slide1 n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Prof. Marco Antônio Sena, Msc PowerPoint Presentation
Download Presentation
Prof. Marco Antônio Sena, Msc

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 62

Prof. Marco Antônio Sena, Msc - PowerPoint PPT Presentation


  • 112 Views
  • Uploaded on

Organizações do Terceiro Setor. Prof. Marco Antônio Sena, Msc. Prof. Marco Antônio Sena, Msc. Prof. Marco Sena. Responsabilidade Social. Londrina - 2.005. Londrina - 2.005. Responsabilidade Social. Terceiro Setor. Tratamento médico alternativo para classes sociais menos

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'Prof. Marco Antônio Sena, Msc' - kendis


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
slide1

Organizações do TerceiroSetor

Prof. Marco Antônio Sena, Msc

Prof. Marco Antônio Sena, Msc

Prof. Marco Sena

Responsabilidade Social

Londrina - 2.005

Londrina - 2.005

slide4

Tratamento médico

alternativo para

classes

sociais menos

abastadas?

Acupuntura

para

Pobre?

slide5

Transporte em localidades de difícil acesso?

Onde nem tatu de chuteiras pode chegar?

slide6

È COISA DE .....????

  • Levar sopa na garrafa térmica.- Tomar cerveja em copo de requeijão.- Ir em casamento com camisa de time de futebol.- Andar com aquela carteira profissional ensebada no bolso
  • de trás.- Pentear bigode e costeleta enquanto anda pela rua.- Chorar no último capítulo da novela.- Colocar plástico em cima do telhado para evitar goteira.- Correr a casa inteira com o chinelo na mão atrás da barata.- Esquentar a ponta da Bic pra ver se ela volta a escrever.- Secar tênis atrás da geladeira.- Jogar algodão na árvore de natal para dar efeito de neve.
slide7

È COISA DE .....????

- Passar óleo queimado no cachorro para acabar com a sarna.- Passar o fio dental e depois cheirar para ver se o dente

está podre.- Escrever na lataria de carro sujo: "LAVE-ME, POR FAVOR".- Botar papel com álcool no sapato para amaciar.- Andar de carro com vidro fechado no maior calor só para

pensarem que você tem ar condicionado.- Deixar a bacia em cima da cama antes de ir para o trabalho

para, se caso chover, a goteira não molhar sua cama.- Em dia de chuva amarrar saco plástico em volta do sapato

para não molhar.- Calçar o sofá sem perna com tijolo.- Colocar bombril na antena da televisão.

slide9
Peças

Anúncios de Jornais

slide10

52 milhões, cerca de um terço da população. Dentre eles, 22,6 milhões eram indigentes, o que corresponde a 150 estádios do Maracanã lotados. O Instituto Ethos, entidade empresarial associada ao Fome Zero, fez as contas e concluiu que 46 milhões de brasileiros vivem com menos e US$ 1 por dia, o que os torna oficialmente miseráveis. Um estudo recente da Comissão Econômica para a América Latina(Cepal) estima que só no ano passado o exército de excluídosna América Latina aumentou 88 milhões. No Brasil, eles são maisde um terço da população (36,9%).

progresso dos objetivos nos anos 90 no mundo
Progresso dos OBJETIVOS nos anos 90 no mundo

O problema não é que falhamos na tentativa de erradicar a pobreza no mundo. O problema é que nunca fizemos uma tentativa conjunta e séria.

slide21

Responsabilidade Social

implica em:

1.Uma nova atitude perante as pessoas, a sociedade, a vida, o planeta.

2.Alicerçar as ações humanas sobre novas bases, referenciadas pela

ética, pela compreensão, pelo respeito à diversidade.

Marketing comunitário (social...)

§Troca  Essência do marketing

§Regra Fundamental:

Não espere nada de ninguém sem uma contrapartida.

§Recompensa (lucro):

“O público interessado em RS aceita pagar mais”.

slide22

Tendência (profissionalização):

No 12º Encontro Internacional de Comunicação,

MaxiMídia setembro 2002:

“O terceiro setor como oportunidade de mídia”.

 §Retorno Institucional

$      Fortalecimento da imagem

$      Diferencial de marca

§Benefício

$      Um mundo melhor para todos.

slide23

Percepção do Consumidor Brasileiro – versão 2002”. *

Pesquisa “Responsabilidade Social das Empresas

Empresa Socialmente

Responsável

Ter comportamento

ético

Ajudar a construir

uma sociedade melhor

Vale para todos os públicos com

os quais se relaciona:

  • Estimular a cidadania das comunidades.
  • Divulgar os meios que utilizam para serem socialmente responsáveis.

•Respeitar o meio ambiente.

•Manter relações éticas com governos

e sindicatos.

  • Zelar pela saúde e segurança dos funcionários.
slide26

Investimento em responsabilidade social dá dinheiro?

"Tem retorno certo que é a valorização da imagem".

"Ajuda o negócio a ser mais competitivo, fazer mais

dinheiro e permanecer no mercado."

As micro e pequenas empresas têm papel fundamental na forma de ação pela quantidade

de estabelecimentos, e número de trabalhadores envolvidos e sua capilaridade.

