores, Soluções tecnológicas (concursos públicos, catálogos, negociação dinâmica) • Grupo de Trabalho para Pilotos nas Autarquias • Propostas de alteração legislativa • Lançamento do Portal Compras.gov

  13. Portal do Cidadão

  14. O QUE QUEREMOS • O Portal do Cidadão pretende ser o ponto de acesso por excelência ao universo global de serviços públicos electrónicos. • Esta estratégia surge como resposta às seguintes pressões: • prestação de serviços públicos com maior qualidade; • orientação dos serviços públicos em função das necessidades do Cidadão; • disponibilização dos serviços públicos em canais electrónicos (Internet móvel e fixa).

  15. O QUE TEREMOS EM DEZEMBRO O lançamento da primeira versão do Portal será efectuado até ao final de Dezembro de 2003, Agregando mais de 50 serviços em linha e disponibilizando conteúdos sobre serviços, temas e eventos orientados às necessidade do Cidadão. Não perdendo de vista os objectivos de médio e longo prazo preconizados para o Portal, e atendendo à meta traçada para 2003, as versões futuras do Portal deverão respeitar: uma estratégia global de incremento sucessivo e iterativo de novas funcionalidades.

  16. 2003 E 2004 EM BLOCOS

  17. ONDE ACTUAMOS • Conteúdos e Serviços • Conteúdos e Serviços Externos (Disponibilizados pela Administração Pública e Sociedade Civil) • Taxionomia e Metadados (Estruturação e Classificação dos Conteúdos e Serviços em Temas e Eventos) • Serviço de Alteração de Morada (Serviço transversal criado “de raíz”) • Infra-estrutura tecnológica e implementação • Infra-estrutura tecnológica (escolha da plataforma tecnológica em regime de outsourcing) • Implementação (escolha da ferramenta de desenvolvimento e gestão de conteúdos e preparação do site) • Marketing e Comunicação • Acções de Divulgação • Acções de Sensibilização para a Utilização • Parcerias e Patrocínios

  18. COM QUEM NOS RELACIONAMOS Sociedade Civil (cidadãos, empresas, comunidades) Parceiros no processo de revisão e validação

  19. ONDE ESTAMOS (1/2)

  20. ONDE ESTAMOS (2/2)

  21. A FLAVOUR OF…

  22. Iniciativa Nacional para a Banda Larga

  23. Objectivos a cumprir até 2005 Pretende-se posicionar Portugal no grupo dos países líderes do eEurope 2005

  24. PONTOS BANDA LARGA: REDE ABERTA WIFI e BANDA LARGA DENTRO DE CASA Ponto de situação dos principais projectos (1/2) REDES COMUNITÁRIAS: Lançado convite à manifestação de interesse Concelho piloto seleccionado Guião de implementação em fase final de elaboração Início dos trabalhos com o piloto até ao final de 2003 AGREGAÇÃO DE PROCURA PÚBLICA LOCAL: Em fase de conceptualização Articulação com projectos de racionalização das comunicações Início da primeira fase de implementação (piloto) até ao final de 2003 Lançado Edital POSI – Julho 2003 Em fase de desenvolvimento de contactos com entidades promotoras Fecho do edital e início da implementação - Outubro 2003 Lançados cadernos de encargos de estudo conjunto UMIC/ANACOM Fim do prazo para recepção de propostas – 8 de Setembro 2003 Próximos passos: avaliação de propostas, adjudicação do estudo Revisão normas ITED (em curso)

  25. 1º BAIRRO DIGITAL Dia da Banda Larga – 27 de Outubro Prémio Cidade Banda Larga CONTEÚDOS BANDA LARGA Ponto de situação dos principais projectos (2/2) Em fase intermédia de implementação – equipa UMIC/Parque Expo Lançamento a 27 Outubro 2003 no Dia da Banda Larga Lançado Edital POSI – Julho 2003 Em fase de recepção de candidaturas Fecho do edital e início da implementação – 15 Outubro 2003 DIVULGAÇÃO:

  26. Envolvimento do Mercado – reforço da concorrência Alinhamento com princípios regulamentares vigentes (ANACOM) Coerência: Articulação entre projectos chave e com restantes projectos-chave dos Planos de Acção Capacidade de implementação UMIC Envolvimento da Administração Pública e das Autarquias Factores críticos para implementação

