FÓRUM DE
This presentation is the property of its rightful owner.
Sponsored Links
1 / 31

FÓRUM DE SAÚDE SUPLEMENTAR PowerPoint PPT Presentation


  • 84 Views
  • Uploaded on
  • Presentation posted in: General

FÓRUM DE SAÚDE SUPLEMENTAR. A RELAÇÃO DO FINANCIAMENTO ENTRE AS OPERADORAS E OS PRESTADORES. “PANORAMA E PERSPECTIVAS DO SISTEMA DE SAÚDE NO BRASIL”. O QUE REPRESENTAMOS. 6,5 % do PIB 70 bilhões Reais / ano 2 milhões de postos de trabalho direto

Download Presentation

FÓRUM DE SAÚDE SUPLEMENTAR

An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Presentation Transcript


F rum de sa de suplementar

FÓRUM DE

SAÚDE

SUPLEMENTAR


F rum de sa de suplementar

A RELAÇÃO DO FINANCIAMENTO ENTRE AS OPERADORAS E OS PRESTADORES


F rum de sa de suplementar

“PANORAMA E PERSPECTIVASDO SISTEMA DE SAÚDE NO BRASIL”


F rum de sa de suplementar

O QUE REPRESENTAMOS

  • 6,5 % do PIB

  • 70 bilhões Reais / ano

  • 2 milhões de postos de trabalho direto

  • 5 milhões de postos de trabalho indireto


Hospitais do brasil datasus

HOSPITAIS DO BRASIL – DATASUS


F rum de sa de suplementar

REGULAMENTAÇÃO DO SETOR SAÚDE


F rum de sa de suplementar

CRIAÇÃO DO SUS:Constituição Federal 1988


F rum de sa de suplementar

REGULAMENTAÇÃODO SISTEMA SUPLEMENTARLEI 9656 3 DE JUNHO DE 1998


F rum de sa de suplementar

AGÊNCIA NACIONAL DE SAÚDE SUPLEMENTAR

ANS

CRIADA PELA LEI 9961

28 DE JANEIRO DE 2000


F rum de sa de suplementar

REGULAMENTAÇÃO DOS PLANOS DE SAÚDE

  • OPERADORAS COM DIFICULDADES

  • (AUMENTO NO NÚMERO DE COBERTURAS)

  • AUMENTO NO PREÇO DE SEUS PRODUTOS

  • (PREÇOS COMPETITIVOS)


F rum de sa de suplementar

REPERCUSSÕES DA REGULAMENTAÇÃO DO SISTEMA SUPLEMENTAR PARA OPERADORAS

  • DIMINUIÇÃO NO PERCENTUAL DE REAJUSTE ANUAL CONCEDIDO ÀS OPERADORAS

  • AUMENTO NAS DIFERENÇAS DE PAGAMENTOS PARA OS PRESTADORES (GLOSAS)


F rum de sa de suplementar

GLOSAS NÃO PODEM SER EXECUTADAS PARA SE REALIZAR AJUSTES FINANCEIROS


F rum de sa de suplementar

RISCOS DAS NOVAS TENDÊNCIAS DO SISTEMA DE SAÚDE

  • DIFICULDADE DE ACESSO AO ESPECIALISTA

  • DIMINUIÇÃO DA AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA COMPLEMENTAR

