v rus e viroses n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Vírus e Viroses PowerPoint Presentation
Download Presentation
Vírus e Viroses

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 50

Vírus e Viroses - PowerPoint PPT Presentation


  • 207 Views
  • Uploaded on

Vírus e Viroses. Professora Gilcele. Quais são as principais características dos vírus?. - São organismos acelulares; - São parasitas intracelulares obrigatórios; - Não possuem metabolismo próprio, portanto não fazem síntese protéica nem respiração celular;

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'Vírus e Viroses' - xavier-ramsey


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
v rus e viroses

Vírus e Viroses

Professora Gilcele

quais s o as principais caracter sticas dos v rus
Quais são as principais características dos vírus?

- São organismos acelulares;

- São parasitas intracelulares obrigatórios;

- Não possuem metabolismo próprio, portanto não fazem síntese protéica nem respiração celular;

- Seu material genético pode ser DNA ou RNA;

- Seu material genético possui apenas a informação para produzir o RNAm (mensageiro), os outros dois, RNAr (ribossômico) e RNAt (transportador) que participam da construção de proteínas virais, são da própria célula hospedeira.

v rus
Vírus
  • Não são classificados em nenhum dos reinos de seres vivos.

Estrutura

  • Capsídeo: cápsula protéica formada por capsômeros.
  • Um ácido nucléico, DNA ou RNA (nucleocapsídeos).
  • Alguns possuem um envelope glicoprotéico ou lipoprotéico externo ao capsídeo.
slide4

Vírus – Características básicas

Capsídeo: cápsula protéica formada por capsômeros

Ácido nucléico + Capsídeo  Nucleocapsídeo

Vírus envelopado ou capsulado constituição: glicoprotéico ou lipoprotéico

tipos de v rus
Tipos de Vírus:
  • DNA-vírus: tem o genoma constituído por DNA, que pode ser simples-fita. Transcreve RNA a fim de replicar-se.
  • RNA-vírus: tem o genoma constituído por RNA. Transcreve várias moléculas de RNAm a fim de replicar-se.
  • Retrovírus: tipo especial de RNA-vírus que para replicar-se primeiramente transcreve um DNA utilizando a enzima transcriptasereversa. Este DNA viral se incorpora ao DNA celular permitindo a síntese das proteínas virais.
slide8

VÍRUS MAIS CONHECIDOS

  • Bactérias  Bacteriofagos (fagos)

DNA ou RNA

  • Animais (DNA ou RNA envelopado ou não)
slide11

Adsorção do bacteriófago

ao seu hospedeiro

slide13
Ciclo lisogênico: não provoca a morte da célula hospedeira, mas posteriormente pode se transformar em um ciclo lítico.
o que um retrov rus
O que é um retrovírus?

É qualquer vírus que possui o RNA como material genético e que, após a infecção da célula hospedeira precisa transformá-lo em DNA para conseguir se reproduzir. Estes microorganismos só conseguem fazer isso porque possuem uma enzima especial, a transcriptase reversa.

RNA(viral)--------------→ DNA(viral)

principais viroses humanas
Caxumba.

Hepatites.

Poliomielite.

Raiva ou Hidrofobia.

Sarampo.

Rubéola.

Conjuntivite.

Rotavírus.

Varíola.

Herpes.

Gripe.

AIDS.

Febre Amarela.

Varicela.

Dengue.

Principais Viroses Humanas
doen as infecciosas
Doenças Infecciosas

3 Fatores precisam estar presentes:

  • Agente etiologico (patógeno) organismo capaz de causar infecção.

Virulência: capacidade de infectar um

organismo

  • Transmissão  meio de propagação do agente etiológico. Contato, veiculo, ar ou vetor
  • Hospedeiro  organismo no qual o patógeno se instala e se reproduz
classifica o das doen as
Classificação das Doenças
  • DoençasdeCasosEsporádicos são aquelas que ocorrem em pequeno número de casos, naturalmente, em certa região ou localidade, como por exemplo tuberculose, hanseníase, difteria, tétano.
  • Endemias  moléstias que afetam um grande número de pessoas em uma região, rotineiramente, como por exemplo malária, doença de Chagas, doença do sono, esquistossomose.
classifica o das doen as1
Classificação das Doenças
  • Epidemias doenças que aparecem subitamente, com grande incidência de casos, em uma determinada área, como por exemplo poliomielite, meningite, caxumba.
  • Pandemias  doenças que se alastram rapidamente por todo um país, continente ou até mesmo por todo o mundo, como a gripe espanhola, a peste negra, a aids.
slide20

AIDS Síndrome da Imunodeficiência Adquirida (sigla do inglês: Acquired Immune Deficiency Syndrome)

Familia: Retroviridae (retrovírus envelopado)

slide21

AIDS

Sintomas:

  • Inicialmente assintomático
  • febre, fadiga, inchaço nos gânglios linfáticos, diminuição do número de linfócitos
  • herpes
  • infecções oportunistas

Transmissão:

  • relações sexuais
  • uso de seringas ou material cirúrgico
  • mãe-filho (gestação ou lactação)
slide22

AIDS

Tratamento:

  • vacinação ineficaz  alta capacidade de mutação viral
  • drogas inibidoras de enzimas que atuam no ciclo viral  ex: AZT, 3TC, DDI e DDC (inibem a transcriptase reversa)

Ex: outros inibem a protease

Coquetel de drogas!!!!

