Ensino Médio 3ª Série. - PowerPoint PPT Presentation

slide1 n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Ensino Médio 3ª Série. PowerPoint Presentation
Download Presentation
Ensino Médio 3ª Série.

play fullscreen
1 / 32
Ensino Médio 3ª Série.
147 Views
Download Presentation
dorian-yang
Download Presentation

Ensino Médio 3ª Série.

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

  1. Ensino Médio 3ª Série.

  2. Região Centro-Oeste

  3. Centro-Oeste é umas das cinco grandes regiões em que é dividido o Brasil.

  4. - Área de quase 19% do território brasileiro • Ocupado efetivamente a partir da década de 60 ( Brasília ) • Região pouco povoada 11,6 milhões de habitantes • Desbravado por bandeirantes que procuravam ouro e pedras preciosas séculos XVII e XVIII

  5. A Região Centro-Oeste é dividida em quatro unidades federativas: Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás e Distrito Federal, onde fica Brasília, a capital do país. Com uma área de 1.606.371,505 km², a Região Centro-Oeste é um grande território, sendo a segunda maior região do Brasil em superfície territorial. • Por outro lado, é a região menos populosa do país e possui a segunda menor densidade populacional, perdendo apenas para a Região Norte.

  6. História • Os indígenas foram os primeiros habitantes da Região Centro-Oeste. Depois chegaram os bandeirantes. Eles descobriram muitas minas de ouro e fundaram as primeiras vilas: Vila Real do Bom Jesus de Cuiabá, atual Cuiabá capital do Estado de Mato Grosso, Vila Boa, atual estado de Goiás e Meya Ponte, hoje, município de Pirenópolis. Surgiram arraiais que se tornaram municípios importantes.

  7. Século XVIII – ocupação era basicamente de povos indígenas; Bandeirantes em busca de pedras preciosas, chegam à região; Grande fluxo migratório para o Centro-Oeste e o desenvolvimento dos primeiros núcleos urbanos; Após a década de 1950 é que se verifica um grande crescimento populacional na região.

  8. Povoamento crescente com a venda de terras para a criação de gado; O Sudeste crescia, o que aumentava o consumo de alimentos; Início do século XX, constrói-se a primeira ferrovia ligando a região ao restante do país = desenvolvimento econômico;

  9. O governo federal preocupa-se em desenvolver economicamente tal região; Nos anos de 1940, foram criadas estratégias para desenvolvimento da região, tais como: venda de terras a preços mais baixos, atraindo grande contingente populacional; Década de 1950, idealização da construção da capital federal – Brasília, buscando mais dinamismo e desenvolvimento; Rodovias “ligavam” a capital federal ás cidades mais importantes do país = desenvolvimento econômico;

  10. Brasília Plano piloto

  11. Geografia Como em quase todo o território brasileiro, o relevo da região é marcado por unidades suaves, raramente ultrapassando mil metros de altitude. Planalto Central é um grande bloco rochoso, formado por rochas cristalinas, sobre as quais se apoiam camadas de rochas sedimentares. Pantanal é uma planície inundável de formação recente, cuja altitude média é de aproximadamente 110 metros. É, portanto, uma depressão relativa situada entre os planaltos Central, Meridional. Planalto Meridional se estende da Região Sul até os Estados de Mato Grosso do Sul e Goiás. Nele são encontrados os solos mais férteis de todo o Centro-Oeste – a terra roxa que aparece em forma de manchas no sul de Goiás e em Mato Grosso do Sul.

  12. Clima O clima da região Centro-Oeste do Brasil é tropical, quente e chuvoso, sempre presente nos Estados de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Goiás. A característica mais marcante deste clima quente é a presença de um verão chuvoso, entre os meses de outubro a março, e um inverno seco, entre os meses de abril a setembro.

  13. Hidrografia A Região Centro-Oeste é drenada por muitos rios, agrupados em três grandes bacias hidrográficas: Bacia Amazônica:, em Mato Grosso, para onde se deslocam rios colossais, como o Xingu, ou rios que formam principais afluentes do rio Amazonas, como o Juruena e o Teles Pires que formam o rio Tapajós; Bacia do Tocantins-Araguaia, ocupando o norte e o ponto mais a oeste de Goiás e o extremo leste de Mato Grosso; Bacia Platina, subdividida em suas bacias hidrográficas: a bacia do rio Paraná e a bacia do rio Paraguai, no restante da região.

  14. Bacia do rio Paraná , Na divisa com os estados de Minas Gerais, São Paulo e Paraná, o Centro-Oeste é banhado pelo rio Paraná e por um de seus formadores, o Rio Paranaíba, no extremo sul de Goiás Bacia do rio Paraguai , A maior bacia hidrográfica em extensão da região Centro-Oeste é a bacia do rio Paraguai, que nasce na Chapada dos Parecis, no Estado de Mato Grosso. Seus principais afluentes são os rios Cuiabá, Taquari e Miranda.

  15. Demografia Com 13.677.475 habitantes, conforme dados contabilizados pelo Censo do IBGE em 2010, a Região Centro-Oeste é pouco povoada. Sua população total é menor que a de estados como Rio de Janeiro ou Minas Gerais, cujas superfícies são bem menores que a do Centro-Oeste

  16. Etnias Cor/Raça Branca 50,5% Parda 43% Preta 5,7% Indígena e amarela 0,8%

  17. O estado do mato Grosso ainda possui uma quantidade considerável de índios, em função da floresta amazônica.

  18. Vegetação Formações vegetais bastante diferentes umas das outras. Ao norte e oeste aparece a Floresta Amazônica, praticamente impenetrável, composta por uma vegetação densa e exuberante. A maior parte da região, entretanto, é ocupada pelo cerrado, tipo de savana com gramíneas altas, árvores e arbustos esparsos, de troncos retorcidos, folhas duras e raízes longas, adaptadas à procura de água no subsolo.