estrutura do projeto de pesquisa n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
ESTRUTURA DO PROJETO DE PESQUISA PowerPoint Presentation
Download Presentation
ESTRUTURA DO PROJETO DE PESQUISA

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 43

ESTRUTURA DO PROJETO DE PESQUISA - PowerPoint PPT Presentation


  • 502 Views
  • Uploaded on

ESTRUTURA DO PROJETO DE PESQUISA. SUMÁRIO. OBJETIVOS. INTRODUÇÃO. Deve conter a contextualização e aprofundamento do tema: PROBLEMA.

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

ESTRUTURA DO PROJETO DE PESQUISA


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
    Presentation Transcript
    1. ESTRUTURA DO PROJETO DE PESQUISA SUMÁRIO OBJETIVOS

    2. INTRODUÇÃO • Deve conter a contextualização e aprofundamento do tema: PROBLEMA. • Esta parte não precisa ser muito aprofundada, mas há que se deixar claro o grau de conhecimento sobre o assunto, procedendo com a revisão da literatura ligada à temática da pesquisa. • Quando for o caso, devem ser apresentadas as hipóteses científicas e estatísticas (HIPÓTESE(S)). • Deve explicar os motivos da realização do estudo e destacar sua importância, fornecendo os antecedentes que os justifiquem (JUSTIFICATIVA).

    3. OBJETIVOS • Apresenta os propósitos do estudo, geral e específicos, os quais deverão nortear todo o desenvolvimento do trabalho. “O objetivo do presente trabalho é...” (enunciado direto e claro)

    4. METODOLOGIA • É a descrição completa dos procedimentos metodológicos que permitam a compreensão dos resultados. Deve conter informações sobre coleta e processamento de dados e evidenciar as variáveis estudadas. • Devem ser apresentados dados sobre local da pesquisa, população estudada, tipo de amostragem, técnicas e métodos adotados, incluindo os de natureza estatística. Às técnicas e métodos já conhecidos deve-se fazer apenas a referência e não sua descrição. • No caso de projeto somente teórico deve indicar o tipo de material a ser empregado, se fontes primárias ou secundárias, se bibliográficas ou testemunhais. • Assim, será útil informar as etapas a serem seguidas, o quadro teórico-metodológico onde se inscreve a pesquisa, o tipo de coleta e análise (interpretação ou abordagem) que será feito.

    5. CRONOGRAMA

    6. ORÇAMENTO • A elaboração e os gastos deste projeto serão de responsabilidade única e exclusiva do organizador. (opcional)

    7. APRESENTAÇÃO DO TRABALHO ESCRITO • FORMATO - Papel em branco, formato A4 (21 X 29,7cm); - Fonte Arial e tamanho 12 para todo o texto; - Fonte Arial e tamanho 10 para citações com mais de três linhas, notas de roda pé, paginação e legenda das ilustrações; - Fonte Arial tamanho 12 para (TÍTULO DE SEÇÃO) em maiúsculo e negrito; - Fonte Arial tamanho 12 para (Subtítulo) em minúsculo e negrito. Recomenda-se que a impressão seja feita apenas na frente da folha (não usar o verso da folha)

    8. APRESENTAÇÃO DO TRABALHO ESCRITO • MARGEM - Margem esquerda e superior de 3 cm; direita e inferior 2 cm; - Recuo de primeira linha do parágrafo: 1,25 cm (1 tab), a partir da margem esquerda; - Recuo de parágrafo para citação com mais de três linhas: 4 cm da margem esquerda; - Alinhamento do texto: utilizar a opção “Justificado” do programa Word; - Alinhamento de título e seções: utilizar a opção “Alinhar à Esquerda” do programa Word; - Alinhamento de título sem indicação numérica (Resumo, Abstract, Listas, Sumário Referências): utilizar a opção “Centralizado” do programa Word.

    9. APRESENTAÇÃO DO TRABALHO ESCRITO • ESPACEJAMENTO - Espaço “Entrelinhas” do texto: 1,5 cm - O espaço simples é usado em: citações de mais de três linhas, notas de roda pé, referências, resumos, legendas, ficha catalográfica; - Os títulos das seções e subtítulos devem começar na parte superior da margem esquerda da folha e separados do texto por dois espaços de 1,5 cm entrelinhas. - A Natureza do trabalho, o objetivo, o nome da instituição a que é submetido e a área de concentração devem ser alinhados do meio da folha para a direita em espaço simples e fonte Arial tamanho 10, ver exemplo de “Folha de rosto”.

    10. CITAÇÃO DE AUTORES NO TEXTO • SISTEMA NUMÉRICO O sistema numérico de citação de autores no texto é o sistema proposto pelas normas de Vancouver. As referências deverão ser citadas por ordem de aparecimento no texto, em números arábicos, entre parênteses em expoente (sobrescrito) ou em expoente, em parênteses. Uma única forma deve ser adotada e seguida em todo o documento. Cada referência receberá um único número e esta poderá ser citada várias vezes, sempre com o mesmo número.

