Download
an lise de riscos n.
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
ANÁLISE DE RISCOS PowerPoint Presentation
Download Presentation
ANÁLISE DE RISCOS

ANÁLISE DE RISCOS

657 Views Download Presentation
Download Presentation

ANÁLISE DE RISCOS

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

  1. ANÁLISE DE RISCOS Atores e Tipos do Risco Prof. Fernando Pires

  2. Na Aula Passada... • Como acontecem acidentes • Riscos subestimados • Riscos assumidos • Riscos ignorados • Expressões do Risco • Mapas de Risco • Subcategorias do gerenciamento do risco em empresas • Riscos externos • NA AULA PASSADA... • Gerenciamento de risco em empresas • Dificuldades • Especulação cognitiva • Métodos de Gerenciamento • Identificação • Análise • Avaliação • Tratamento • PDCA - PGR

  3. Na Aula Passada... • Organização e Responsabilidades • NA AULA PASSADA... • Fatores de gerenciamento de risco • Probabilidade de ocorrência do risco; • Impacto do risco; • Perda esperada do risco; • Situação do risco; • Estratégia de resposta; • Planejamento de Resposta; • Gatilhos dos riscos

  4. Aula 5 – Atores do Risco Atores do Risco • Conceito • Atores do risco Atores sociais • Qualquer pessoa ou instituição que tenha interesse ou que seja afetada por determinada álea (acontecimento possível). • Interação entre atores;

  5. Aula 5 – Atores do Risco Atores do Risco Qual a função dos atores na gestão do risco?

  6. Aula 5 – Atores do Risco Importância Importância dos Atores [...] o risco é uma construção social. A percepção que os atores têm de algo que representa perigo para eles próprios, para os outros e seus bens, contribui para construir o risco que não depende unicamente de fatos ou processos objetivos. Sem atores não há risco Diversidade individual Diversidade social

  7. Aula 5 – Atores do Risco Organização Atores em Blocos Atores Sociais que influenciam e são influenciados pela qualidade do ambiente e de vida na região podem ser divididos em “blocos de poder” . Organização da diversidade social

  8. Aula 5 – Atores do Risco Atores do Risco • Atores em Blocos • O Poder Público • Exerce a partir dos órgãos do legislativo, executivo, judiciário. Estes, por sua vez, situam-se em diversos níveis: local, estadual e nacional. Em muitos casos a estes se agregam organismos internacionais. • O Poder Econômico • Exerce a partir de empresas e instituições da indústria, a agroindústria, os bancos, o comércio.

  9. Aula 5 – Atores do Risco Organização • Atores em Blocos • O poder do Saber e da Informação • Concentra nos centros de pesquisa, nas universidades, na rede formal de ensino e nos meios de comunicação. • O Poder da Organização da Sociedade Civil • Expressa particularmente nas organizações do chamado Terceiro Setor: ONGs e Movimentos Sociais com suas diferentes representações: sindicatos, cooperativas, associações, comunidades de igrejas, etc.

  10. Aula 5 – Atores do Risco Relação Atores em Blocos Grupo 1 Participa Fiscaliza Realinha

  11. Aula 5 – Atores do Risco Relação Atores em Blocos Grupo 2 Grupo 1 Grupo 4 Grupo 3 Participa Participa Participa Participa Fiscaliza Fiscaliza Fiscaliza Fiscaliza Realinha Realinha Realinha Realinha

  12. Aula 5 – Atores do Risco Relação Como os atores devem se organizar afim de diminuir os riscos?

  13. Aula 5 – Atores do Risco Relação Atores em Blocos

  14. Aula 5 – Atores do Risco Relação Atores em blocos

  15. Aula 5 – Atores do Risco Relação Mapa de Orientação Conceitual – Organização dos Atores Percepção maior Representação menor Percepção menor Representação maior Menor Maior Adaptado de Marcon e Moinet (2000) Interatividade Poder

  16. Aula 5 – Atores do Risco Relação • Atores e a Gestão de Risco • A gestão do risco depende intrinsecamente da participação ativa de todos os atores relacionados e das interações entre os mesmos. • A gestão de risco não concerne a todas áleas pois depende diretamente dos atores; • Exemplo: Países desenvolvidos, em desenvolvimento e subdesenvolvidos

  17. Aula 5 – Atores do Risco Tipos de Risco Quais são os tipos de risco?

  18. Aula 5 – Tipos de Risco Principais Tipos de Risco Abordagens variadas podem conduzir a diferentes tipologias Atualmente os estudos acerca dos riscos ambientais vêm sendo desenvolvidos em vários setores, estando a noção de risco consideravelmente difundida na sociedade, figurando em debates, avaliações e estudos no meio acadêmico e empresarial. Este risco acompanha, via de regra, um adjetivo que o qualifica: risco ambiental, risco social, risco tecnológico, risco natural, biológico, e tantos outros, associados à segurança pessoal, saúde, condições de habitação, trabalho, transporte, ou seja, ao cotidiano da sociedade moderna. Castro et al, 2005

  19. Aula 5 – Tipos de Risco Principais Tipos de Risco

  20. Aula 5 – Tipos de Risco Principais Tipos de Risco • Principais • Três principais abordagens: • Geociências • Enfoque em processos catastróficos e rápidos; • Tecnológicas e Sociais; • Empresarial e Financeira. • Castro et al, 2005

  21. Aula 5 – Tipos de Risco Classificação Classificação dos Riscos De todos os tipos de riscos, devemos enfatizar quatro que aparecem em destaque na literatura sobre o tema: Riscos Naturais Riscos Tecnológicos Riscos Sociais Risco Ambiental Dagnino & Carpi Jr, 2007

  22. Aula 5 – Tipos de Risco Classificação • Riscos Naturais • Referência àqueles que não podem ser facilmente atribuídos ou relacionáveis à ação humana • Tipologia de riscos naturais: • Riscos tectônicos e magmáticos; • Riscos climáticos; • Riscos geomorfológicos • ravinamento, de movimentações de massa, como desabamento ou deslizamento e outros riscos geomorfológicos como os decorrentes da erosão eólica e do descongelamento de neves de altitude e os • Riscos hidrológicos.

