slide1 n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Tecnologias da Informação Móveis, Sem Fio e Ubíquas PowerPoint Presentation
Download Presentation
Tecnologias da Informação Móveis, Sem Fio e Ubíquas

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 21

Tecnologias da Informação Móveis, Sem Fio e Ubíquas - PowerPoint PPT Presentation


  • 81 Views
  • Uploaded on

Tecnologias da Informação Móveis, Sem Fio e Ubíquas. Amarolinda Zanela Saccol Professora da UNISINOS aczanela@unisinos.br. Macrotendência. A computação está deixando de estar centrada no computador pessoal e está se tornando centrada nos indivíduos. Computação Móvel.

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'Tecnologias da Informação Móveis, Sem Fio e Ubíquas' - mai


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
slide1

Tecnologias da Informação Móveis, Sem Fio e Ubíquas

Amarolinda Zanela Saccol

Professora da UNISINOS

aczanela@unisinos.br

macrotend ncia
Macrotendência

A computação está deixando de estar centrada no computador pessoal e está se tornando centrada nos indivíduos

computa o m vel
Computação Móvel

Dispositivos de computação que pressupõem portabilidade

Três categorias básicas de aplicações móveis:

  • Aplicações móveis (conectados ou não a uma rede – Ex: notebook)
  • Aplicações móveis sem fio aparelhos móveis conectados a uma rede por links sem fio (Ex: infrared, Bluetooth)
  • Aplicações móveis com Internet sem fio aparelhos sempre on-line (exemplo: Telefone WAP, WLAN com acesso à Internet)
computa o ub qua 3a onda da computa o
Computação Ubíqua(3a. onda da computação)

Era da tecnologia “calma” (calm technology):

a computação passa a ser subjacente às nossas vidas.

Os computadores passam a ser tão naturais,

tão sob medida e

tão “embutidos” em todos os locais,

que eles se tornam

praticamente invisíveis,

isto é, nós os utilizamos

quase sem pensar.

Mark Weiser

computa o m vel1
Computação Móvel

Macro e Micromobilidade:

  • Micro Mobilidade = liberdade de se movimentar dentro de uma pequena área, como salas ou prédios (via WLANs e Bluetooth)
  • Macro Mobilidade = liberdade de se movimentar em larga escala. Ex: globalmente, via satélite ou por celular
computa o m vel ferramentas
Computação Móvel - Ferramentas

Telefones celulares:

  • Celular 1G – analógico - voz;
  • Celular 2G – digitais, a maioria para transmissão de voz, limitada transmissão de dados, taxas de até 64kbps
  • 2.5G – 2G melhorada, pronta para dados, com taxas até 384 kbps;
  • 3G – prontas para voz, dados e conteúdo multimídia, com taxas acima de 2Mbps.
  • 4a. Geração – comunicação de banda larga entre todos os objetos, com taxas acima de 100Mbps
computa o m vel ferramentas1
Computação Móvel - Ferramentas
  • PDAs – Personal Digital Assistants
  • Telefones inteligentes (smartphone)–Telefone celular + PDA e e-mail sem fio
  • Palmtops – Computadores de mão
  • WEB PADS – tela estreita, mas com o poder de um computador, podendo substituir os notebooks
computa o m vel ferramentas2
Computação Móvel - Ferramentas
  • Notebooks com:
    • Infrared
    • Wi-fi
    • Bluetooth
computa o m vel transmiss o de dados
Computação Móvel – Transmissão de dados
  • Infrared :
    • Transmissão de dados via sinal infra-vermelho
    • Seguro – não ultrapassa paredes
    • Infravermelhos de alta velocidade chegam a uma largura de banda de 4Mbps
    • Conexão somente é feita entre dois aparelhos
    • Requer linha de visão entre os aparelhos
    • Ex: Transmissão de um cartão de visitas entre dois PDAs
computa o m vel transmiss o de dados1
Computação Móvel – Transmissão de dados
  • Bluetooth:
    • Origem: Ericsson, 1994
    • Padrão de comunicação por rádio
    • Chip, com transmissor/receptor
    • Freqüência de curto alcance (cerca de 10m, expansível para 100m com antena mais potente)
    • Largura de banda cerca de 64Kbps
    • Não requer a linha de visão direta entre dois ou mais aparelhos
    • Possibilita uma rede entre cerca de 7 aparelhos diferentes
    • Substitui o cabo para conexão entre diversos aparelhos
      • Ex: telefone celular x notebook

x teclado x mouse x câmera digital

x PDA x impressora

= PAN (Personal Area Network)

