slide1 l.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
(Org. por Sérgio Biagi Gregório) PowerPoint Presentation
Download Presentation
(Org. por Sérgio Biagi Gregório)

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 15

(Org. por Sérgio Biagi Gregório) - PowerPoint PPT Presentation


  • 124 Views
  • Uploaded on

DEPARTAMENTO DE ENSINO DOUTRINÁRIO AULA E PALESTRA. Parábola do Mau Rico. (Org. por Sérgio Biagi Gregório). PARÁBOLA DO MAU RICO Introdução. No que se fundamenta a Parábola do mau rico? É parábola ou história? O que representa a distância entre o rico e o Lázaro?

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about '(Org. por Sérgio Biagi Gregório)' - shauna


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
slide1

DEPARTAMENTO DE ENSINO DOUTRINÁRIO

AULA E PALESTRA

Parábola do

Mau Rico

(Org. por Sérgio Biagi Gregório)

Curso Básico de Espiritismo

slide2

PARÁBOLA DO MAU RICO

Introdução

No que se fundamenta a Parábola do mau rico? É parábola ou história?

O que representa a distância entre o rico e o Lázaro?

O rico sempre vai para o Inferno? O pobre sempre para o Céu?

Questões

Curso Básico de Espiritismo

slide3

PARÁBOLA DO MAU RICO

Síntese do Texto Evangélico

Havia um rico (mau) e um pobre (Lázaro).

O rico não distribuía ao Lázaro nenhuma das migalhas que lhe sobravam.

O rico e o Lázaro desencarnam.

Lázaro  seio de Abraão; o rico  Hades (Inferno).

O rico pedia para Lázaro molhar a sua língua. Abraão diz ser impossível, pois há uma barreira entre ambos.

Tenta outro pedido: manda o Lázaro ir lá na Terra avisar os meus familiares sobre esses tormentos. Abraão fala que eles já têm Moisés e os profetas.

Curso Básico de Espiritismo

slide4

PARÁBOLA DO MAU RICO

Condenação do Rico

O Rico foi para o Inferno

A condenação foi justa? Não há contradição com os ensinamentos de Jesus?

O rico não foi condenado por ser rico, por querer cuidar de sua família, mas porque não ajudou Lázaro.

Não pôs em prática a lei de cooperação.

A caridade para com o próximo ficou esquecida.

Curso Básico de Espiritismo

slide5

PARÁBOLA DO MAU RICO

O Problema da Salvação do Rico

Diálogo com o Jovem

O Jovem dissera que havia guardado os mandamentos; depois, perguntou o que lhe faltava ainda para entrar no reino dos Céus?

Jesus lhe recomendou vender tudo o que tinha, dar aos pobres e segui-Lo.

O jovem foi embora muito triste, porque tinha grandes bens.

O jovem não entendeu que o apego aos bens terrenos é um obstáculo à salvação.

Curso Básico de Espiritismo

slide6

PARÁBOLA DO MAU RICO

Salvação de Lázaro

Lázaro no Seio de Abraão

A salvação foi justa? Sim. Há contradição com os ensinamentos de Jesus? Não.

Lázaro estava numa situação de “necessidade” e, mesmo assim, glorificou o Criador.

Humilhou-se na sua “carência”.

Não reclamou da sua situação.

Atendeu plenamente à vontade de Deus.

Curso Básico de Espiritismo

slide7

PARÁBOLA DO MAU RICO

Pobreza e Salvação

Lázaro foi para o Céu

Basta ser pobre para se salvar?

Há muita gente pobre que assim pensa.

Há muitos ricos que pensam que serão condenados ao fogo do Inferno  desprezam a religião.

A condição para nos salvarmos é glorificar o Criador na posição que Ele nos colocar.

Ser rico ou pobre é apenas uma circunstância.