Dados mostram que 98% dos estabelecimentos formais do País são micro ou pequenos

negócios que detêm 67% dos postos de trabalho. "Tem de ter o ganha-ganha", diz ele.

Quer dizer, a ação tem de ter um olho nos benefícios sociais e outro nos benefícios

práticos e econômicos que o empresário busca.

slide27
Fidelização de clientes;
  • Ampliação de mercados;
  • Melhoria das relações internas de trabalho;
  • Diferencial para marca;
  • Criação de novas oportunidades;
  • Aproximação com o setor governamental;
slide28

Toda mi angustia tuvo la forma de un zapato.de un zapatito roto, opaco, desclavado.El patio de la escuela... Apenas tercer grado...Qué largo fue el recreo, el más largo del año.Yo sentía vergüenza de mostrar mi pobreza.Hubiera preferido tener rotas las piernasy entero mi calzado. Y allí contra una puerta recostada, mirando, me invadía el cansancio de ver cómo corrían los otros por el patio.

Zapatos con cordones, zapatos con tirillas, todos zapatos sanos. Me sentía en pecado vencida y diminuta, mi corazón sangrando...Si supieran los hombres cuánto a los diez años puede sufrir un niño por no tener zapatos...Qué anticipo de angustia. Todavía perdura doliéndome el pasado. El patio de la escuelay aquel recreo largo...

Mi piecesito trémulo, miedoso, acurrucado.Mi infancia entristecida, mi mundo derrumbado.Un pájaro sin alas, tendido al pie de un árbol.La pobreza no tiene perdón a los diez años.

Pobreza a los diez años

Matilde Alba Swan

slide29

Tabela 1 - A Estrutura da Pobreza no Brasil - 1997

Fonte: Construída com base na Pesquisa por Amostra de Domicílios (PNAD) 1997.

slide30

CSR Europe is a non-profit organisation that promotes corporate social

responsibility. Our mission is to help companies achieve profitability,

sustainable growth and human progress by placing corporate social

responsibility n the mainstream of business practice.

To convince managers of the benefits of socially responsible business

practice, by providing over 500,000 business people and partners with print

and online publications, best practices and tools, annually.

To offer business managers learning, benchmarking, and capacity

building opportunities.To energise a broader stakeholder dialogue

between businesses, European policy makers, governments, investors,

social partners, civil society and academics.

slide31

Responsabilidade Social EmpresarialPublic Involvement

A consciência de que se têm causado danos ao ambiente e desequilíbrio aos sistemas ecológicos, associada à percepção de que isso ameaça seriamente os sistemas sociais e o bem-estar global, levaram à preocupação de criar uma metodologia que oriente o desenvolvimento sustentável.

Acredita-se que, num futuro próximo, as organizações bem sucedidas serão aquelas que estiverem COMPROMETIDAS com a SUSTENTABILIDADE em seus diversos aspectos – social, econômico e ambiental – de maneira contínua e simultânea.

O movimento da responsabilidade social empresarial no Brasil criou e adaptou para a realidade brasileira uma série de instrumentos que ajudam as empresas a trilharem o caminho da responsabilidade social (RSE) e do desenvolvimento sustentável (DS), entendido este como integrador das dimensões econômicas, sociais e ambientais que cercam as atividades humanas.

slide32

Responsabilidade Social Empresarial

No universo de modelos e instrumentos que buscam conduzir à gestão responsável, encontram-se instrumentos como os padrões, bem como os princípios.

  • Princípios não são diretamente aplicáveis como os padrões e certificações;
  • Não existe um único código ou padrão que levará as corporações à RSE e ao DS;
  • Ferramentas são compatíveis com as várias instâncias de gestão e se aplicam individualmente a cada uma das dimensões da sustentabilidade;
  • Sustentabilidade é proporcional à integração entre sistemas (sinergia)
slide33

Responsabilidade Social Empresarial

  • Balanço Social é considerado uma ferramenta de gestão e instrumento de diálogo entre as partes interessadas.
  • Ferramenta de gestão pois é utilizado para a consolidação de práticas que estejam inseridas num processo maduro de diagnóstico, planejamento e implementação, benchmarking e avaliação, transparência e aprendizagem

Planejamento e implementação

Localizador de ferramentas

Diagnóstico

Indicadores Ethos

Transparência e aprendizagem

Guia de Elaboração do Balanço Social

Benchmarking e Avaliação

Banco de Práticas

slide34

Responsabilidade Social Empresarial

Para realizar um balanço social são necessários:

  • Planejamento do trabalho e escolha da estrutura (modelo);
  • Designação do grupo de trabalho (interno e externos);
  • Aplicação de indicadores (coleta e tratamento de dados),
  • Elaboração e análise do texto;
  • Verificação e auditoria de informações;
  • Publicação e divulgação do relatório;
  • Feedback;
slide35

Responsabilidade Social Empresarial

Exemplos de indicadores específicos para a indústria da Construção Civil:

Compromissos éticos. Conhecimento e aplicação de normas técnicas e legislação específica para cada modalidade de empreendimento;

Diálogo entre as partes interessadas. Mapeamento de stakeholders por projeto de construção

Gestão participativa. Estímulo e reconhecimento de sugestões dos empregados para melhoria dos processos (escritório e obra).

