administra o seguran a e territ rio n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Administração Segurança e Território PowerPoint Presentation
Download Presentation
Administração Segurança e Território

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 19

Administração Segurança e Território - PowerPoint PPT Presentation


  • 84 Views
  • Uploaded on

Administração Segurança e Território. Autarquias. É da responsabilidade das autarquias mandar tapar os buracos das estradas. Ter as faixas de rodagem bem sinalizadas. Autarquias.

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'Administração Segurança e Território' - dragon


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
autarquias
Autarquias
  • É da responsabilidade das autarquias mandar tapar os buracos das estradas.
  • Ter as faixas de rodagem bem sinalizadas

Trabalho elaborado por: Sandra Correia

autarquias1
Autarquias
  • Os transportes escolares devem estar identificados, com um autocolante no vidro traseiro, e sempre que estiver a transportar crianças deve circular com as luzes de perigo ligadas.

Trabalho elaborado por: Sandra Correia

autarquias2
Autarquias
  • Deve de existir nos transportes escolas, cadeiras adaptadas à idade das crianças transportadas nestes.
  • Devem de ser sempre acompanhadas por uma auxiliar.

Trabalho elaborado por: Sandra Correia

seguran a rodovi ria lcool
Segurança Rodoviária Álcool
  • O álcool é um depressor do Sistema Nervoso Central que afecta as capacidades psicofisiologias mesmo se ingerido em pequenas quantidades. Do álcool ingerido apenas 5% é eliminado directamente, passando o restante para a corrente sanguínea através das paredes do estômago e da parte superior do intestino delgado.

Trabalho elaborado por: Sandra Correia

seguran a rodovi ria lcool1
Segurança Rodoviária - Álcool
  • Este é transportado pelos vasos sanguíneos para diversos órgãos, passando pelo fígado que o decompõe apenas a uma média de 0,1 g/l por hora. Ao atingir o cérebro o álcool afecta progressivamente as capacidades físicas e psíquicas, afectando assim de forma negativa a condução.

Trabalho elaborado por: Sandra Correia

seguran a rodovi ria lcool2
Segurança Rodoviária - Álcool
  • Os efeitos ocorrem logo a seguir à ingestão da bebida alcoólica, sendo o processo de absorção de 60 a 70 minutos, atingindo um valor máximo de 1/2 a 2 horas. O seu processo de eliminação não só é lento como poderá ser perturbado por substância e factores que atrasam as funções do fígado ou potenciam o seu efeito nocivo, como sejam, o café, o chá, o tabaco, certos medicamentos e a fadiga.

Trabalho elaborado por: Sandra Correia

seguran a rodovi ria lcool3
Segurança Rodoviária - Álcool
  • Na maioria dos acidentes registados em Portugal, alem do excesso de velocidade, os condutores conduziam sobre o efeito do álcool.

Trabalho elaborado por: Sandra Correia

seguran a rodovi ria lcool4
Segurança Rodoviária - Álcool
  • Efeitos do álcool na condução:
  • Audácia incontrolada
  • Perda de vigilância em relação ao meio envolvente
  • Perturbação das capacidades sensoriais
  • Perturbação das capacidades perceptivas

Trabalho elaborado por: Sandra Correia

seguran a rodovi ria lcool5
Segurança rodoviária - Álcool
  • Aumento do tempo de reacção
  • Lentinficação da resposta reflexa
  • Diminuição da resistência à fadiga
  • Descoordenação Psicomotora
  • Alteração dos estados emocionais

Trabalho elaborado por: Sandra Correia

pelouro do urbanismo
Pelouro do urbanismo
  • Organizar e manter actualizado o cadastro municipal da rede viária;
  • Planeamento e ordenamento global de circulação e ocupação da via pública;

Trabalho elaborado por: Sandra Correia

pelouro do urbanismo1
Pelouro do urbanismo
  • Tráfego e de planos de circulação, trânsito e aparcamento;
  • A sinalização -semáforos, sinalização visível no pavimento

Trabalho elaborado por: Sandra Correia

mecanismos de seguran a
Mecanismos de segurança
  • Cinto de segurança
  • Um cinto de segurança comum consiste em um cinto abdominal, que passa pela pélvis, e um cinto subabdominal, que se estende pelo tórax. As duas partes estão presas a uma estrutura do carro para que os cintos segurem os passageiros em seus assentos.

Trabalho elaborado por: Sandra Correia

mecanismos de seguran a1
Mecanismos de segurança
  • Os pneus devem ser sempre de boa qualidade, para serem mais seguros, e resistirem melhor as diferenças climatéricas.

Trabalho elaborado por: Sandra Correia

mecanismos de seguran a2
Mecanismos de segurança
  • Airbag frontal:O airbag é uma espécie de almofada que se insufla numa fracção de segundo em caso de acidente, surgindo entre o corpo do ocupante do veículo e a estrutura interna do próprio veículo, com o objectivo de evitar lesões graves. propiciando em caso de acidente frontal o controle do deslocamento da cabeça do ocupante e a distribuição dos esforços sobre uma área maior, possibilitando então uma redução da pressão sobre o corpo.

Trabalho elaborado por: Sandra Correia

mecanismos de seguran a3
Mecanismos de segurança
  • Airbags laterais :Ao contrário do que acontecia até aqui, os airbags laterais já não protegem apenas o tórax, mas também a zona da bacia do condutor e do passageiro da frente. A capacidade de cada saco é de 15 litros, estando dividido em dois compartimentos, com pressões de accionamento distintas, de acordo com a intensidade do impacto.

Trabalho elaborado por: Sandra Correia

mecanismos de seguran a4
Mecanismos de segurança
  • Airbags de cortina:Os airbags de cortina pretendem evitar lesões, na cabeça, que podem ocorrer quando o passageiro é projectado contra o tejadilho ou contra a lateral do veículo.

Trabalho elaborado por: Sandra Correia

opera o de fiscaliza o da gnr
Operação de fiscalização da GNR
  • A GNR, nas operações de fiscalização observa o estado dos pneus, pois se estes não estarem nas devidas condições, destabiliza o veiculo, aumentando o risco de ter um acidente.

Trabalho elaborado por: Sandra Correia

slide19

Fim de apresentação

Trabalho elaborado por: Sandra Correia