  • RESTRIÇÃO DOS PROCEDIMENTOS


F rum de sa de suplementar

RISCOS DAS NOVAS TENDÊNCIAS DO SISTEMA DE SAÚDE

  • RESTRIÇÃO DAS INTERNAÇÕES

  • RESTRIÇÃO DA REDE CREDENCIADA

  • DESEQUILÍBRIO ÉTICO-PROFISSIONAL

  • DEMANDAS JUDICIAIS


F rum de sa de suplementar

ÍNDICES INFLACIONÁRIOS COMPARATIVOS

DE OUT/98 A MAR/03

94,50

I

G

P

-

M

51,59

47,40

I

N

P

C

I

P

C

A

IBGE

FGV

IBGE


F rum de sa de suplementar

ÍNDICES DO SETOR SAÚDE COMPARATIVOS

DE OUT/98 A MAR/03

D

I

E

E

S

E

A

H

E

S

P


F rum de sa de suplementar

REAJUSTES AUTORIZADOS PELA ANS PARA AS OPERADORAS

9,39%

9,27%

1,7%

8,71%

7,43%

7,69%

5,42%

1999

2000

2001

2002

2003


F rum de sa de suplementar

REAJUSTES AUTORIZADOS POR OUTRAS AGÊNCIAS REGULADORAS

  • MAIORES QUE OS ÍNDICES DE MERCADO

  • ANS SEMPRE AUTORIZOU ÍNDICES DE

  • REAJUSTES MENORES QUE O MERCADO


F rum de sa de suplementar

VARIAÇÃO DO SALÁRIO MÍNIMO

  • EM 1998 - R$130,00

  • EM 2003 - R$240,00

  • Em 1998 uma consulta= 26% do Salário Mínimo

  • Em 2003 uma consulta= 10% do Salário Mínimo


Reajuste dos provedores nos ltimos 6 anos

REAJUSTE DOS PROVEDORES NOS ÚLTIMOS 6 ANOS

  • ZERO


F rum de sa de suplementar

MOMENTO ATUAL DOS

SERVIÇOS DE SAÚDE

  • MAIORES NÍVEIS DE EXIGÊNCIAS

    •  IMPRENSA SENSACIONALISTA

    • PORTARIAS GOVERNAMENTAIS

      • TRATAMENTO DE ESGOTO

      • LIXO HOSPITALAR

      • ACOMPANHANTES

      • REMOÇÕES


F rum de sa de suplementar

MOMENTO ATUAL DOS

SERVIÇOS DE SAÚDE

  • ALTO ENDIVIDAMENTO

  • FLUXO DE CAIXA “NEGATIVO”

  • PENDÊNCIA NO PAGAMENTO DE FORNECEDORES

  • PENDÊNCIA NO PAGAMENTO DE TRIBUTOS

  • DIFICULDADE DE CRÉDITOS BANCÁRIOS


F rum de sa de suplementar

ALTERNATIVAS PARA OS SERVIÇOS DE SAÚDE

  • READEQUAÇÃO DO RELACIONAMENTO COMERCIAL

     CONTRATOS PARA REGULAR A RELAÇÃO

    • PRESTADORES X TOMADORES

    • OBJETO

    • PRAZOS E CONDIÇÕES PARA FATURAMENTO E RECEBIMENTO

    • DEFINIÇÃO DE PERIODICIDADE DE REAJUSTES

    • NORMATIZAÇÃO DE AUDITORIAS

    • REVISÃO PRÉVIA

    • PADRONIZAÇÃO DE FORMULÁRIOS


F rum de sa de suplementar

ALTERNATIVAS PARA OS SERVIÇOS DE SAÚDE

  • NECESSIDADE DE REAVALIAÇÃO URGENTE DOS VALORES

    PRATICADOS DEVIDO:

TRIBUTOS

ENCARGOS

DISSÍDIOS

TARIFAS PÚBLICAS

DOLARIZAÇÃO


F rum de sa de suplementar

“A Sociedade produziu uma revolução na Medicina que aumentou a vida do homem, mas ela não foi capaz de criar uma Revolução Financeira que a sustentasse com dignidade”

John F. Kennedy

*1917 †1963


F rum de sa de suplementar

A SAÚDE NÃO TEM PREÇO, MAS A MEDICINA TEM SEUS CUSTOS


F rum de sa de suplementar

SOBREVIVÊNCIA DO SISTEMA DE SAÚDE

  • CLIENTE

  • OPERADORAS

  • PROVEDORES

  • M. SAÚDE

  • FORNECEDORES

  • JUDICIÁRIO


F rum de sa de suplementar

  • DIVERGIR É SALUTAR

  • DESANIMAR NUNCA

  • PERSEVERAR SEMPRE


Muito obrigado

MUITO OBRIGADO!

JOSÉ CARLOS ABRAHÃO


  • Login