Seq enciamento programa o e controle da produ o
This presentation is the property of its rightful owner.
Sponsored Links
1 / 15

Seqüenciamento, Programação e Controle da Produção PowerPoint PPT Presentation


  • 58 Views
  • Uploaded on
  • Presentation posted in: General

Seqüenciamento, Programação e Controle da Produção. Prof. Dr. Marcos Georges. Seqüenciamento. A Atividade de seqüênciamento define a ordem de diversas operações em diferentes máquinas ou equipamentos. Em geral, se tem n tarefas a serem sequenciadas em m máquinas.

Download Presentation

Seqüenciamento, Programação e Controle da Produção

An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Presentation Transcript


Seq enciamento programa o e controle da produ o

Seqüenciamento, Programação e Controle da Produção

Prof. Dr. Marcos Georges

Prof. Dr. Marcos Georges


Seq enciamento

Seqüenciamento

  • A Atividade de seqüênciamento define a ordem de diversas operações em diferentes máquinas ou equipamentos.

  • Em geral, se tem n tarefas a serem sequenciadas em m máquinas.

  • Quantas possíveis combinações são possíveis ?

    resposta (n !)m

Prof. Dr. Marcos Georges


Seq enciamento programa o e controle da produ o

Seqüenciamento

  • Um lava-jato tem 3 estágios (lavagem, polimento e limpeza interna). Em um dia comum de trabalho são lavados cerca de 15 automóveis.

  • Para esta situação, são possíveis cerca de

    2,23 x 1036 diferentes de sequenciar os carros nos três estágios.

    Qual é a melhor do ponto de vista do consumidor?

    E do ponto de vista da empresa?

Prof. Dr. Marcos Georges


Seq enciamento programa o e controle da produ o

Seqüenciamento

  • Embora o número de possíveis sequenciamentos seja, teoricamente, igual a (n !)m , na prática este número é menor devido a restrições físicas existentes nas máquinas ou nos processos.

  • Ex: o polimento é uma tarefa que somente pode ocorre após a lavagem.

  • Ex: nas atividades de pintura os tons claros são usados antes dos tons escuros.

Prof. Dr. Marcos Georges


Seq enciamento programa o e controle da produ o

Regras de Seqüenciamento

  • As regras mais comuns de sequenciamento de n tarefas em 1 máquina são:

    • FIFO – First in, First out – uma fila;

    • LIFO – Last in, First out – uma pilha;

    • SPT – Shortest process time – operação mais curta antes;

    • LPT – Longest process time – operação mais longa antes;

    • EDD – Earliest Due Data – data de entrega mais próxima.

Prof. Dr. Marcos Georges


Seq enciamento programa o e controle da produ o

Regras de Seqüenciamento

  • Regra de Johnson: é utilizada quando se tem dois centros de trabalho (máquina ou equipamento).

  • Olhando para a atividade de menor tempo faça:

    • Se esta atividade é da 1º máq., programe-a para ser a primeira a ser realizada (ou o mais próximo possível);

    • Se esta atividade é da 2º máq., programe-a para ser a última a ser realizada (ou o mais próximo possível).

      Façam os exercícios e exemplos do livro e da lista.

Prof. Dr. Marcos Georges


Seq enciamento programa o e controle da produ o

Programação

  • A programação é a atividade que determina o momento que as tarefas serão executadas.

  • Há, basicamente, dois modos de programar:

    • Programação para a frente, e

    • Programação para trás.

  • O Gráfico de Gantt é a ferramenta mais usada para visualizar o resultado de uma programação.

Prof. Dr. Marcos Georges


Seq enciamento programa o e controle da produ o

Programação para Frente

  • Gráfico de Gantt para a Programação para Frente

Usado para determinar a data de entrega

Prof. Dr. Marcos Georges


Seq enciamento programa o e controle da produ o

Programação para Trás

  • Gráfico de Gantt para a Programação para Trás

Usado para determinar a compra de materiais - MRP

Prof. Dr. Marcos Georges


Seq enciamento programa o e controle da produ o

Programação

  • Vantagens da Programação para Trás:

    • Custo mais baixo de material,

    • Menos sensível a mudanças de programação do consumidor.

    • Tende a focar as operações nas datas prometidas aos consumidor.

  • Vantagens da Programação para Frente:

    • Alta utilização de pessoal e recursos,

    • Flexível.

Prof. Dr. Marcos Georges


Seq enciamento programa o e controle da produ o

Controle da Produção

Monitora

a Saída

Ação de

correção

Compara a saída

com o planejado e

replaneja/toma ação

Prof. Dr. Marcos Georges


Seq enciamento programa o e controle da produ o

Controle da Produção

  • O Controle é feito, principalmente, através do uso de registros no processo produtivo.

  • Estes registros são documentos a serem preenchidos pelos operados onde é apontado: consumo de matéria-prima, quantidade produzida, produto defeituoso, manutenções, paradas de máquina, requisições de materiais, etc..

  • Os registros podem ser físicos (papeis) ou preenchidos diretamente no computador alimentando um banco de dados.

Prof. Dr. Marcos Georges


Seq enciamento programa o e controle da produ o

Controle da Produção

  • São os registros que fornecem as informações vitais para o acompanhamento do processo produtivo e alimentação dos índices de desempenho (perdas, custos, volume, giro estoque, etc..);

  • A definição de registros fáceis de serem preenchidos, que contenham as informações necessárias e que são preenchidos na operação correta afetam diretamente a capacidade de controle da produção.

Prof. Dr. Marcos Georges


Seq enciamento programa o e controle da produ o

Prof. Dr. Marcos Georges


Seq enciamento programa o e controle da produ o

Controle da Produção

Prof. Dr. Marcos Georges


  • Login