Curso Básico de Espiritismo

slide8

PARÁBOLA DO MAU RICO

A Dificuldade de Salvação do Rico

Prova da Riqueza e da Pobreza

O rico, por estar mais próximo dos bens materiais, teve um esquecimento temporário dos benefícios que devia prestar ao seu próximo.

Não passou pela provação que lhe foi requerida.

O pobre, por não ser vítima das facilidades do dinheiro, pode suportar a contento a sua prova.

Passou pela provação que lhe foi requerida.

Curso Básico de Espiritismo

slide9

PARÁBOLA DO MAU RICO

O Abismo entre o Rico e o Lázaro

O Desencarne

O desencarne muda o status quo?

O abismo refere-se à condição moral de cada um.

Quando encarnados, a presença física mascara essa situação.

Desencarnados, cada qual toma o seu verdadeiro caminho; pode haver uma distância brutal entre um e outro.

Um exemplo: marido e mulher vivem juntos. Durante o sono, cada qual vai para lugares totalmente opostos.

Curso Básico de Espiritismo

slide10

PARÁBOLA DO MAU RICO

A Negação dos Pedidos do Rico

Os Dois Pedidos

Abraão não deixou Lázaro molhar a língua do rico nem vir à Terra avisar os seus irmãos. Por que?

Abraão dissera que eles já tinham Moisés e os Profetas.

Há fundamento no pedido? Por que avisar apenas os seus cinco irmãos? Não é uma forma de egoísmo?

E mesmo que fosse atendido, será que os seus irmãos iriam ouvir Lázaro, um pobre desconhecido?

Questão: somos sempre atendidos em nossos pedidos?

Curso Básico de Espiritismo

slide11

PARÁBOLA DO MAU RICO

Seio de Abraão

Abraão: Homem e Símbolo

Abraão, patriarca bíblico vindo da Mesopotâmia para as terras de Canaã, no reino de Hamurabi, por volta de 1850 a.C.

De acordo com a tradição bíblica, Deus o havia retirado de uma região politeísta, a fim de fazê-lo guardião da revelação e do culto monoteísta.

Abraão simboliza o homem escolhido por Deus para preservar o sagrado repositório da fé.

É pai da multidão, o homem de fé.

Curso Básico de Espiritismo

slide12

PARÁBOLA DO MAU RICO

O Problema da Riqueza e da Pobreza

Reencarnação: Luz no Caminho

Cientistas sociais do mundo inteiro têm se preocupado com o problema da riqueza, mas sem solução adequada.

Dificuldade: mesmo que se distribuísse a riqueza eqüitativamente, logo ela estaria desigual

Somente o princípio da reencarnação pode lançar uma luz sobre essa questão.

Riqueza e pobreza são provas que o Espírito tem que passar. Se não nesta vida; em outras, com certeza.

Curso Básico de Espiritismo

slide13

PARÁBOLA DO MAU RICO

Ensinamento da Parábola

Riqueza versus Pobreza

Procura mostrar a diferença entre amar a Deus e a Mamon

A riqueza não é um mau em si mesma.

E ela que propicia os avanços da ciência, da tecnologia e de todas as inovações úteis à nossa vida de relação.

O problema maior está no apego aos bens terrenos.

O importante é estar no mundo sem ser do mundo.

Curso Básico de Espiritismo

slide14

PARÁBOLA DO MAU RICO

Conclusão

Na pobreza exercitemos a paciência; na riqueza, a humildade. Procedendo desta maneira, conquistaremos a verdadeira propriedade, aquela que nenhum ladrão nos roubará, porque representará um patrimônio inalienável de nossas conquistas interiores.

Curso Básico de Espiritismo

slide15

PARÁBOLA DO MAU RICO

Bibliografia

KARDEC, A. O Evangelho Segundo o Espiritismo. 39. ed. São Paulo: IDE, 1984, cap. XVI.

SCHUTEL, C. Parábolas e Ensinos de Jesus. 11.ed., Matão: O Clarim, 1979, p. 104-114.

Curso Básico de Espiritismo