uso racional de antimicrobianos n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
USO RACIONAL DE ANTIMICROBIANOS PowerPoint Presentation
Download Presentation
USO RACIONAL DE ANTIMICROBIANOS

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 18

USO RACIONAL DE ANTIMICROBIANOS - PowerPoint PPT Presentation


  • 144 Views
  • Uploaded on

USO RACIONAL DE ANTIMICROBIANOS. Claudio Orestes. Principais estratégias. Prevenir infecção Diagnóstico e tratamento efetivos Uso sábio de antimicrobianos Prevenir a transmissão. 12 Bloquear transmissão 11 Isolar o patógeno 10 Cessar ATB na cura

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'USO RACIONAL DE ANTIMICROBIANOS' - woodrow


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
principais estrat gias
Principais estratégias
  • Prevenir infecção
  • Diagnóstico e tratamento efetivos
  • Uso sábio de antimicrobianos
  • Prevenir a transmissão
slide4

12 Bloquear transmissão

11 Isolar o patógeno

10 Cessar ATB na cura

9 Dizer não a vanco

8 Não tratar colonização

7 Não tratar contaminação

6 Apoio de especialistas

5 Dados locais

4 Praticar o controle de antimicrobianos

3 Identificar o patógeno

2 Retirar os cateteres

1 Imunização

Prevenir a transmissão

Uso sábio de antibióticos

Diagnóstico e tratamento

efetivos

Prevenir infecção

12 passos para prevenir a resistência microbiana:

slide5

Prevenir infecção

Passo 1: Imunizar

Ações:

  • Dar vacina contra influenza e pneumococo antes da alta dos pacientes de alto risco
  • Imunizar anualmente os profissionais de saúde contra influenza

Fato: A vaciImunização pré-alta de pacientes de risco contra influenza e pneumoco E imunização dos profissionais de saúde contra influenza pode prevenir infecções.

slide6

Prevenir infecção

Passo 2: retirar os cateteres

Fato:cateteres e outros procedimentos invasivos são a principal causa exógena de infecção hospitalar.

Ações:

  • Usar cateteres apenas quando essenciais
  • Usar o cateter adequado
  • Usar protocolos para inserção e manutenção dos cateteres
  • Remover cateteres desnecessários
slide7

Diagnóstico e tratamento efetivosPasso 3:Identificar o patógeno

Fato:o uso adequado de antimicrobianos salva vidas.

Ações:

  • Cultura e teste de sensibilidade
  • Iniciar terapiaempírica contra os patógenos prováveis, de acordo com dados locais
  • Alterar para a terapiadefinitiva logo que se identificar o patógeno e sua susceptibilidade antimicrobiana
slide8

Diagnóstico e tratamento efetivos

Passo 4:

Apoio de especialistas

Fato:Infectologistas aprimoram o resultado do tratamento de infecções graves.

infectologista e o tratamento das infec es
Infectologista e o tratamento das infecções
  • Vários estudos sugerem que o infectologista pode aprimorar os resultados do tratamento das infecções, otimizando o uso de antimicrobianos, reduzindo os custos e a permanência hospitalar
    • Pacientes graves
    • Pacientes que falham na resposta ao tratamento de primeira linha
    • Pacientes com esquema terapêutico complexo
    • Pacientes com maior risco de interação medicamentosa
    • Pacientes de risco para apresentar efeitos adversos relacionados aos medicamentos
  • Outros profissionais também são essenciais, enfatizando-se a necessidade de um trabalho em equipe
slide10

Uso sábio

Dos antibióticos

Passo 5: Realizar o controle de antimicrobianos

Fato:Programas que controlam antibióticos podem ser efetivos.

uso s bio de antimicrobianos passo 6 utilizar dados locais
Uso sábio de antimicrobianosPasso 6: Utilizar dados locais

Fato:A prevalência de resistência pode variar como local, população de pacientes, unidade hospitalar e duração da hospitalização.

Ações:

  • Conhecer o perfil de sensibilidade
  • Conhecer características de seus pacientes
uso s bio de antibi ticos passo 8 tratar infec o n o coloniza o
Uso sábio de antibióticosPasso 8: tratar infecção, não colonização

Fato:Outra causa importante do uso inadequado de antibióticos é o “tratamento” de colonização.

Ações:

  • Tratar pneumonia, não o aspirado traqueal
  • Tratar a bacteremia, não o cateter ou o canhão
  • Tratar a infecção do trato urinário, não a sonda vesical
uso s bio de antimicrobianos passo 9 saber quando dizer n o vancomicina
Uso sábio de antimicrobianosPasso 9: Saber quando dizer não à vancomicina

Fato:O abuso de vancomicina promove a emergência, seleção e disseminação de patógenos resistentes.

Ações:

  • Tratar infecção, não contaminação ou colonização
  • Febre em paciente com cateter não é sinônimo de emprego de vancomicina
uso s bio de antimicrobianos passo 10 suspender o tratamento antimicrobiano
Uso sábio de antimicrobianosPasso 10: Suspender o tratamento antimicrobiano

Fato:Não suspender o tratamento antimicrobiano desnecessário contribui para seu uso exagerado e com a resistência microbiana.

Ações:

  • quando a infecção está curada
  • quando as culturas são negativas e infecção improvável
  • quando a infecção não é diagnosticada
previnir a transmiss o passo 11 isolar o pat geno
Previnir a transmissãoPasso 11: Isolar o patógeno

Fato:A transmissão cruzada pode ser previnida.

Ações:

  • empregar as Precauções Padrão
  • conter os fluídos infectantes

(precauções e isolamento de contato, gotículas e aerossóis)

  • em dúvida, consultar a CCIH
previnir a transmiss o passo 12 n o seja fonte de contamina o
Previnir a transmissãoPasso 12: Não seja fonte de contaminação

Fato:Profissionais de saúde podem disseminar microrganismos multiR para os pacientes

Ação:

  • fique em casa se estiver doente
  • não contamine os pacientes
  • faça higiene de suas mãos
  • seja um exemplo!
obrigado

"Doutor, tenho uma dor no ouvido."

2000 A.C. -"Tome, coma esta raiz."

1000 D.C. -"Comer essa raiz é paganismo, reze esta prece."

1850 D.C. -"Essa prece é superstição, beba esta poção."

1930 D.C. -"Essa poção é banha da cobra, tome este comprimido."

1985 D.C. -"Esse comprimido é ineficaz, tome este antibiótico."

2007 D.C. -"Esse antibiótico é artificial. Tome, coma esta raiz."

OBRIGADO !