  27. e-U: A UNIVERSIDADE ELECTRÓNICA

  28. CONCEITO e-U, o “Campus Virtual” Professores, Investigadores e estudantes 5 UTILIZADORES Publicações e conteúdos - acessível 24x7 4 CONTEÚDOS Webização de serviços académicos (inscrições, exames, notas) e software de base (e-learning, trabalho colaborativo) – acessível 24x7 3 SERVIÇOS & APLICAÇÕES 2 Computadores pessoais portáteis – modelos recentes com placas de rede e ligação wireless EQUIPAMENTO 1 Redes wireless “on-campus”Acessos banda-largadoméstico CONECTIVIDADE

  29. CONVERGÊNCIA DE ESFORÇOS... FABRICANTES DE SOFTWARE E OUTRAS FERRAMENTAS FABRICANTES DE HARDWARE Aplicações base com vantagens máximas Portáteis a preços imbatíveis Universidades Institutos Politécnicos BANCA E FINANCEIRAS Acessibilidade a produtos e financiamento sem igual TELE- COMUNICAÇÕES Banda larga a preço estreito UMIC - POSI – FCCN (enablers)

  30. Parceiros Foram assinados protocolos entre a UMIC e diversas entidades por forma a garantir ofertas atractivas a alunos e professores. Fabricantes:AppleAcer Asus City DesK DellFujitsu-SiemensIBM InSystems HP/Compaq NEC Toshiba Triudus Vobis/Worten - Micromaxx Operadores: Cabovisão Clix IOL ONITelepacTMN TVTel TV CaboViaNetworks Banca:BCPBESBPICGDMG Outros:MicrosoftSUNIntelCTTFAE Mais de 600 créditos Mais de 500 un vendidas Mais de 800 un vendidas

  31. Ponto de Situação da Iniciativa - Parceiros • Campanha Media no ar em Maio e Junho • Site www.e-u.pt sempre em actualização • Informação nos sites dos Parceiros: • Portáteis/Operadores/ISP: • informação sobre produtos, preço, onde e como comprar, outras informações relevantes • Bancos: • TANB, TAEG, período, outras info relevantes • Campanhas de promoção de cada parceiro promovem a iniciativa e-U (Instituições, media, site, …) • Apoio à criação de redes wireless em casa, através de descontos especiais e documentação de auxilio.

  32. Ponto de Situação da Iniciativa - Instituições • Candidataram-se todas as Universidades e Institutos Politécnicos. Maioria das escolas superiores. • Já foram analisados pela UMIC 41 projectos que representam 85% da população académica nacional • Até ao fim do ano estes projectos devem ter a rede wireless disponível • No início do próximo ano lectivo devem disponibilizar todos os serviços e conteúdos • Restantes instituições deverão instalar as redes wireless durante o 1º trimestre de 2004 • e-U vai disponibilizar cerca de 200 nuvens Wi-Fi • Mais de 4500 Access Points (a maior rede wireless académica do mundo) • Primeira plataforma de mobilidade nacional. Parte do projecto de mobilidade europeu da TERENA. • Os conteúdos pedagógicos vão estar de acordo com a norma internacional SCORM que permite a partilha entre instituições de cursos, disciplinas e aulas. Esta norma tem o potencial para ser pilar para o desenvolvimento de portal de conteúdos académicos

  33. Iniciativas Realizadas • Lançamento da Iniciativa e-U em Aveiro – 22 de Janeiro Assinatura de protocolos com principais parceiros • Conferência Mundial sobre Campus Virtuais – 14 Fevereiro • Inauguração do Campus Virtual de Portalegre – 23 de Abril Com a presença do Sua Exa. o Presidente da Republica Assinatura Protocolo com Fundo de Apoio ao Estudante (MCES) • Wireless Party na Universidade do Minho – 9 de Maio • Lançamento do Campus Virtual de Coimbra – 13 de Maio Com a presença do Min. Adjunto José Luis Arnaut e Dr. Diogo Vasconcelos • Conferência Mundial da Microsoft – Seattle – 19 de Maio Com a presença do Gestor UMIC em representação Min. Adjunto PM • World Education Market – 20 a 23 Maio • Intel “Docas sem Fios” – 29 de Maio 5 • Assinatura Protocolo SUN – 15 de Julho

  34. Próximos Passos PontoSituação Parceiros UMIC Campanha de marketing e-U Revisão das Ofertas por parte de fabricantes Revisão Ofertas por parte dos Operadores POSI e UMIC – Análise e Aprov. de todas as Candidaturas Redes Wireless nas Instituições Aplicações e Conteúdos nas Universidades A agendar: Sessão assinatura contratos com 41 Universidades / Institutos

