slide1 l.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Linha Ruminantes - Matsuda PowerPoint Presentation
Download Presentation
Linha Ruminantes - Matsuda

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 51

Linha Ruminantes - Matsuda - PowerPoint PPT Presentation


  • 156 Views
  • Uploaded on

Linha Ruminantes - Matsuda. Ensilagem de cana de açúcar, viabilidade econômica e técnica. -Por que ensilar cana de açúcar ? -Como conseguir uma silagem de cana de qualidade ?. Contexto. Mais de 4 milhões de ha plantados , sobretudo no sudeste do país

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'Linha Ruminantes - Matsuda' - lynley


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
ensilagem de cana de a car viabilidade econ mica e t cnica
Ensilagem de cana de açúcar, viabilidade econômica e técnica

-Por que ensilar cana de açúcar ?

-Como conseguir uma silagem de cana de qualidade ?

contexto
Contexto
  • Mais de 4 milhões de ha plantados, sobretudonosudeste do país
  • Colheita diária de cana fresca para alimentar o gado: problema de logística, pouca flexibilidade
proje o para 2005
Projeção para 2005
  • Área colhida Brasil 4.500.000 ha
  • Safra esperada 340.000.000 T
  • Est. S. Paulo 200.000.000 T (60%)
    • Estimativa de 10% para alimentação animal
  • 1 hectare produzindo 100 T/corte
      • 33 animais/120 dias
por que ensilar cana de a car
Por que ensilar cana-de-açúcar ?
  • Baixo custo
  • Estratégico
    • Mão de obra
    • Manejo do canavial
    • Segurança
por que ensilar cana de a car6
Por que ensilar cana-de-açúcar?
  • Baixo custo
    • É um dos volumosos mais baratos em termos de matéria seca
proje o de custos na produ o de volumosos suplementares
Projeção de custos na produção de volumosos suplementares

Fonte: Nussio, L.G. Dept. Zootecnia - ESALQ

custos de produ o de silagens
Custos de produção de silagens:

Silagem de mombaça: R$ 115,73

Silagem de cana de açúcar: R$ 119,94

Silagem tifton pré-secado: R$ 121,19

Silagem de napier: R$ 128,89

Silagem de sorgo: R$ 151,91

Silagem de girassol: R$ 158,36

Silagem de milho: R$ 165,66

Fonte: BOVIPLAN- Curso de ensilagens - 2004

por que ensilar cana de a car9
Por que ensilar cana-de-açúcar?
  • Estratégico
    • Racionalização da mão de obra na pequena e grande propriedade
      • Não necessita cortar cana todos os dias, gerando economia de tempo e mão de obra
      • Não corre riscos em dias de chuva
      • Possibilidade de manejar grandes plantéis
      • Produção de massa em uma única vez
      • Facilita o manejo dos animais e a mão de obra da propriedade
por que ensilar cana de a car11
Por que ensilar cana-de-açúcar?

Estratégico

  • Manejo do canavial
    • Faz o corte no momento de melhor qualidade nutricional da cana
    • Aproveita melhor o canavial -> Adubação e aplicação de herbicidas no momento correto e por igual -> consegue até 1 corte a mais no ciclo do canavial
    • A rebrota vem uniforme.
    • Permite a retirada antecipada da cana ( p/ reforma)
    • Aproveita a sobra de cana de um ano para o outro
slide13

Estimativa de custo / Produtividade no talhão

  • Número de cortes
  • Produtividade do talhão
slide14

Fonte: Nussio & Ponchio (2004)

Custo da forragem (R$/t de MS)

Número de cortes no talhão

Estimativa de custo / Número de cortes

custos de produ o de silagens15
Custos de produção de silagens:

Silagem de mombaça: R$ 115,73

Silagem de cana de açúcar: R$ 119,94

Silagem tifton pré-secado: R$ 121,19

Silagem de napier: R$ 128,89

Silagem de sorgo: R$ 151,91

Silagem de girassol: R$ 158,36

Silagem de milho: R$ 165,66

Fonte: BOVIPLAN- Curso de ensilagens - 2004

custos de produ o de silagens16
Custos de produção de silagens:

Silagem de mombaça: R$ 115,73

Silagem de cana de açúcar: R$ 109,15

Silagem tifton pré-secado: R$ 121,19

Silagem de napier: R$ 128,89

Silagem de sorgo: R$ 151,91

Silagem de girassol: R$ 158,36

Silagem de milho: R$ 165,66

Fonte: BOVIPLAN- Curso de ensilagens - 2004

custos de produ o de silagens17
Custos de produção de silagens:

Silagem de cana de açúcar: R$ 109,15

Silagem de mombaça: R$ 115,73

Silagem tifton pré-secado: R$ 121,19

Silagem de napier: R$ 128,89

Silagem de sorgo: R$ 151,91

Silagem de girassol: R$ 158,36

Silagem de milho: R$ 165,66

Fonte: BOVIPLAN- Curso de ensilagens - 2004

por que ensilar cana de a car18
Por que ensilar cana-de-açúcar?

