trabalho de ci ncias n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
TRABALHO DE CIÊNCIAS PowerPoint Presentation
Download Presentation
TRABALHO DE CIÊNCIAS

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 22
heulwen-evans

TRABALHO DE CIÊNCIAS - PowerPoint PPT Presentation

146 Views
Download Presentation
TRABALHO DE CIÊNCIAS
An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author. While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

  1. TRABALHO DE CIÊNCIAS OS OSSOS

  2. VOCÊ SABIA? O esqueleto humano é formado por 206 ossos, e divide-se em três partes: CABEÇA TRONCO MEMBROS

  3. A caixa torácica é formada por: • 7 pares de costelas verdadeiras • 3 pares de costelas falsas • 2 pares de costelas flutuantes • Osso esterno situado no meio do peito

  4. O ESQUELETO • Como será que se faz embaixadas? • Era o que a garota pensava quando via os meninos fazendo a bola quicar nos pés, sem deixá-la cair no chão. • Não sossegou até aprender a fazer também. Ela tentou, treinou, tomou olé da bola, ficou brava, acalmou, e finalmente pegou o jeito.

  5. Mas o que o corpo precisa ter para que alguém possa fazer embaixadas? • Para ficar de pé, é preciso ter ossos, a não ser que você seja um boneco inflável. • E por falar em ossos, é preciso um batalhão deles para compor um ser humano. • O Esqueleto é formado por mais de 200 ossos. Ele é a estrutura do corpo, quem dá força ao organismo e protege os órgãos internos. • Com um grande espírito de equipe, os ossos trabalham todo o tempo em conjunto, e tem uma boa ajuda das cartilagens.

  6. E o que seriam as CARTILAGENS? • Vamos voltar um pouco no tempo: • Quando você era um bebê, não havia ossos no seu corpo, apenas cartilagens, que é um tecido mais maleável que o tecido ósseo. • Conforme seu crescimento, ela foi se transformando em ossos. • Mas uma parte dela sobrou para ajudar na ligação entre os ossos.

  7. CABEÇA E TRONCO • Você já viu uma caveira? • Reparou que no lugar do nariz ela tem um buraco? • É que caveira é só osso, e boa parte do nariz é uma cartilagem

  8. CRÂNIO • É o conjunto de ossos que envolvem e protegem seu “miolo mole”. • O traumatismo craniano ocorre quando uma pancada muito forte quebra alguma parte dessa proteção. • Há duas aberturas para encaixar os olhos, chamadas órbitas. • Existem também aberturas para os ouvidos e o buraco do nariz.

  9. BLÁ, BLÁ, BLÁ...... • Ao crânio está encaixada a mandíbula, que se mexe quando sua caveira mastiga, ri, fala. • C R E D O!!!!!!!!!

  10. A CLAVÍCULA • Osso fácil de se quebrar, envolve o pescoço e os ombros.

  11. AS ESCÁPULAS • Antigamente eram chamadas de OMOPLATAS. • Sustentam os ombros. • Se fôssemos anjos, as asas cresceriam aí.

  12. Os 12 pares de costelas são um grupo especial no batalhão dos ossos. • Elas são os seguranças do coração e do pulmão. • Para proteger esses órgãos elas formam a CAIXA TORÁCICA, com a ajuda do esterno, o osso do peito. • As costelas são elásticas e se movimentam quando enchemos o pulmão de ar.

  13. As costelas estão ligadas à COLUNA VERTEBRAL (espinha dorsal), que também é flexível. • Ainda bem, pois se não fosse flexível, como você amarraria o sapato? • Como olharia para trás, quando seu melhor amigo está chamando você? • A coluna é formada por uma porção de ossinhos, chamados “VÉRTEBRAS”, empilhados um em cima do outro, com a ajuda de articulações e ligamentos. • O nome do último ossinho da coluna vertebral é “CÓCCIX” • O Outro conjunto de ossos forma a bacia, nossa “CADEIRA” natural. Fazem parte dela os ossos do quadril, protetores dos nossos rins, por exemplo.

  14. BRAÇOS E PERNASvamos agora dar um passeio pelos ossos dos braços e das pernas • UMERO: é o osso da parte de cima do braço, do ombro ao cotovelo. • RÁDIO e ULNA: é o osso da parte de baixo, do cotovelo até a mão. O rádio fica no mesmo lado que o polegar.

  15. A ILUSÃO DA MÃO • Embora a mão pareça ser formada por um osso redondo que se divide em cinco dedos, não é bem assim que acontece. • Ela também está dividida em cinco ossos, os METACARPAIS, envolvido por músculos e nervos que dão essa impressão maciça para a mão. • Os ossos dos dedos são a continuação dos metacarpais, e se chamam FALANGES.

  16. O osso que sustenta as coxas é o mais comprido do corpo. • Chama-se “FÊMUR”.

  17. QUE BONITO É... • Quem pratica qualquer esporte sabe como é importante o JOELHO. • No futebol, a embaixadinha só é possível por causa do joelho. • Ele é uma zona de impacto, ou seja, qualquer pulo sem jeito que você dê será absorvido pelo joelho. • Por isso, ele tem um mecanismo formado pela patela, pelo menisco e pelos ligamentos.

  18. TÍBIA: é o segundo maior osso do corpo humano. A tíbia está localizada na parte anterior da perna, formando o que é chamado “canela”. • FÍBULA: (antigamente chamada de perônio) é um osso longo situado na parte externa da perna, da qual constitui o esqueleto, junto a tíbia. • PÉ: formado pelos cinco ossos metatarsais, que articulam com o tarso em uma de suas extremidades e com as primeiras falanges pela outra extremidade.

  19. ALGUMAS DOENÇAS DOS OSSOS RAQUITISMO OSTEOPOROSE

  20. RAQUITISMO • É um distúrbio envolvendo o amolecimento e o enfraquecimento dos ossos em crianças, causado principalmente pela falta de vitamina D e/ou falta de cálcio e fosfato.

  21. OSTEOPOROSE • É uma doença que atinge os ossos. Ocorre quando a quantidade de massa óssea diminui e desenvolve ossos ocos, finos e de extrema sensibilidade, mais sujeitos a fraturas. Faz parte do processo normal de envelhecimento e é mais comum em mulheres que em homens.

  22. CURIOSIDADES • O menor osso do corpo humano é o ESTRIBO, que fica dentro do ouvido médio. • O esqueleto feminino difere um pouco do masculino, como por exemplo, na pélvis, cujo formato favorece a saída de um bebê do ventre da mãe. • O esqueleto de um bebê recém-nascido possui 300 ossos (cartilagens).