    11. CITAÇÃO DE AUTORES NO TEXTO • SISTEMA NUMÉRICO O índice de mortalidade infantil vem decrescendo nos últimos anos.¹ (ctrl + alt + nº) O índice de mortalidade infantil vem decrescendo nos últimos anos. (1) (word: Fonte, Efeito, Sobrescrito)

    12. CITAÇÃO DE AUTORES NO TEXTO • SISTEMA NUMÉRICO - Ocorrência de mais de uma citação na mesma frase ou parágrafo: A mortalidade infantil vem decrescendo nos últimos anos em vários países.1,3 A mortalidade infantil vem decrescendo nos últimos anos em vários países.(1,3)

    13. CITAÇÃO DE AUTORES NO TEXTO • SISTEMA NUMÉRICO - Quando o(s) autor(es) fizer(em) parte da frase: Documentos escritos por um autor: Segundo Oliveira1 ... Documentos escritos por dois autores: Segundo Oliveira, Matos1... Documentos escritos por mais três ou mais autores: Segundo Oliveira et al.1...

    14. CITAÇÃO DE AUTORES NO TEXTO • FORMAS DE CITAÇÃO São três as formas de citações no texto: citações diretas, citações indiretas e citações de citações.

    15. CITAÇÃO DE AUTORES NO TEXTO • CITAÇÃO DIRETA É a utilização literal (cópia) de parte(s) do texto do autor consultado. - Usar [...] quando houver omissão de parte (s) da cópia do texto. - O texto citado deverá ser apresentado entre aspas. Exemplos: “A inclusão da psiquiatria na chamada medicina baseada em evidências foi recente, ao contrário das outras áreas médicas.”1 Segundo Versiani1, “A inclusão da psiquiatria na chamada medicina baseada em evidências foi recente, ao contrário das outras áreas médicas.”

    16. CITAÇÃO DE AUTORES NO TEXTO • CITAÇÃO INDIRETA É a menção da informação baseada na(s) obra(s) de outro(s) autor(es). Neste caso não deve haver cópia do texto original, mas sim uma interpretação e construção de outra frase. A ideia original não deve ser alterada, porém não deverá ser copiada na íntegra. Exemplos: Ao contrário das outras áreas médicas, só nos últimos anos, a psiquiatria passou a fazer parte da medicina baseada em evidências.1,3

    17. CITAÇÃO DE AUTORES NO TEXTO • CITAÇÃO DE CITAÇÃO (apud) Este tipo de citação só deve ser utilizada quando o documento original realmente não pode ser recuperado (documentos antigos, dados incompletos que dificultem a localização do mesmo, etc.).

    18. CITAÇÃO DE AUTORES NO TEXTO Exemplos: No texto: Segundo Kaufman*, em 1985, a metodologia de ensino PBL...21 Em nota de rodapé: ______________ *Kaufman A. Implementing problem-based medical education. New York: Springer; 1985 apud21. Na lista de referências: 21. Marshall JG, Fitzgerald D, Busby L, Heaton G. A study of library use in problem-based and traditional medical curricula. Bull Med LibrAssoc. 1993;81(3):299-305.

    19. DIFERENTES NORMAS

    20. PARA QUE SERVEM AS NORMAS? • Para que haja um padrão entre os trabalhos, que facilite revisão, comparação e publicação dos trabalhos. • Para boa apresentação e leitura.

    21. Vale PK, Santos ES. Perfil socioeconômico de hemodialíticos do Setor de Nefrologia do Hospital de Clínicas Dr. Alberto Lima de Macapá/AP. J BrasNefrol. 2007; 29(3)Supl. 3:29-34

    22. Duggal MS, Curzon MEJ, Fayle AS, Pollard MA, Robertson AJ, Palmer AM, et al. Técnicas restauradoras em odontopediatria: guia ilustrado para restauração de dentes decíduos exten-sivamente cariados. São Pualo: Artes Médicas, 1996.

    23. Autoria da parte. Título da parte: subtítulo da parte. In: Autoria do todo. Título do todo: subtítulo do todo. Edição. Local: Editora; ano. Paginação do capítulo. Rao SR. Romovablepartialdentures for children. In: Finn SB. Clinicalpedodontics. 4th ed. Philadelphia: Sauders; 1973. p. 271-85.

    24. Autoria. Título: subtítulo [forma]. Local: Faculadade, Universidade; ano de apresentação. Franco EJ. Avaliação comparativa entre terapias radiculares periodontais com laser de ER: YAG e convencionais, a partir da reação do tecido subcutâneo de ratos e da topografia superficial [dissertação]. Bauru (SP): Faculadade de Odontologia de Bauru, Universidade de São Paulo; 2003.

    25. Barbosa AHG, Grisi DC. Infiltração marginal coronária. In: Anais da 17ª Jornada de Araçatuba “Prof. José Olívio Victor”; 1997 maio 22-24; Araçatuba: Faxpress Copiadora; 1997. p. 25.

    26. Alunos da Poli vencem desafio de empreendedorismo [internet]. São Paulo: USP; 2006 [acesso 9 nov 2005]. Disponível em: http://noticias.usp.br/acontece/obterNoticia?codntc=13964.

    27. Liga Acadêmica de Prevenção das Doenças Renais. Uma visão geral sobre a saúde. UFJF. 2007 [acesso 12 ago 2010]. Disponível em: http://www.prerenal.ufjf.br/leigos/insufrenal.htm.