Estratégico

  • Segurança
    • Garantia de fornecimento mesmo em dias de chuva
    • Possibilidade de ensilar no caso de fogo ou geada p/ aproveitamento ou como prevenção
    • Evita problemas com tombamento da cana
    • Diminui a ocorrência de abelhas importunando os animais
contexto19
Contexto
  • Silagem: favorece a gestão da forragem na propriedade

…Mas

  • Cana de açúcar: Produção elevada de álcool resultando numa má conservação da silagem
slide20

Colheita

Ensilagem e fechamento

Alta produção de álcool e perdas

Fermentações, entre as quais fermentaçoes alcoólicas

slide21

Desvantagens quando não inoculado

Ao ensilar cana:

  • Aumento de custo de produção
  • Produção de álcool ( Etanol)
  • Palatabilidade comprometida
  • Perdas por fermentação
  • Menor consumo de matéria seca
  • Menor desempenho.
slide22

Pesquisa e Desenvolvimento

Lactobacillus buchneri NCIMB40788

  • Pesquisa de faculdades
  • ESALQ / USP (Piracicaba)
  • Receptividade inicial baixa
  • Diminuir formação de álcool
  • Melhorar a palatabilidade.
slide23

Cana-de-açúcar - Valor Nutritivo

55%parede celular

40%digestibilidade

MS (%) 26 - 34

PB (%) 2,5 - 3,5

FDN(%) 52 - 57

CZ (%) 2,5 - 5,5

NDT (%) 56 - 63

45% Conteúdo celular

90% digestibilidade

Digestibilidade média : 57-63%

silagem de cana de a car tecnologia com forte desenvolvimento
Silagem de Cana-de-açúcarTecnologia com forte desenvolvimento

Trabalhos publicados sobre silagem de cana de açúcar, nos Anais da SBZ, nos últimos 8 anos

slide25

Como conseguir uma silagem de cana de qualidade?

  • Corte no momento de melhor qualidade nutricional da cana
  • Tamanho da partícula
  • Tempo de carregamento
  • Compactação
  • Vedação
  • Tratamento da silagem
    • Controlando a produção de álcool
    • Controlando fermentações indesejáveis
    • Buscando estabilidade aeróbica da silagem
slide26

A escolha do inoculante correto é fundamental para o sucesso do processo de ensilagem. - Grupos: 1- Controle2- Lalsil Cana 3- Lactobacillus plantarum

Avaliação de diferentes aditivos microbianos no controle de perdas em silagem de cana de açúcar

slide27

Controle x Lalsil Cana x Lactobacillus plantarum

Pedroso (2003)

O uso de Lalsil Cana inibe a produção de álcool na silagem de cana, enquanto o uso de inoculante inadequado (L. plantarum)aumenta, piorando a qualidade da silagem e aumenta as perdas

slide28

Controle x Lalsil Cana x Lactobacillus plantarum

Pedroso (2003)

O uso de Lalsil Cana melhora a digestibilidade da silagem de cana, enquanto o uso de inoculante inadequado (L. plantarum)diminui piorando o aproveitamento de nutrientes.

slide29

Controle x Lalsil Cana x Lactobacillus plantarum

Pedroso (2003)

O uso de Lalsil Cana diminui as perdas de matéria seca da silagem de cana, enquanto o uso de inoculante inadequado (L. plantarum) aumenta as perdas.

slide30

Controle x Lalsil Cana x Lactobacillus plantarum

Pedroso (2003)

O uso de Lalsil Cana aumenta a estabilidade aeróbica da silagem de cana, enquanto o uso de inoculante inadequado (L. plantarum)piora a estabilidade da silagem.

slide31

Conclusão

Lactobacillus plantarum piorou a qualidade da silagem em relação ao não uso de inoculante. O uso de Lalsil Cana melhorou a qualidade e incrementou o consumo em relação ao controle.

slide32

A escolha do inoculante correto é fundamental para o sucesso do processo de ensilagem. - Lactobacillus buchneri NCIMB40788 e o grupo controle avaliando aspectos de performance zootécnica.

Avaliação de diferentes aditivos microbianos no controle de perdas em silagem de cana de açúcar

f meas holandesas 49 5 ms de silagem de cana

Avaliação de desempenho animal: Controle x Lalsil Cana

Fêmeas holandesas. 49,5% MS de silagem de cana

GPD:+ 300 gr/d

CA: -1.64

Pedroso (2003)

O uso de Lalsil Cana promoveu um ganho de peso e melhor conversão alimentar em relação ao grupo controle.

f meas holandesas 49 5 ms de silagem de cana34

Avaliação de desempenho animal: Controle x Lalsil Cana

Fêmeas holandesas. 49,5% MS de silagem de cana

Pedroso (2003)

O uso de Lalsil Cana promoveu um ganho de peso e melhor conversão alimentar em relação ao grupo controle.

slide35

Avaliação de diferentes aditivos microbianos no controle de perdas em silagem de cana de açúcar