Saiba mais em: Bluetooth SIG - 2000 empresas: http://www.bluetooth.com

E http://www.bluetooth.org/

computa o m vel transmiss o de dados2
Computação Móvel – Transmissão de dados
  • Wireless LAN (Rede Local sem fio):
    • Transmissão de dados por sinais de rádio em locais abertos ou fechados
    • Rede Ethernet sem fio – permite interligar diversos computadores
    • Utiliza comumente o padrão Wi-Fi™ (mais comum é o IEEE 802.11b)
    • Taxa mais alta de transferência de dados (até 11MB/s) em distâncias de até 300 metros – expandível por grandes áreas
    • Seu ponto forte é a sua conectividade com a Internet.
    • Velocidade e simplicidade de instalação, flexibilidade
    • Permite que a rede chegue onde os cabos não permitem
    • Custo de instalação atual superior ao cabo, mas de manutenção menor
    • São escaláveis – possibilitam futura expansão com simplicidade
    • O padrão IEEE 802.11b e o Bluetooth podem

conviver sem grandes interferências –

são complementares

    • Questão (hoje): segurança
computa o m vel transmiss o de dados3
Computação Móvel – Transmissão de dados
  • Identificação automática (Auto-ID) – RFID (Radio Frequence Identification)
    • Pequenos chips (“etiquetas inteligentes”) que são acoplados em entidades e que armazenam um identificador. Uma antena é conectada a esse chip, e uma vez que a etiqueta esteja na área de alcance do leitor de RFID, este pode ler a identificação da entidade, sem a necessidade de contato “visual” direto com o produto. Substitui o código de barras.
  • Dispositivos de localização automática
    • Muitas vezes são combinados com os de identificação automática. Angulação, laterização ou sinais ultrasônicos são técnicas comuns de localização.
      • Exemplo: GPS (Global Positioning System) – via satélite, próprio para locais abertos
computa o m vel outras tecnologias importantes
Computação Móvel – Outras Tecnologias importantes
  • Sensores
    • Sensores termais, acústicos, visuais, magnéticos, infra-vermelhos, sísmicos ou de radar para monitorar condições de temperatura, umidade, movimento veicular,condições de luz, pressão, barulho, presença ou ausência de certos tipos de objetos e suas características (velocidade, direção, tamanho, etc.). Torna-se possível a criação de redes sensoriais sem fio (Wireless Sensor Network)
      • Ex: Medicine Cabinet
  • Reconhecimento de voz
  • Wearable Computing
neg cios m veis m business
Negócios Móveis (M-business)

“Transações de negócios realizadas

quando se está em movimento”

(KALAKOTA e ROBINSON, 2002, p. 20)

a id ia de mobilidade
A idéia de mobilidade
  • Mobilidade espacial, temporal e contextual
  • TIMS apoiando o trabalho móvel – andar, viajar, deslocar-se, visitar
algumas refer ncias
Algumas referências...

WEISER, M. The Computer for the 21st Century. Scientific American, September, p. 94-104, 1991.

WATSON, Richard; PITT, Leyland; BERTHON, Pierre; ZINKHAN, George. U-Commerce: Expanding the universe of Marketing. Journal of The Academy of Marketing Science, v. 30, no. 04, p. 329-343, 2002.

BALASUBRAMANIAN, S; PETERSON, R.; JAVENPAA, S. Exploring the implications of M-commerce for markets and marketing. Journal of The Academy of Marketing Science, vol. 30, no. 04, p. 348-361, 2002.

CAHNERS-IN-STAT/MDR. The mobile glossary. Report Number IN020434WP, 19 p., February 2002. Disponível em: http://www.instat.com

DAVIS, Gordon. Anytime/anyplace computing and the future of knowledge work. Communications of the ACM. Vol. 45, no. 12, p. 67-73, December 2002.

KALAKOTA, R.; ROBINSON, M. M-business: Tecnologia Móvel e estratégia de negócios. Porto Alegre: Bookman, 2002, 249 p.