Saúde, segurança e condições de trabalho. Programa de conscientização sobre higiene geral; estrutura de apoio aos funcionários e programa de incentivo a melhor qualidade de vida; programa de conscientização e treinamento sobre segurança no trabalho.

slide36

Responsabilidade Social Empresarial

Responsabilidade Social Empresarial vista pelo mercado financeiro

A Bovespa pretende lançar no segundo semestre de 2005 o índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE), com pelo menos 40 empresas comprometidas. O projeto do índice foi inspirado no Dow jones Sustainability Index(DJSI) dos EUA. O intuito é promover atrativo adicional aos investidores, garantindo maior estabilidade às empresas que tem papéis negociados no mercado financeiro.

slide37

Responsabilidade Social Empresarial

A International Financial Corporation (IFC), divisão do Banco Mundial, organizou para o setor privado diretrizes para concessão de créditos para projetos acima de US$ 50 mi num documento denominado Princípios do Equador.

As diretrizes permitem aos bancos signatários identificar projetos e empresas sociais ambientalmente responsáveis. Os bancos signatários concentram cerca de 40% dos ativos do total dos 50 maiores bancos em atividade no Brasil, segundo o Banco Central

slide38

Responsabilidade Social Empresarial

Estudo de Caso – Amianto Crisotila

“É possível o uso controlado sem causar danos à saúde”. “Não há registro de doenças ocupacionais nos trabalhadores admitidos a partir de 1980”. “A utilização da fibra se dá pois é barata e há mercado no mundo subdesenvolvido” diz pneumologista da Faculdade de medicina da USP.

A fibra acumula-se nos alvéolos. O pulmão provoca um processo de cicatrização permanente e vai endurecendo. A vítima tem falta de ar progressiva até morrer de asfixia. É o chamado “pulmão de pedra”. A asbetose é incurável. Leva em média 5 anos para se manifestar e matar. Os operários de amianto têm 50 vezes mais chance de ter câncer de pulmão, 98% dos casos de mesotelioma diagnosticados no mundo foram causados pela amianto

slide39

Responsabilidade Social Empresarial

Estudo de Caso – Amianto Crisotila

São 128 os ex-operários mortos por doenças causadas pela contaminação por asbesto. Outros 638 ex-trabalhadores estão doentes.

A Brasilit, empresa de fibrocimento nacional, trabalha exclusivamente sem amianto, e faturou R$260 mi em 2003 quando substituiu o amianto, com matéria-prima, por polipropileno. A nova tecnologia, denominada cimento reforçado com fio sintético, exigiu investimentos da ordem de R$60 mi de reais por fábrica

slide44

Mais de 250.000 entidades;

  • Movimentação de 1,2% do PIB;
  • 6% da população total,
  • A aplicação do capital privado prol do público, além de corrigir distorções sociais, é um excelente instrumento de aprimoramento das relações de mercado.
slide45

Organização baseada em valores

Prof. Marco Antônio Sena, Msc

slide46

O Brasil não vai quebrar...

Se o Brasil quebrar ...

  • O México quebra 30 minutos depois
  • A Argentina quebra 15 minutos depois
  • O Chile quebra 5 minutos depois
  • O Paraguai quebra junto...

Prof. Marco Antônio Sena, Msc

slide47

Brasil:

O Futuro é Maior do que o Passado...!

Prof. Marco Antônio Sena, Msc

slide48

Brasil:

O único problema é o brasileiro.

...Que não acredita.

Prof. Marco Antônio Sena, Msc

slide49

AFP – Association of Fundraising Professionals

The resource alliance

The International Fund Raising Group Fundraising for a better world

AEDROS – Asociación de Ejecutivos em Desarrolo de Recursos de Organizaciones Sociales de Argentina

slide50

O sucesso de uma organização depende de uma teia de relações com outras organizações, administração pública, mídia, entidades financeiras e, sobretudo, clientes.

  • Empresas “socialmente responsáveis”:
  • Estas empresas, tendo o foco e objetivos distorcidos, normalmente orientadas somente pela área de marketing, trocam constantemente de projetos, pois tem em vista prêmios, buscam destaque para sua atuação, gastam vultuosos recursos em MKT que poderia ser direcionado diretamente para a ação social, causando diminuição de doações para as entidades que realmente estão preocupadas com o fim social.
slide60

"O que sabemos fazeraprendemos fazendo“

ARISTÓTELES

O capital exige uma hipoteca social – Karol Wojtyla – Ioannes PaulusP.P. II

slide61

Trabalhe em algo de que realmente goste,

e você nunca precisará trabalhar na vida

Prof. Marco Antônio Sena, Msc

slide62

Thast´s all, folks!

  • E-mails:
  • professorsena@hotmail.com
  • msena@fecea.br
  • msena@institutocidadeverde.org.br

Thast´s all, folks!