A escolha do inoculante correto é fundamental para o sucesso do processo de ensilagem. - Lalsil Cana (Lactobacillus buchneri NCIMB40788) e o grupo controle na silagem de cana em aspectos como a produção de álcool na silagem, perdas de matéria seca, estabilidade aeróbica na abertura do silo e resultados de performance zootécnicas.

diminui a produ o de lcool
Diminui a produção de álcool

Efeito de LALSIL Cana na produção de Etanol

% MS

Dias

Fonte : Pedroso et al, ESALQ, 2003

LALSIL Cana melhora a conservação da silagem limitando a produçao de álcool

diminui as perdas de mat ria seca menos efluentes
Diminui as perdas de matéria seca -> menos efluentes

Efeito de LALSIL Cana nas perdas em efluentes

Kg/t de matéria seca

Dias

Fonte : Pedroso et al, ESALQ, 2003

mant m fresca e apetitosa a silagem
Mantém fresca e apetitosa a silagem

Efeito de LALSIL Cana na estabilidade aeróbica*

Fonte : Pedroso et al, ESALQ, 2003

* : estabilidade aerobica é o tempo durante o qual se ve um aumento da temperature da silagem de 2°C comparado com a temperatura ambiente.

melhora as performances zoot cnicas
Melhora as performances zootécnicas

Machos Nelore e Canchim. 45,5% MS de silagem de cana

CA: -1.05

GPD:+ 210 gr/d

Fonte : Pedroso et al, ESALQ, 2003

A ingestão de uma forragem bem conservada melhora os resultados zootécnicos

machos nelore e canchim 45 5 ms de silagem de cana
Machos Nelore e Canchim. 45,5% MS de silagem de cana

Diferença de desempenho

Pedroso (2003)

slide41

Estimativas de custos de aditivação

Tabela: Variáveis de custos associados a inclusão de aditivos em silagens de cana-de-açúcar

Fonte: Esalq/USP

slide42

ESALQ/USP Desempenho de Animais

Tabela: Produção e composição do leite de vacas holandesas confinadas e alimentadas com diferentes volumosos

slide43

Resumo das ações

Lactobalillus buchineri:

  • Inibe a produção de álcool conservando a silagem
  • Reduz fungos e leveduras evitando perdas de matéria seca por fermentações indesejáveis
  • Melhora a palatabilidade
  • Promove um melhor consumo pelos animais
  • Consegue estabilidade aeróbica da silagem após abertura
  • Consegue performances zootecnicas superiores
slide44

O que é o Lalsil Cana?

  • Lalsil Cana é um inoculante específico para ensilagens de cana
  • Contém agente microbiológico específico, o Lactobacillus buchneri NCIMB40788, uma cepa exclusiva e patenteada da Lallemand Animal Nutrition
  • Validação de sua ação, tanto a nível laboratorial como a nível de campo.
  • Embalado em saches de 100g permitindo tratar 50 ton de cana fresca – pó dispersível em água para aplicação líquida.
  • Não tóxico, não corrosivo, respeito ao meio ambiente
  • Uso possível na agricultura biológica, conforme a Regulamentaçao Européita UE n°1804/1999 do 19 julho 1999
an lise custo x benef cio

Análise Custo x Benefício

Ganho de peso adicional no período (84 dias):

Grupo Lalsil Cana-> 17,640 Kg

52% -> 9,17 Kg

@ R$ 53,00 -> R$ 32,40

Gastos com : -> 1,7 Ton silagem

Grupo Lalsil Cana -> 1,7 T x R$ 6,50

Total: R$ 11,05

Diferença:

R$ 21,35 ( 193% de ganho)

slide46

Cuidados para conseguir a silagem com qualidade

  • Tratamento da silagem -> Aplicação do inoculante
    • Diluir bem o pacote em 5 litros de água limpa e sem cloro.
    • Diluir estes 5 litros em mais 45 litros de água limpa e sem cloro
    • Colocar a mistura na bomba costal ou pulverizador e não deixar no sol
    • Aplicar 1 litro da mistura por tonelada de silagem, pulverizado com o bico bem fino.
    • Utilizar a mistura em 24 horas
slide47

Inoculante

Lactobacillus buchneri NCIMB40788

Cepa especifica - NCIMB40788

Patente da Lallemand

Produto comercial

slide48

Cana-de-açúcar:

Composição Morfológica

slide49

Inoculante

Lactobacillus buchneri NCIMB40788

  • Reduz produção de álcool
  • Menores perdas de matéria seca
  • Maior estabilidade aeróbica
  • Consumo adequado
  • Maior ganho de peso.
rea de cana de a car em 3 diferentes dietas
Área de cana-de-açúcar em 3 diferentes dietas

Confinamento de 10.000 cabeças, dieta 3. Necessidade de 250 ha

de cana. 2,5 ha por dia - 200 t/dia.

slide51

Custos de ingredientes /ESALQ/USP

Tabela: Composição de rações fornecidas a vacas holandesas em lactação