universidade de bras lia programa de p s gradua o em ci ncias da sa de sistemas sensoriais n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA Programa de Pós–Graduação em Ciências da Saúde PowerPoint Presentation
Download Presentation
UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA Programa de Pós–Graduação em Ciências da Saúde

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 18

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA Programa de Pós–Graduação em Ciências da Saúde - PowerPoint PPT Presentation


  • 78 Views
  • Uploaded on

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA Programa de Pós–Graduação em Ciências da Saúde Sistemas Sensoriais.

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA Programa de Pós–Graduação em Ciências da Saúde' - ham


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
universidade de bras lia programa de p s gradua o em ci ncias da sa de sistemas sensoriais
UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA

Programa de Pós–Graduação em Ciências da Saúde

Sistemas Sensoriais

Functional Correlations of Tympanic MeMbrane Perforation size bob lerut, Alain pfammater, johnny moons and thomas linder OTOLOGY & Neurotology 33:379-386 -2012

introdu o

COM- com ou sem TMP TMP- Literatura: Perda auditiva condutiva em frequências graves

Prejuízo auditivo aumenta com o tamanho da perfuração e é influenciada pela sua localização

Recentemente:Efeito do envolvimento do martelo e da influencia do volume da cavidade do ouvido médio na audição

introdução
objetivos

“Estudar as correlações existentes entre o tamanho e localização da TMP e a perda auditiva”

“Estudar ferramentas para medição da TMP para propor um método SIMPLES”

Objetivos
materiais e m todos

Estudo Prospectivo base de dados (Innoforce ENT statistics,www.innofirce.com)

Todos os pacientes –miringoplastia primária para COM-simples-Luzern Kantospital,Suíça.

-Audiograma pré-operatório

-Desenho / imagem otoscópica perioperatória

-Relatório Cirúrgico

materiais e MÉTODOS
materiais e m todos1

220- status de OM nl e integridade da cadeia ossicular 65(29,5%)- alteração no ouvido médio

151 pacientes= 155 TMP

Medição TamanhoTMP- Auris Cyclops software-relação do tamanho da TMP com o tímpano e a relação em percentagem de sua localização

Validação de desenhos TMP versus registros fotográficos

Identificação de casos com envolvimento do umbo do Martelo

materiais e MÉTODOS
materiais e m todos2

TMP- 1- inferior a 2,5%-MICROPERFURAÇÃO

2- entre 2,5% e 12,5%- 1º quadrante

3- entre 12,5% e 32,5%-forma de rim

4-maior 32,5%

Análise de dados audiométricos/estatística

Gap aéreo-ósseo(ABG)-paciente/grupo/categ.

ABG e Média Tonal(PTA)-500 a 4000hz

Óssea Normal(BC) e Anormal

Relação entre o tamanho da TMP/média ABG/média ABG por frequência e por grupo/posição TMP e envolvimento do umbo

materiais e MÉTODOS
resultados

Dados gerais-151-(155 tmp) 81M(54%)- 70F(46%)-38ª

TMP-0,34 a 67%- 4 categorias tamanho

BC –nl 92 (95 tmp) –anormal em 59(60)

Umbo envolvimento-35 de 155 tmp

Forte correlação entre a relação Tamanho da TMP e das imagens otoscópicas e desenhos correspondentes

Relação entre tamanho da tmp e perda auditiva em cada frequência(linear)

2k mais estável-4k mais sujeita a alterações

Envolvimento do Umbo-5 a 6 db

ABG-QUADRANTE- não houve diferença significativa

RESULTADOS
resultados1

Audiograma em V invertido- 2 k

Não mostrou diferença em ABG em relação a localização da TMP

Não existe diferença entre BC nl ou anormal

RESULTADOS
discuss o

Clara distribuição de envolvimento do Umbo em 3 categorias de tamanho-5,5 db

Nenhuma diferença significativa quanto a localização da TMP e a perda auditiva

Impacto volume OM e mastóide-perda auditiva

Forte correlação entre desenhos e fotos otoscópicas e estimativas subjetivas aproximadas

DISCUSSÃO
conclus o

ABG-16 dB –TMP um quadrante

25dB - TMP forma de rim

37dB- TMP subtotal

Caso não encontremos este padrão-patologia adicional por trás da membrana deve ser assumida e resolvida

PDF- ferramenta de avaliação para TMP – uso diário para avaliar perda auditiva esperada em TMP

Conclusão