Obesidade infantil
Download
1 / 10

OBESIDADE INFANTIL - PowerPoint PPT Presentation


  • 272 Views
  • Uploaded on

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE FACULDADE DE NUTRIÇÃO DEPARTAMENTO DE NUTRIÇÃO SOCIAL DISCIPLINA: NUTRIÇÃO MATERNO-INFANTIL IV PROFª: ENILCE DE OLIVEIRA FONSECA SALLY. OBESIDADE INFANTIL.

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about ' OBESIDADE INFANTIL' - amber-ryan


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
Obesidade infantil

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSEFACULDADE DE NUTRIÇÃODEPARTAMENTO DE NUTRIÇÃO SOCIALDISCIPLINA: NUTRIÇÃO MATERNO-INFANTIL IVPROFª: ENILCE DE OLIVEIRA FONSECA SALLY

OBESIDADE INFANTIL


  • Doença crônica, ocasionada pelo balanço energético positivo. Tem origem multifatorial: interação de fatores ambientais, comportamentais e genéticos.

  • Peso ao nascer?

  • Comprimento ao nascer?

  • Aleitamento exclusivo?

  • Histórico familiar (doenças)?

  • Quem cuida da criança?

  • Tem irmãos? Têm excesso de peso?

  • Qual a profissão dos pais?

  • Qual a renda familiar?

  • Que atividades realiza? Qual a freqüência?


Regulação da Ingestão Alimentar positivo. Tem origem multifatorial: interação de fatores ambientais, comportamentais e genéticos

LEPTINA

INSULINA

HIPOTÁLAMO (centro de controle fome e saciedade)

Inibição

Neuropeptídeo Y,

H Concentrador de Melanina,

Orexinas A E B

HIPÓFISE

Ativação

H Melanócito Estimulante (MSH),

H Corticotrófico (ACTH),

H Estimulante da Tieróide (TSH)

diminuição da ingestão alimentar

aumento do gasto energético


III. Diagnóstico antropométrico: positivo. Tem origem multifatorial: interação de fatores ambientais, comportamentais e genéticos

MC/Estatura > P 97 ou > 2 SZ

IV. Complicações:

 Aumento da pressão arterial Complicações ortopédicas Alterações da função pulmonar (redução do volume expiratório) Alterações dermatológicas (estrias, infecções fúngicas, acantose nígricans, etc)



  • V. Tratamento (mg/dL)

  • Equipe interdisciplinar

  • Aumento da atividade física

  • Orientação dietética com vistas à manutenção da massa

  • corporal para prevenção do ganho e normalização da relação

  • MC/Estatura

  • Seleção de alimentos/formas de preparo: carboidratos

  • complexos, ↑ fibras, gorduras polinsaturadas, preparações

  • assadas em vez de fritas, cruas em vez de cozidas, etc.

  •  gradativa da quantidade de alimentos ingeridos

  • Fracionamento ↑

  • Mastigação eficiente

  • Menor exposição às propagandas


EQUAÇÃO PARA CÁLCULO DE GASTO ENERGÉTICO DIÁRIO TOTAL (VET) PARA PRÉ-ESCOLARES E ADOLESCENTES (3 A 18 ANOS) COM SOBREPESO/OBESIDADE, segundo o IOM (2005)


GET para a manutenção de peso em MENINOS (VET) PARA PRÉ-ESCOLARES E ADOLESCENTES (3 A 18 ANOS) COM SOBREPESO/OBESIDADE, segundo o IOM (2005)

GET= 114 – (50,0 x idade [anos]) + AF x (19,5 x peso [kg]+ 1161,4 x estatura [m])

Onde AF é o coeficiente de atividade física:

AF = 1,0 se NAF estimado é maior ou igual a 1,0 e 1,4 (sedentário)

AF = 1,12 se NAF estimado é maior ou igual a 1,4 <1,6 (pouco ativo)

AF = 1,24 se NAF estimado é maior ou igual a 1,6 < 1,9 (ativo)

AF = 1,45 se NAF estimado é maior ou igual a 1,9 < 2,5 (muito ativo)


GET para a manutenção de peso em MENINAS (VET) PARA PRÉ-ESCOLARES E ADOLESCENTES (3 A 18 ANOS) COM SOBREPESO/OBESIDADE, segundo o IOM (2005)

GET = 389 – (41,2 x idade [anos]) + AF x (15 x peso [kg]+ 701,6 x estatura [m])

Onde AF é o coeficiente de atividade física:

AF = 1,0 se NAF estimado é maior ou igual a 1,0 < 1,4 (sedentário)

AF = 1,18 se NAF estimado é maior ou igual a 1,4 < 1,6 (pouco ativo)

AF = 1,35 se NAF estimado é maior ou igual a 1,6 < 1,9 (ativo)

AF = 1,60 se NAF estimado é maior ou igual a 1,9 < 2,5 (muito ativo)


Refer ncias bibliogr ficas
Referências Bibliográficas (VET) PARA PRÉ-ESCOLARES E ADOLESCENTES (3 A 18 ANOS) COM SOBREPESO/OBESIDADE, segundo o IOM (2005)

  • Caderno de obesidade – Ministério da Saúde –wwwsaude.gov.br


ad