  23. Aula 5 – Tipos de Risco Classificação • Riscos Naturais • Risco Telúrico • O risco de origem industrial não é o único, e pode se somar ou se combinar com outros: há o risco sanitário grave (uma população numerosa dizimada por uma peste, por uma epidemia, como já houve inúmeras vezes na história mundial e aqui entre nós); e há também o risco mais global, mais incontrolável - que nos reduz à nossa pequenez física, às dimensões exatas enquanto moléculas frágeis do mundo material - que é o risco telúrico. Quantas milhares de pessoas desaparecidas em poucos segundos num terremoto, numa erupção vulcânica, num tufão [...] • Sevá Filho (1988)

  24. Aula 5 – Tipos de Risco Classificação Riscos Naturais

  25. Aula 5 – Tipos de Risco Classificação • Riscos Tecnológicos • Referência àqueles são diretamente atribuídos ou relacionáveis à ação humana • Fatores indissociáveis dos riscos tecnológicos: • Processo de Produção; • recursos, técnicas, equipamentos, maquinário, etc... • Processo de Trabalho; • relações entre direções empresariais e estatais e assalariados, etc... • Condição Humana; • existência individual e coletiva, ambiente

  26. Aula 5 – Tipos de Risco Classificação • Riscos Tecnológicos • Equivale a dizer, grosso modo, que, onde pelo menos um desses fatores for encontrado, haverá risco tecnológico ou a probabilidade de um problema causado por ele.

  27. Aula 5 – Tipos de Risco Classificação • Riscos Sociais • Devido à polissemia da expressão ‘social’, pode-se qualificar desta forma a maior parte dos riscos, “quer nos atenhamos às suas causas sociais, quer atentemos para suas conseqüências humanas”. • Vieillard-Baron (2007) • Tipologia do Risco Social: • Riscos Endógenos; • relacionados aos elementos naturais e às ameaças externas, como terremotos, epidemias, secas e inundações; • Riscos Exógenos; • relacionados diretamente ao produto das sociedades e às formas de política e administração adotadas, como o crescimento urbano e a industrialização, etc...

  28. Aula 5 – Tipos de Risco Classificação ...então todo risco não seria considerado ‘social’?

  29. Aula 5 – Tipos de Risco Classificação Riscos Sociais Risco é um processo antropológico O Risco é sempre um objeto social

  30. Aula 5 – Tipos de Risco Classificação • Risco Ambiental • As situações de risco não estão desligadas do que ocorre em seu entorno – o ambiente, em seu sentido amplo – seja o ambiente natural, seja o construído pelo homem (social e tecnológico). • Risco Ambiental - Termo Sintético (Englobador) • Os riscos ambientais “resultam da associação entre os riscos naturais e os riscos decorrentes de processos naturais agravados pela atividade humana e pela ocupação do território.” • Veyret e Meschinet de Richemond (2007)

  31. Aula 5 – Tipos de Risco Classificação • Outras Caracterizações • Lima e Silva et al. (1999) • Análise de Risco: • análise somente dos riscos físicos, não considerando aspectos financeiros; • Análise de Risco Ambiental: • avaliação dos riscos que as atividades humanas impõem ao ambiente; • Análise de Risco Ecológico: • riscos às espécies ou ecossistemas;

  32. Aula 5 – Tipos de Risco Classificação • Outras Caracterizações • Lima e Silva et al. (1999) • Análise de Risco Humano: • vinculado à área de saúde pública ou à toxicologia, enfatizando a probabilidade de efeitos indesejados à saúde humana, em função da incorporação de substâncias tóxicas; • Análise de Risco Tecnológico Acidental: • usado na área industrial e militar, destinado a avaliar danos ao homem.

  33. Aviso CAFÉ CIENTÍFICO DISCUTE DESENVOLVIMENTO INFANTIL EM SITUAÇÕES ADVERSAS E DE RISCO NA PERIFERIA DE SALVADOR E MELHORIAS ATRAVÉS DA ARTE!13 de Setembro de 2013 – 18:00 Local: Auditório da Biblioteca Pública do Estado da Bahia (Biblioteca dos Barris), Rua General Labatut, 27, Barris, Salvador - BA.Desenvolvimento infantil em situações adversas: das situações de risco à intervenção através da arteJosé Eduardo Ferreira Santos (Instituto de Psicologia, UFBA, Programa Nacional de Pós - Doutorado - PNPD)

  34. O QUE VEREMOS DAQUI PRA FRENTE SIG NA ANÁLISE DO RISCO DE SALINIZAÇÃO NA BACIA DO RIO CORURIPE - AL http://area1risco.wordpress.com/

  35. DISCUSSÃO ANÁLISE DE RISCO COMO CRITÉRIO A GESTÃO DO TERRITÓRIO - UM ESTUDO DO PLANO DIRETOR DO MUNICÍPIO DE ALENQUER - PA http://area1risco.wordpress.com/