(evitar o aparecimento de formas resistentes)

dengue e febre amarela
Dengue e Febre amarela

genero: Flavivírus

(RNA envelopado)

Transmissor: fêmea Aedes aegypti

Hematofaga!!

slide24

DENGUE

Vírus: sorotipos 1, 2, 3 e 4

tipo 4 foi identificada apenas na Costa Rica

Característica: endêmica no Brasil desde a década de 80

sintomas
Sintomas
  • Sintomas:
    • dores de cabeça e muscular
    • febre alta
    • vermelhidão no corpo
    • aumento das glândulas linfáticas
    • comprometimento das vias aéreas superiores
slide26

DENGUE

Sintomas (hemorrágica):

(geralmente segunda infecção)

  • Hemorragias gastrointestinal, cutânea, gengival e nasal
  • tontura
  • queda de pressão

Pode levar à morte

slide28

FEBRE AMARELA

Sintomas :

  • uma fase de 3 dias: febre calafrios, dor de cabeca, nauseas, vomitos e dores musculares
  • melhora: 1 a 2 dias
  • fase com sitomas graves: insuficiencia renal e hepatica, hemorragias e reducao da frequencia dos batimentos cardiacos

Pode levar à morte

slide29

FEBRE AMARELA

Transmissão (2 formas):

  • Urbana: femea Aedes aegypti
  • Silvestre: especies do genero Haemagogus

Norte (macacos sao hospedeiros principais, o homem e hospedeiro acidental)

catapora ou varicela
CATAPORA (ou VARICELA)

Vírus: Herpesvirus (DNA envelopado)

Imunidade:

quem já teve a doença dificilmente a desenvolverá novamente

Transmissão:

saliva

contato direto ou indireto com as lesões da pele

slide31

CATAPORA (ou VARICELA)

Características: erupções cutâneas que causam coceira intensa; geralmente não deixa cicatriz.

Profilaxia:

vacinação (particular)

evitar o contato direto com doentes.

slide32

CATAPORA  Herpes Zoster

O virus tem a habilidade de ficar latente no corpo

Migra ate os ganglios nervosos que ficam perto da coluna

Apos um longo periodo (baixa imunidade) Herpes Zoster

Migra pelos nervos perifericos ate os nervos sensoriais da pele, onder se manifestam provocando feridas que se dispoem ao longo do trajeto do nervo e que causa muita dor

herpes labial
Herpes labial

Causador: HSV 1

(vírus do herpes simples tipo 1)

Fica latente no ganglio nervoso do nervo trigemio

herpes genital
Herpes genital

Causador: HSV 2

Fica latente no ganglio nervoso do nervo sacral

sintomas2
Sintomas

Transmissao:

Contato sexual na fase de manifestacao da doenca

condiloma aculminado verrugas genitais
Condiloma Aculminado(verrugas genitais)

Causador: HPV (papiloma vírus)

slide38

RUBÉOLA

Vírus: Rubivirus (RNA envelopado)

Transmissão:

saliva

contato direto com pessoas contaminadas

rub ola
RUBÉOLA

Características: febre baixa, aumento dos linfonodos do pescoço e pequenas manchas vermelhas no corpo.

Pode ser grave se ocorrer em gestantes (surdez e catarata)

Profilaxia:

vacinação (tríplice - Sarampo + caxumba)

evitar contato com doentes

gripe
GRIPE

Vírus: Influenzavirus(RNA envelopado)

Influenza A (diferentes animais), B e C (humanos)

tr s tipos de influenzav rus
Três tipos de Influenzavírus:
  • – Tipo A ou Flu A: mais importante,

grandes pandemias

  • – Tipo B ou Flu B: menor freqüência de

epidemias, infecta somente humanos

  • – Tipo C ou Flu C: doenças respiratórias

leves, infecta somente humanos

resfriado
RESFRIADO

Vírus: Rhinovirus (RNA não-envelopado) 50%

(+ de 200 tipos)

Transmissão:

via respiratoria

slide43

RESFRIADO

Características: afeta as vias aéreas superiores

Profilaxia:

evitar contato direto com doentes

evitar frio, bebidas geladas e ambientes fechados

poliomielite
POLIOMIELITE

Vírus: poliovírus (RNA não-envelopado)

Transmissão:

saliva

ingestão de água ou alimentos contaminados por excretas de pessoas contaminadas

slide45

POLIOMIELITE

Características: entra pela boca, no intestino passa para o sangue. Afeta o sistema nervoso e a musculatura

Profilaxia:

vacinação

slide46

Hepatite

  • Agente: Vírus (tipos A,B,C,D,E,F,G).
  • Transmissão: contagio direto, água, alimentos e utensílios contaminados, sangue contaminado e contato sexual (DST).
  • Sintomas: mal-estar, fraqueza, falta de apetite, náuseas, dores abdominais, icterícia, cirrose hepática.
  • Prevenção: vacinas, medidas de higiene, uso de preservativos, controle dos bancos de sangue.
caxumba
CAXUMBA

Vírus: Paramixovirus (RNA envelopado)

Transmissão:

via respiratória

uso comum de utensílios domésticos sem a devida higienização

Características: inflamação das glândulas salivares (parotidas). Pode infectar testículos (esterilidade em casos raros), ovários, pâncreas e cérebro.

slide48

CAXUMBA

Profilaxia:

vacinação (tríplice viral)

evitar contato com o doente ou com objetos contaminados.

sarampo
SARAMPO

Vírus: Paramixovirus (RNA envelopado)

Transmissão:

via respiratória

saliva

slide50

SARAMPO

Características: Febre, manchas vermelhas na pele, tosse, coriza e manchas brancas na face interna das bochechas

Profilaxia:

vacinação (tríplice)

evitar contato direto com doentes