  35. Nova Capacidade Tecnológica

  36. Nova Capacidade Tecnológica Nova Capacidade Tecnológica para a Administração Pública • Objectivos do Plano de Acção para o Governo Electrónico • Definir a Nova Arquitectura Tecnológica da AP em 2004 • Ligação em Banda Larga de toda a AP até 2005 • Normas de Interoperabilidade em 2004 • Plano Nacional de Segurança Digital em 2003 • Políticas de Utilização do Software - contínuo Decisões em Silos Decisões Transversais

  37. Projectos em Curso Projectos a Lançar em 2003 Nova Capacidade Tecnológica Outras Prioridades para 2004 Nova Capacidade Tecnológica para a Administração Pública • Elaboração do Guia de Interoperabilidade da Administração Pública (e-GI@P) e Criação de Sitio Internet, Normas e Modelo de Gestão - Conclusão: Novembro 2003 • Plano Nacional de Segurança Digital – a lançar em Setembro • Políticas de utilização de Software – a lançar em Outubro • Ligação em Banda Larga de toda a AP – estudo a lançar em Setembro • Estudo de viabilidade e Implementação de uma infra-estrutura nacional de chaves públicas – início de 2004 • Definição da Arquitectura Tecnológica – início de 2004

  38. Racionalização de Comunicações

  39. Racionalização de Comunicações Racionalizar o custo das Comunicações da Administração Pública • Objectivos • Guia Normativo das Comunicações na AP em 2003 • Renegociar Condições Contratuais dos Serviços de Comunicações em 2003 • Racionalização Contínua das infra-estruturas de Comunicações • Avaliação da Situação Actual em 2003 • Redução dos Custos de Comunicações já em 2004 atingindo em 25% até 2006 • Novo Modelo de Gestão das Comunicações em 2004 • Melhorar os Perfis de Utilização das Infra-estruturas até 2006

  40. Projectos a Lançar em 2003 Projectos em Curso Racionalização de Comunicações Outras Prioridades para 2004 Racionalizar o custo das Comunicações da Administração Pública • Criação do Guia de Normas de Comunicações para a AP – Conclusão em Novembro • Caracterização das Comunicações na AP - Conclusão Novembro • Nó Central da Administração Pública (NC@P) - Em análise com CEGER e Cisco • Renegociar as condições contratuais – a lançar em Setembro • Novo Modelo para Gestão das Comunicações – a lançar em Outubro • Racionalização das infra-estruturas de Comunicação da AP – a lançar após a Caracterização • Implementação da infra-estrutura Nacional de Comunicações – estudo em 2004 • Criação de Instrumentos para motivar a melhoria do funcionamento das infra-estruturas de Comunicação e do Serviço prestado • Melhorar os perfis de utilização das infra-estruturas

  41. Factores Críticos de Sucesso Nova Capacidade Tecnológica para a Administração Pública e Racionalização de Custos de Comunicações • Empenho de toda a Administração Pública, em especial dos elementos da Task Force inter-ministerial para a Nova Capacidade Tecnológica e Racionalização dos Custos de Comunicações – necessário o Alto Patrocínio das acções; • Coordenação Centralizada / elevada articulação interministerial na gestão da Plataforma tecnológica e em especial das Comunicações da AP – Novo Modelo de Gestão;

  42. Programa ACESSOAcessibilidade ao eGov – uma das nossas principais missões Qual é o nº de Pessoas com def. visual entre os 50 os 54 anos? É... Pois!!

  43. PORTAL DO GOVERNO O Canal de Comunicação Interactivoentre os Cidadãos e o Governo Português

  44. Portal do Governo • Objectivos • Informar o Cidadão sobre: • Actividade do Governo • Sistema político do País • História, organização e composição do Governo • Entidades da Administração Pública, Autarquias e Regiões Autónomas • Características do País • Comunicar uma imagem coesa do Governo e da actividade governativa, de forma interactiva, com o cidadão nacional e estrangeiro • Entidades envolvidas • UMIC (coordenação do projecto) • CEGER (técnico) • SEPCM (responsável político do Portal) • Novabase (empresa de desenvolvimento)

  45. Portal do Governo – Ponto Situação • Desenvolvimento técnico – finalizado • Imagem gráfica – finalizada • Formação dos utilizadores – finalizada • Inserção de conteúdos – a decorrer • Aprovação do grafismo – SEPCM aprovou • Portal online – a definir

  46. Cidades e Regiões Digitais