esp cies n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Espécies PowerPoint Presentation
Download Presentation
Espécies

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 19

Espécies - PowerPoint PPT Presentation


  • 109 Views
  • Uploaded on

Espécies. Disciplina: Biologia Animal Acadêmicas: Bruna Basso Chayanne Staub Gabriela Feron. Espécies. “Em primeiro lugar, o que é uma espécie?” Thomas Henry Huxley (1859); Após tantos anos, o comentário de Huxley ainda é atual ;

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'Espécies' - temira


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
esp cies

Espécies

Disciplina: Biologia Animal

Acadêmicas: Bruna Basso

ChayanneStaub

Gabriela Feron

esp cies1
Espécies
  • “Em primeiro lugar, o que é uma espécie?” Thomas Henry Huxley (1859);
  • Após tantos anos, o comentário de Huxley ainda é atual;
  • Os conceitos de espécies foram sendo aperfeiçoados, mas ainda é um motivo de desentendimento;
crit rios para o reconhecimento de esp cies
Critérios para o reconhecimento de Espécies
  • Primeiro critério:
  • Descendência comum:

Onde membros de uma espécie devem buscar a sua ancestralidade em uma população ancestral comum, não necessariamente em apenas um par de progenitores.

Espécies são assim entidades históricas.

crit rios para o reconhecimento de esp cies1
Critérios para o reconhecimento de Espécies
  • Segundo Critério:
  • Uma espécie deve ser o menor agrupamento distinto de organismos que compartilham padrões de ancestralidade e descendência;
  • Caso contrário, seria difícil separar espécies de táxons superiores cujos membros também compartilham uma descendência comum;
  • Caracteres morfológicos, cromossômicos e moleculares.
crit rios para o reconhecimento de esp cies2
Critérios para o reconhecimento de Espécies
  • Terceiro critério:
  • Conjunto reprodutivo: aplicados somente aos organismos com reprodução sexuada;
  • Membros de uma espécie devem formar um conjunto reprodutivo que exclui membros de outras espécies;
  • Este critério é muito importante para os conceitos modernos de espécie.
conceito tipol gico de esp cie
Conceito Tipológico de Espécie
  • As espécies eram definidas por meio de características essenciais e fixas (normalmente morfológicas);
  • Os cientistas reconhecem espécies formalmente pela designação de um espécime-tipo;
  • A morfologia externa dos organismos é ainda importante para o reconhecimento de espécies.
conceito biol gico de esp cie
Conceito Biológico de Espécie
  • O conceito de espécie mais influente inspirado pela teoria evolutiva de Darwin;
  • Em 1982 Mayr definiu o conceito biológico de espécie como: “ Uma espécie é um conjunto reprodutivo de populações (isoladas reprodutivamente de outras) que ocupam um nicho específico na natureza”;
  • A espécie é uma população intercruzante de indivíduos que têm descendência comum e que compartilham caracterísiticas que se sobrepõem;
  • O estudo da variação populacional na morfologia, na estrutura cromossômica e nos caracteres genéticos e moleculares é muito útil para avaliar fronteiras geográficas entre populações intercruzantes na natureza;
alternativas ao c onceito biol gico de esp cie
Alternativas ao Conceito Biológico de Espécie
  • O conceito biológico de espécie tem recebido muitas críticas;
  • Fatos importantes sobre as espécies:
      • Uma espécie tem dimensões no tempo e no espaço;
      • Vemos espécies tanto como unidades da evolução quanto como elementos ordenados em uma hierarquia taxonômica;
      • De acordo com o conceito biológico, as espécies não existem em grupos de organismos que se reproduzem assexuadamente.
as esp cies no espa o e no tempo
As espécies no espaço e no tempo
  • Qualquer espécie tem ocupação espacial conhecida como distribuição geográfica, e uma distribuição temporal, a duração evolutiva.
  • Grande distribuição geográfica: cosmopolitas;
  • Distribuição restrita: endêmicas.
  • Por todo o tempo de duração de uma espécie, a sua distribuição geográfica pode variar muitas vezes.
  • A extensão geográfica pode ser contínua ou disjunta.
conceito evolutivo de esp cie
Conceito evolutivo de espécie
  • O conceito evolutivo de espécie foi proposto por Simpson nos anos 40, visando adicionar uma dimensão evolutiva de tempo para o conceito biológico de espécie.
slide12

Uma definição atual de espécie evolutiva é: uma linhagem única de populações ancestrais que mantém sua identidade de outras linhagens e que possui tendências evolutivas e destino histórico próprios.

slide13

Diferente do conceito biológico, o conceito evolutivo de espécie pode ser aplicado para formas com reprodução sexuada e assexuada.

  • Quanto mais tempo uma linhagem em evolução mantiver as suas características diagnósticas, por mais tempo a mesma será reconhecida como uma espécie.
conceito filogen tico de esp cie
Conceito Filogenético de Espécie
  • É definido como o menor grupo de organismos diagnosticáveis e distintos de outros agrupamentos em que existe um padrão parental de ancestralidade e descendência.
conceito filogen tico de esp cie1
Conceito Filogenético de Espécie
  • É estritamente um grupo monofilético;
  • Reconhecimento das espécies distintas no menor agrupamento de organismos em que houve mudanças evolutivas independentes;
  • Garante estritamente unidades monofiléticas no nível de espécie.
conceito filogen tico de esp cie3
Conceito Filogenético de Espécie
  • Permite descrever espécies sem estudos detalhados de processos evolutivos;
  • Estudiosos não desconsideram a importância do estudo de processos evolutivos;
  • Argumentam que, o primeiro passo para o estudo de processos evolutivos é ter um quadro claro da história de vida da espécie.
dinamismo dos conceitos de esp cie
Dinamismo dos conceitos de espécie
  • Toda vez que um campo científico de investigação ingressa em uma fase de crescimento dinâmico, velhos conceitos serão reavaliados e também refinados ou substituídos por conceitos novos e mais progressivos.
dinamismo dos conceitos de esp cie1
Dinamismo dos conceitos de espécie
  • Os conflitos entre os conceitos de espécie atuais, entretanto, nos conduzirão ao futuro;
  • Mais que aprender simplesmente um conceito de espécie,é preciso entender as perspectivas conflitantes.