slide1 n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
biblioteca rede de bibliotecas PowerPoint Presentation
Download Presentation
biblioteca rede de bibliotecas

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 62

biblioteca rede de bibliotecas - PowerPoint PPT Presentation


  • 84 Views
  • Uploaded on

Rede de Fontes de informação de evidências na BVS – perspectivas e desafios Abel L. Packer Director BIREME/OPAS/OMS Wokshop BVS – HEN, São Paulo, 10 – 11 abril 2006. •. •. •. •. 1967. 1982. 1987. 1998.

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

biblioteca rede de bibliotecas


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
    Presentation Transcript
    1. Rede deFontes de informação de evidências na BVS – perspectivas e desafiosAbel L. PackerDirector BIREME/OPAS/OMS Wokshop BVS – HEN, São Paulo, 10 – 11 abril 2006

    2. • • • 1967 1982 1987 1998 A BIREME é um Centro Especializado da OPAS/OMS com missão, obrigações, funções, objetivos, programa de trabalho orientados ao desenvolvimento da informação científica e técnica em saúde na América Latina e Caribe com vistas ao acesso equitativo Criada em 1967 como o nome de Biblioteca Regional de Medicina. Convênio OPAS e Govêrno Brasileiro, através do MS, MEC, SES_SP, UNIFESP Em 1982 mudou o nome para Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde Evolução baseado no trabalho em rede e como produtos, serviços, eventos e tecnologias de propriedade comum sistema de sistemas nacionais de informação bibliotecarede de bibliotecas centro de informação e indexação biblioteca virtual em saúde

    3. a Internet vem permitindo que as redes de pessoas, instituições e serviços desenvolvam espaços virtuais onde são operadas redes de fontes de informaçãoparticularmente na comunicação científica y técnica

    4. 1 2 3 4 5 usuário redes de produtores, intermediários, usuários redes de fontes e fluxos de informação 1 2 3 4 5 usuario apoio à gestão de ambientes aprendizes e informados para tácito explícito tácito socialização socialização socialização socialização exteriorização exteriorização de explícito interiorização interiorização interiorização combinação Modelo clássico: instâncias fixas separadas no espaço e no tempo bvs Internet a re-estruturação dos fluxos de informação Modelo BVS: instâncias convergem para o mesmo espaço com alto grau de simultaneidade. Movimento de open access Comunidadesde práticas Ambientes informados: estrutura de fluxos. Fonte: Nonaka e Takeuchi (1996)

    5. Convergência dos atores da produção do fluxo de informação científica e técnica, Convergência dos diferentes tipos de fontes de informação Possibilidade real do acesso universal e equitativo à informação e ao conhecimento científico e técnico

    6. primárias: textos completos originais, bases numéricas, secundárias: referenciais, catálogos, diretórios, serviços, metodologias, tecnologias : guias, aplicativos, terminologia terciárias: apoio aos processos de aprendizagem e tomada de decisão disseminação seletiva e interativa: serviços por perfis, instâncias, eventos de push e inclusão informacional comunicação : broadcast e interativa: notícias, eventos, comunidades fontes de informação: 6 tipos de acordo com a função: a BVS registra, organiza, indexa, preserva, relaciona, põe em ressonância e linkam os conteúdos das fontes de informação

    7. domínios de fontes e fluxos informação técnicascomo fazer? conhecimentoCientífico tácito fatoseventos

    8. Rede BVS – Biblioteca Virtual em Salud rede de fontes e fluxos de informação científica e técnica em saúde que envolve mais de 2000 instituições produtoras, intermediárias e usuárias de informação em saúde nos âmbitos regionais, nacionais e locais Compreende mais de 60 portais.O portal regional operado pela BIREME tem mais de 500 mil visitas por mês Rede SciELO – Scientific Electronic Library Online\ rede de coleções nacionais e temáticas de revistas científicas de qualidade operadas em acesso aberto. Os países responsáveis por mais de 75% da produção científica operam coleções nacionais SciELO com cerca de 300 títulos certificados em acesso aberto com mais de 3 milhões de artigos visitados por mês. Rede ScienTI – Rede internacional de fontes de informação e conhecimento para a gestão da ciência, tecnología e inovação rede de coleções de diretórios de curricula de pesquisadores, grupos de pesquisa, projetos e instituições de pesquisa operados pelos conselhos nacionais de ciência e tecnologia com a participação da OPAS, OEA e UNESCO. Adotada pela maioria dos países da América do Sul, México e Portugal e deverá expandir-se para América Central e Caribe nos próximos anos.

    9. demo

    10. www.bvs.br

    11. www.bvsalud.org