an lise espacial antes e depois da fus o n.
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Análise Espacial Antes e Depois da Fusão PowerPoint Presentation
Download Presentation
Análise Espacial Antes e Depois da Fusão

play fullscreen
1 / 18
Download Presentation

Análise Espacial Antes e Depois da Fusão - PowerPoint PPT Presentation

thu
113 Views
Download Presentation

Análise Espacial Antes e Depois da Fusão

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

  1. Análise EspacialAntes e Depois da Fusão Fernanda Faria e Pedro Henriques Departamento de Informática Universidade do Minho Portugal ADEH’04 Granada, 2 de Abril de 2004

  2. Objectivo Identificar as Potencialidades da Análise Espacial na Demografia Histórica recorrendo a um Sistema de Informação Geográfica • O que se pode obter? • Em que condições vale a pena?

  3. Estrutura da Apresentação • Contextualização do trabalho • Breve introdução dos SIGs • Aplicação dos SIG na Demografia Histórica comparando as situações sem e com fusão: • de paróquias • de fontes • Conclusão

  4. Sistema para o Estudo da Evolução Demográfica SEED Demografia Histórica Orientados pelo Método de Reconstituição de Paróquias MRP Enquadramento

  5. SRP ConFusBDP SEED

  6. Estrutura da Apresentação • Contextualização do trabalho • Breve introdução dos SIGs • Aplicação dos SIG na Demografia Histórica comparando as situações sem e com fusão: • de paróquias • de fontes • Conclusão

  7. SIG Recolha; Armazenamento; Manipulação; Visualização. SIG Dados Georeferenciados Sistema de Informação Geográfica • Acesso aos dados através de Mapas; • Criação de Mapas Temáticos (distribuição partidária, criminalidade); • Análise Espacial (cálculo de áreas, perímetros ou distâncias);

  8. Estrutura da Apresentação • Contextualização do trabalho • Breve introdução dos SIGs • Aplicação dos SIG na Demografia Histórica comparando as situações sem e com fusão: • de paróquias • de fontes • Conclusão

  9. Análise MonoParoquialFonte: RP (Um Período) = Braga = 14,0053993547113

  10. Análise MonoParoquialFonte: RP (Vários Períodos) <

  11. Adjacência; Área; Posição / Localização; Proximidade. Mais valias Análise MultiParoquialFonte: RP (Um Período) >

  12. Constatação 1: • Concelhos com maior taxa de natalidade - Zonas Sul e Sudoeste; • Concelhos com menor taxa de natalidade – Zonas Norte e Nordeste. Análise MultiParoquialUm exemplo (fnt1: RP)

  13. Constatação 2: • Zonas Sul e Sudoeste mais quentes; • Zonas Norte e e Nordeste mais frias. Análise MultiParoquialUm exemplo (fnt2: Mapa de Temperatura)

  14. Constatação 1: • Concelhos com maior taxa de natalidade - Zonas Sul e Sudoeste; • Concelhos com menor taxa de natalidade – Zonas Norte e Nordeste. • Constatação 2: • Temperaturas mais quentes - Zonas Sul e Sudoeste; • Temperaturas mais frias – Zonas Norte e Nordeste. Análise MultiParoquialUm exemplo (cruzamento de fontes) Hipótese: As temperaturas climatéricas influenciam a Natalidade.

  15. Análise Espacial A vantagem do SIG não está nas respostas que possa dar às questões, mas sim na capacidade que nos dá de formular hipóteses!

  16. Análise ParoquialCruzamento com outras fontes nominativas Exemplos Fontes Nominativas: Matrizes Prediais, Róis de Confessados, ... • Distribuição das casas por rendimento anual; • Localização das propriedades do Sr. Manuel Gonçalves; • Distribuição das propriedades por número de elementos do agregado familiar; • Acompanhamento das aquisições / sucessões de propriedades pela família Carvalho.

  17. ConFusBDP SRP Um outro Exemplo:estudo da mobilidade inter-paroquial 0

  18. Não Não vale a pena! O SIG é uma ferramenta de análise recomendável, pois fornece, de maneira intuitiva, diferentes vistas e questões sobre a informação. Sim Não É possível cruzar dados e efectuar comparações? Sim Conclusão Vale a pena consumir tempo e dinheiro na criação de um SIG? Existem dados espaciais e não espaciais?