Plano Museológico - PowerPoint PPT Presentation

wynonna-romero
plano museol gico n.
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Plano Museológico PowerPoint Presentation
Download Presentation
Plano Museológico

play fullscreen
1 / 23
Download Presentation
Plano Museológico
64 Views
Download Presentation

Plano Museológico

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

  1. Plano Museológico

  2. “Ninguém nega o direito dos museus de existir, mas muitas vezes o primeiro objetivo parece ser a sobrevivência em lugar do desenvolvimento deles.”

  3. Planejar: projetar a realização de um conjunto de ações articuladas e interdependentes que resultarão em um produto comum, previamente determinado e desejado.Plano Museológico: tem como finalidade impulsionar a gestão do museu e integrar as diversas áreas de funcionamento. É também uma ferramenta de planejamento que ordena e prioriza as ações a serem desenvolvidas pelo museu, para que sua função social seja cumprida.- O Plano é um documento museológico, uma vez que constitui um marco na trajetória da instituição.

  4. Estrutura do Plano • Programas • Projetos • Ações

  5. O Plano Museológico deve conter respostas às seguintes perguntas: • O que fazer? • Quando fazer? • Para quem fazer? • Como fazer? • Com que meios fazer?

  6. O Plano Museológico definirá a missão básica e a específica do museu e contemplará: • Diagnóstico participativo; • Identificação dos espaços e dos conjuntos patrimoniais; • Identificação dos públicos; • Detalhamento dos programas.

  7. Sempre deve ser levado em consideração o caráter interdisciplinar dos programas. Além de que o Plano Museológico deve ser elaborado de maneira participativa, envolvendo toda a equipe do museu, parceiros, público-alvo etc.

  8. O Plano Museológico deve ser permanentemente revisado pela instituição com periodicidade definida em seu regimento.

  9. Etapas de elaboração A construção do Plano deve ocorrer de maneira gradativa: • Diagnóstico; • Definição da vocação do museu; • Programas, projetos e ações; • Publicidade.

  10. Diagnóstico Busca conhecer detalhadamente a realidade do museu, abarcando indicadores de todas as áreas de funcionamento. Deve seguir eixos ou roteiros específicos!

  11. Números da equipe • Quantos membros a equipe do museu possui? • Quantos com perfil técnico? • Quantos com perfil administrativo? • Qual é a formação? • Essa formação qualifica o funcionário para o desempenho de suas atividades?

  12. Acervo • Qual é o número do acervo (de objetos, textual/arquivístico, bibliográfico, fotográfico)? • Qual é o percentual do acervo inventariado? • Como se formou o acervo? Por aquisições, descartes, transferências? • Breve comentário sobre o estado de conservação do acervo.

  13. Exposição permanente • Há quantos anos a exposição foi inaugurada? • Aconteceram modificações? Em qual contexto? • Qual a avaliação da exposição em relação ao público?

  14. Exposições Temporárias • O museu oferece programação de exposição temporária? • Quais foram as últimas exposições temporárias realizadas?

  15. Arquitetura • Relatar condições do prédio. • Como nosso prédio não foi construído com a finalidade de sediar um museu, quais são as dificuldades de uso no que se refere aos mostruários, ao atendimento ao público, à circulação e à acessibilidade? • É importante obter uma planta baixa do imóvel.

  16. Público • Qual é a visitação do museu? O índice é linear ou há picos e quedas durante o ano? • Qual é o público predominante no museu? É o público escolar? • Importante: a unidade de medida é o visitante.

  17. Ações educativas e culturais • Quais são os serviços oferecidos pelo museu? • O museu oferece visitas monitoradas, oficinas? • Quais são os eventos culturais promovidos pelo museu?

  18. Vocação Segue a etapa do diagnóstico e, de modo geral, responde às perguntas: • É um museu de quê? • Para quem? • Qual é a missão do museu? É também chamada de Planejamento conceitual.

  19. Programas, projetos e ações • Os programas são como estratégias concebidas com o propósito de permitir que o museu expresse sua missão. • Os programas organizam as diversas áreas do museu: Arquitetura, Acervo, Exposições, Educação e Cultura etc.

  20. Programas, projetos e ações • Cada programa é formado por projetos, e estes, são constituídos por ações. São como engrenagens, articuladas entre si, com o mesmo fim de ecoar a missão do museu.

  21. Programa institucional (Ex. Associação de Amigos do Museu); • Programa de gestão pessoal; • Programa de acervos; • Programa de exposições; • Programa educativo e cultural; • Programa de pesquisa; • Programa arquitetônico; • Programa de segurança; • Programa de financiamento e fomento; • Programa de difusão e comunicação.

  22. Publicidade Deve ser discutida primeiro internamente entre a equipe e depois apresentado a especialistas e representantes da sociedade civil. Assim, deverá ser vista como uma proposta coletiva – uma estratégia para sua continuidade.

  23. Mãos à obra? Obrigada!