kursaal cultural centre n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Kursaal Cultural Centre PowerPoint Presentation
Download Presentation
Kursaal Cultural Centre

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 28

Kursaal Cultural Centre - PowerPoint PPT Presentation


  • 99 Views
  • Uploaded on

Kursaal Cultural Centre. http://www.youtube.com/watch?v=SK6_WDOw7cI. Kursaal Cultural Centre Rafael Moneo San Sebastian, Spain. Engenheiros estruturais : Javier Manterola , Hugo Corres and Associates, Jesus Jimenez Canas. Rafael Moneo.

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'Kursaal Cultural Centre' - saad


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
kursaal cultural centre

Kursaal Cultural Centre

http://www.youtube.com/watch?v=SK6_WDOw7cI

kursaal cultural centre rafael moneo san sebastian spain

Kursaal Cultural CentreRafael Moneo San Sebastian, Spain

Engenheirosestruturais:

Javier Manterola, Hugo Corres and Associates, Jesus Jimenez Canas

rafael moneo

Rafael Moneo

Em 1978, aos 40 anos, Rafael Moneoescreveuemseuartigo “SobreTipologia” narevistaOppositions,

“A abordagemtipológicatradicional, quebuscourecuperar a velhaidéia de arquitetura, falhouamplamente. Portanto, talvezoúnicomeioqueosarquitetostenham de maestriada forma hojesejadestruí-la”

Em 1989, quandoMoneoprojetouoKursaal Centre, poucohaviamudado. Seuperfilarquitetônico, naspalavras de Stanley Allen, ainda se caracterizavapela ”disjunçãointerna”. No Kursaal, a forma do cuboédestruída, inclinando-se sobreo mar, resultando num frágilequilíbrio entre partesdisparatadas.

local

Local

Umagrande parte do projeto de Moneoimplanta-se sobreumaárea de “acidentesgeográficos”nacosta do do mar Cantábrico. Moneorecusou-se a erigirqualquertipo de edifícioqueviolasse a paisagem natural e a presença do rio.

projeto

Projeto

Além de recusar-se a violar a presença natural do rionacidade, Moneobuscoucriardois volumes autônomoseseparados, prismasalinhadosnafoz do riocomo se fossemrochasgigantes. As rocahspertencemàpaisagemenãoao mar, ecriam um ponto de interesse entre o Monte Uliaeo Monte Igueldo. Moneoescolheucelebrar a ideia de acidentegeogråficoaoinclinarcada prism trêsgrausna horizontal ecincodegrausna vertical emdireçãoao mar eàsmontanhasaléms. Cadaprismacontém um auditórioinseridoemsi de forma assimétrica, referenciandoodesejo de Moneo de destruir a forma puraecriarcomposiçõesfrágeis. A única vista externapermitida se dáatravés de umaúnicajanela, queencarao Monte Urgull no prismamaioreo Monte Ulia no prismamenor.

corte eleva es

Corte + Elevações

As elevações do concurso de 1989 enfatizam a inclinacão dos prismas de um modoque as perspectivasnãoconseguemexpressar. Os cortes de Moneomostram as vigas de concreto no auditóriosobreo lobby. No corte, a cavidade entre osníveis de vidrotranslúcidodafachadaaparentam ser maciços. Na realidade, a cavidade tem dois metros de profundidade, umadistanciasubstancial.

estrutura

Estrutura

O Kursaalpossuiumapeledupla de vidrofeitadeplacas de vidrotranslucentecôncavas no exterior a tiras de vidrotranslucente no interior. As placas de vidrosãofixasporumaestrutura de açointeirmanteindependente. A fachadaespessaéseparada dos caixas de auditório no interior. Estassãofeitas de concreto, revestidasporpainéis de madeira. A estrutura das caixas do auditórioécompletamenteindependentedafachada do edifício.

sistema da fachada

SistemadaFachada

O Sistemametálicoquesuporta a fachadaéfeito de colunasevigasvagãodobradas, soldadasnaspontas. Os módulos de espaçamentosão de seis metros, grandesosuficienteparapermitir a circulação do arclimatizadoeacesso de serviço. As placas de vidrocôncavosãoconectadasàestrutura de açopormeio de clipesmetálicos. As junçõesnaesquina, quesãodesenhadasparaencontrar-se de manieralimpa, repetem-se ouinvertem-se emtodas as esquinasparaevitardetalhesdiferenciados. As juntas horizontaissãodiferenciadasem forma de V, executadasemalumínio.

concreto armado

O Kursaalpossui 48.000 metros cúbicos de concretoemais de 6000 toneladas de reforçoemaço. As paredesde concretopré-fabricadase as vigas de concretocontendooauditórioestãoocultasporrevestimentos de madeira. As estruturasindependentesencontram a fachadaapenaspormeio das plataformasintermediárias das escadas, quesãosuportadassimplesmentepor um pórtico de aço, conectadoàestrutura de aço exterior.

ConcretoArmado

vigas de concreto

As vigas pré-fabricadas de concreto do Kursaalsuportam a cobertura do volume interior do auditório. As vigasresistemaosesforços de compressãoetensão, possuindomais material no topo, ondeocorre a compressão. A fotografiadamaqueteàesquerdanãomostra as vigas de concreto, entretanto, se aparecessem, estariamsituadasacima dos painéis de madeira, como se vê no corteemvermelho. Emamareloaparecem as paredespré-fabricadas. A presença das vigas de concretoacima do teto do auditóriorespondemapenasao peso adicional do sistemasecundário de conbertura.

Vigas de Concreto

escadas

Em 12 de Abril de 1998, as escadas do Kursaalcolapsaram. A falhafoiatribuídaaossuportesmetálicos, quetiveramseudesenhoalteradoemrelaçãoao original paraaceleraroprocesso de contruçãonaúltimahora.

Escadas

O Colapsoocorreuem um feriadoeninguémficouferido. O desenhoàdireita, comparadaàfotografiadaestruturacolapsadamostraqueoaçonão era forte osuficienteparasuportaro peso; O desenhoatual do Kursaalhojeémostradoabaixoeàdireita.

interiores

Moneojoga com a escala do revestimento de madeira no interior e exterior das formas do auditório de concreto. Eleestabelece um maiorcontrastepormeio do uso de faixas de luzartifical no interior, referenciando as faixas de vidrotranslúcidonafachadaenosespaços do lobby.

Interiores

refer ncias

Kursaal Cultural Centre – Alissa Weaver – disponível online;

ImagensArquivopessoal Eunice Abascal

ImagensArquivopessoal Rafael Perrone

Referências