slide1 l.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
ENGENHARIA DE AGRIMENSURA PowerPoint Presentation
Download Presentation
ENGENHARIA DE AGRIMENSURA

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 12

ENGENHARIA DE AGRIMENSURA - PowerPoint PPT Presentation


  • 116 Views
  • Uploaded on

ENGENHARIA DE AGRIMENSURA. DIAGNÓSTICO QUALI-QUANTITATIVO DO CURSO. Coordenador do curso de Engenharia de Agrimensura Prof. João Gonçalves Bahia jbahia@ufrrj.br www.agrimensura.ufrrj.br. 1 – BREVE HISTÓRICO DO CURSO. CRIAÇÃO DO CURSO: No Departamento de Engenharia 30/07/99

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'ENGENHARIA DE AGRIMENSURA' - abiola


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
slide1

ENGENHARIA DE AGRIMENSURA

DIAGNÓSTICO QUALI-QUANTITATIVO DO CURSO

Coordenador do curso de Engenharia de Agrimensura

Prof. João Gonçalves Bahia

jbahia@ufrrj.br

www.agrimensura.ufrrj.br

1 breve hist rico do curso
1 – BREVE HISTÓRICO DO CURSO

CRIAÇÃO DO CURSO:

  • No Departamento de Engenharia 30/07/99
  • No Conselho Departamental do IT 03/08/99
  • No CEPE Deliberação 139 de 11/08/99
  • No CONSU Deliberação 16 de 17/08/99

Total de alunos ingressos: 218

Número de alunos formados: 38

Número de alunos cursando: 112

Número de alunos trancados/desligados/transferidos:68

Dentre os alunos formados, destacam-se:

● 5 atuam no exterior;

● 3 fizeram mestrado, sendo 2 atualmente cursam

doutorado e 1 é professor efetivo da UFAC;

● 4 cursam mestrado;

● 4 trabalham em grande estatais como a PETROBRAS,

INCRA e FURNAS e outros trabalham em médias e

grandes empresas do país, na coordenação de equipes

de campo, projetos e consultorias.

De 2000 a 2008: 1 entrada anual – 1° semestre (20/25 alunos)

Após adesão ao REUNI: 2 entradas anuais (25+25 alunos)

Quadro atual de professores: 6 efetivos + 5 substitutos

Necessidade com o REUNI: novos 12 professores efetivos e infra-estrutura

slide3

2 – LEVANTAMENTO E ANÁLISE DA PROCURA NO VESTIBULAR E DINÂMICA DE OCUPAÇÃO DAS VAGAS APÓS A DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS DOS VESTIBULARES DOS ÚLTIMOS 05 ANOS (2002 A 2006)

3 perfil do egresso atual e seu papel social
3 - PERFIL DO EGRESSO ATUAL E SEU PAPEL SOCIAL

O engenheiro agrimensor pode atuar como profissional liberal, funcionário de empresas públicas ou privadas, além de exercer a docência e a pesquisa. Dentre essas atuações do engenheiro agrimensor, pode-se citar:

- Topografia, Geodésia e Batimetria;

- Cartografia e Aerofotogrametria;

- Sensoriamento Remoto;

- Avaliações e perícias;

- Georreferenciamento;

- Projeto e execução de loteamento e arruamentos;

- Projeto e execução de redes de água e esgotos destinadas ao

parcelamento do solo;

- Projeto e execução de rodovias e ferrovias (exceto as grandes

estruturas);

- Cadastro técnico municipal multifinalitário;

- Cadastro imobiliário para fins de registros.

Dado o avanço tecnológico, hoje pode-se ter um produto final de melhor qualidade cartográfica, resultado da obtenção de dados mais precisos e mais rápidos, o que gera segurança, bem-estar e economia à sociedade.

slide5

4 - IMPORTÂNCIA SÓCIO-ECONÔMICA-CULTURAL DO CURSO NA ATUALIDADEA produção de material cartográfico com qualidade e precisão cada vez melhor contribui com segurança e rapidez de informação para o desenvolvimento do país.A organização fundiária do país é hoje uma das principais contribuições da agrimensura para o país.

5 demanda social
5 - DEMANDA SOCIAL

Alta demanda social, visto que nosso país possui dimensões continentais e esta é a profissão responsável por gerar todas as informações relacionadas ao posicionamento plano e altimétrico de todos os objetos e feições de sua superfície, além da topografia subterrânea a batimétrica. Ainda deve zelar pela qualidade dos dados obtidos e a sua representação para as múltiplas finalidades em que possam ser empregados.

6 empregabilidade
6 - EMPREGABILIDADE

Dado ao momento de crescimento da economia brasileira, e o número insuficiente desse profissional no mercado, hoje, há uma grande demanda de trabalho. Atualmente, todos os recém-formados encontram-se empregados ou em cursos de pós-graduação.

slide8
8 - AVALIAÇÃO DA MATRIZ CURRICULAR ATUAL E SEU CONFRONTO COM AS DIRETRIZES CURRICULARES NACIONAIS PARA O CURSO

As Diretrizes Curriculares Nacionais para os cursos de engenharia de Agrimensura, dividem a grade curricular em três blocos. O primeiro bloco é constituído de Disciplinas de formação básica e Visa dar uma formação sólida na base necessária ao engenheiro, principalmente em física, Cálculo e Mecânica (cerca 30%). O segundo bloco é formado por disciplinas de formação profissional e têm como objetivo preparar o aluno com conceitos que visam a uma formação específica a sua profissão. Esse bloco deve compreender cerca de 15% dos créditos do curso. O terceiro bloco deve ser formado por disciplinas que irão constituir o perfil do profissional, o qual deve estar preparado para atender profissionalmente, em suas necessidades, a região em que está inserido o curso. Dessa forma, o conjunto de disciplinas que irão compor esse bloco, deve ser dinâmico ao longo do tempo e devem dar conhecimento aprofundado ao aluno de tal forma que ele possa solucionar problemas gerais ou específicos. Esse bloco deve perfazer 55% dos créditos do curso.

9 pontos fortes e pontos fracos do curso
9 - PONTOS FORTES E PONTOS FRACOS DO CURSO

Pontos fortes:

- boa formação profissional;

- facilidade para estágios;

- bom relacionamento professor/aluno.

Pontos fracos:

- profissão pouco conhecida;

- corpo docente insuficiente;

- falta de infra-estrutura: salas de aulas equipadas, biblioteca,

laboratórios, instrumentação e etc.

10 avalia o da infraestrutura para o funcionamento do curso e da coordena o do curso
10 - AVALIAÇÃO DA INFRAESTRUTURA PARA O FUNCIONAMENTO DO CURSO E DA COORDENAÇÃO DO CURSO.

Infra-estrutura precária:

Faltam espaço físico, laboratórios, sala de aula, sala de professores, sala para os técnicos, biblioteca setorial, material didático, bebedouros (número insuficiente), banheiro condizente com o número de alunos (precário), limpeza, sala de convivência para alunos, sala para o diretório acadêmico, dentre outros.

11 rela o professor aluno por disciplina e carga hor ria docente por disciplina de gradua o
11 - RELAÇÃO PROFESSOR/ALUNO POR DISCIPLINA E CARGA HORÁRIA DOCENTE POR DISCIPLINA DE GRADUAÇÃO