PROJECTO - PowerPoint PPT Presentation

projecto n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
PROJECTO PowerPoint Presentation
play fullscreen
1 / 17
PROJECTO
125 Views
Download Presentation
tate
Download Presentation

PROJECTO

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

  1. PROJECTO HEREDITARIEDADE A BRINCAR

  2. Por que somos assim? • Por que algumas pessoas têm olhos castanhos, enquanto outras, azuis? • Por que alguns são altos e outros, baixos?

  3. CONCEITOS BÁSICOS EM GENÉTICA CLÁSSICA • Cromossomas homólogos: semelhantes em tamanho, forma, posição do centrómero e sequência de genes. • Tipos de Cromossomas: -autossomas e cromossomas sexuais

  4. Indivíduo heterozigótico: aquele que apresenta, para determinado gene, os dois alelos diferentes. • . Genótipo: constituição génica do indivíduo. Refere-se tanto a um ou mais pares de alelos que estão a ser estudados quanto ao “pool” (conjunto) génico do indivíduo. • . Fenótipo: expressão física do genótipo em interacção com o • ambiente. É a característica física ou bioquímica que se expressa no indivíduo como resultado da interacção do genótipo com o meio Heterozigótico (Aa)

  5. . Locus ou loco génico: posição (local) no cromossoma onde se localiza um gene. • Plural: loci

  6. Fenótipo = genótipo + ambiente Um mesmo genótipo pode expressar diferentes fenótipos, dependendo de sua interacção com o meio.

  7. Alelos: formas alternativas de um gene. Ocupam o mesmo locus em cromossomas homólogos e tipicamente diferem em sequência devido a processos mutacionais. • Alelo dominante: aquele que, por produzir uma proteína funcional, manifesta-se mesmo em dose única (expressa-se tanto em homozigotia quanto em heterozigotia). Representado por letra maiúscula. Centrómero Cromossomas homólogos

  8. Indivíduo homozigótico: aquele que apresenta, para determinado gene, os dois alelos iguais. Heterozigótico dominante (AA) Homozigótico recessivo (aa)

  9. Classe fenotípica: termo aplicado para agrupar indivíduos que apresentam, para determinado gene, um mesmo fenótipo. • Classe genotípica: termo aplicado para agrupar indivíduos que apresentam, para determinado gene, um mesmo genótipo.

  10. Primeira lei de Mendel • Pai vermelho, mãe brancaUma flor de pétalas vermelhas é representada pelo círculo em cartolina vermelha () e uma de pétalas brancas, pela cartolina branca () (o círculo colorido é o fenótipo). Foi determinado que o carácter flor vermelha (B) é dominante em relação ao flor branca (b). Em seguida, são representados os gâmetas produzidos por esses "pais"

  11. A primeira proleO resultado do cruzamento entre os pais serão filhos 100% iguais ou com a mesma cor de pétalas do progenitor dominante. Porém, cada florzinha carrega uma carga recessiva vinda da ‘mãe’, que na figura está representada pelo alfinete branco. Logo depois, os alunos representam os pares de gâmetas produzidos pelas "filhas”

  12. A terceira geraçãoDo cruzamento entre as duas flores da segunda geração, o resultado é 75% com pétalas vermelhas e 25% com brancas. Em plantas, a herança da cor das pétalas segue o previsto pela primeira lei de Mendel, que foi testada com ervilhas

  13. Para analisar a genética do sexo e a probabilidade de nascerem machos e fêmeas ou homens e mulheres numa determinada população, propomos uma experiência simples, realizada em laboratório com a Drosophila melanogaster, nome científico da mosquinha da banana. • Porquê moscas? • Por causa do ciclo de vida curto, o que economiza tempo, pela facilidade da técnica de observação e cruzamento e pelo grande número de descendentes. • O primeiro passo pode ser feito em casa. • Colocar banana num pote de vidro. Esperar que moscas pousem e depositem seus ovos colocar uma tampa de gaze e, depois, acompanhar o ciclo de vida das larvas.

  14. A morfologia externa da Drosophila melanogaster Drosophila melanogaster é um díptero e, como em qualquer insecto, o seu corpo apresenta-se dividido em cabeça, tórax e abdómen. A cabeça apresenta-se coberta de pêlos e sedas. Apresenta um par de antenas na região anterior e, lateralmente, dois olhos compostos, de cor vermelha. O tórax, de cor amarela-acastanhada, apresentam três pares de patas que terminam por garras e um par de asas finas e transparentes, que se distendem ao longo do abdómen. O abdómen é segmentado, apresenta-se em parte pigmentado de negro, é coberto de pêlos e isento de apêndices.

  15. Distinção do sexo da Drosophila melanogaster Tamanho do adulto A fêmea é geralmente maior que o macho Forma do abdómen O abdómen da fêmea é afilado na extremidade enquanto o do macho é arredondado e mais pequeno. Pigmentação do abdómen (este critério só é válido em moscas adultas) Na fêmea as bandas pigmentadas do lado dorsal do abdómen são bem distintas umas das outras. No macho, as últimas bandas pigmentadas estão fundidas. Pente sexual Os machos apresentam o chamado pente sexual, uma franja de cerca de dez sedas pretas, fortes, na superfície distal (mais afastada) do segmento tarsal basal da pata anterior. Esta estrutura esta ausente nas fêmeas. Este é o critério mais seguro para a distinção do sexo em moscas jovens, ou sempre que existam dúvidas quanto ao sexo de uma mosca.

  16. Distinção do sexo da Drosophila melanogaster

  17. fêmea macho 3-5 dias 1 dia embrião 1 dia pupa 1º estádio larvar 2 dias 1 dia prepupa 2º estádio larvar 2 dias 1 dia 3º estádio larvar Ciclo de vida da Drosophila melanogaster