c mara de desenvolvimento da ind striatextil e do vestu rio fiesc n.
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Câmara de Desenvolvimento da IndústriaTextil e do Vestuário - FIESC PowerPoint Presentation
Download Presentation
Câmara de Desenvolvimento da IndústriaTextil e do Vestuário - FIESC

Loading in 2 Seconds...

  share
play fullscreen
1 / 22
Download Presentation

Câmara de Desenvolvimento da IndústriaTextil e do Vestuário - FIESC - PowerPoint PPT Presentation

elliot
96 Views
Download Presentation

Câmara de Desenvolvimento da IndústriaTextil e do Vestuário - FIESC

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

  1. Câmara de Desenvolvimento da IndústriaTextil e do Vestuário - FIESC Maio 2012 VisitaExmoSrDep Federal Ronaldo Benedet

  2. A Industria Textil e do Vestuário de Santa Catarina • Emprega 170.000 pessoas, • 9.264 estabelecimentosespalhadosportodo o estado, • Somos o 2o. polo Têxtil e Vestuario do Brasil, • Vale do Itajaí – concentração das principaisempresas • Sul do Estado – destaqueparaconfeccionados.

  3. Fonte: MDIC Fonte: MDIC Cenário Textil e Vestuárioem SC(De estadoexportadorparagrandeImportador) Fonte:MDIC

  4. Cenário Textil e Vestuárioem SC(De estadoexportadorparagrandeImportador) ExportacoesBrasileiras de 2010 para 2011 porexportacoes fortes de algodaopara a China. Jaem SC, a quedafoi de 7,2%.

  5. Cenário Textil e Vestuárioem SC(De estadoexportadorparagrandeImportador) Em 2011, SC representou 28% de todaimportacaofeita no BrasilemTexteis e Vestuário

  6. Análise do Grupo 61 Vestuário e AcessóriosemMalha

  7. Gr 61 – Vestuário e Acessórios de Malha(2010/2011)

  8. Gr 61 – Vestuário e Acessórios de Malha(1o. Trimestre)

  9. Análise do Grupos 60, 62 e 63 Gr 60 - Tecidos de Malha Gr 62 - Vestuário e AcessóriosExcetoMalha Gr 63 - OutrosArtefatosTêxteisConfeccionados

  10. Tecidos de Malha, VestuarioExcetoMalha e Outros(1o.Trimestre)

  11. Análise do GruposFios e Tecidos de Algodão

  12. Fios e TecidosemAlgodão

  13. Mercado

  14. Dadosdo Mercado Brasileiro de Vestuário : - Movimentouem 2011 126 bilhões, - Representa4,9% do PIB, - 2,4 milhões de empregosdiretos, - 2o. Maiorsetorempregador no pais, - 3o. Maiorfabricantemundial de calçados, - 4o. Maiorfabricantemundial de ÍNDIGO, - 5o. Maiorfabricantemundial de malhas, - Estamos entre os6 polostêxteismundiaismaisimportantes,

  15. O Brasil de hoje:- Auto suficientenaprodução de Algodão,- CadeiaprodutivaVerticalizada.- R$ 20 Bilhõesinvestidosnosultimos 3 anosemmodernização do setor,-Concentra 15 grandescentrosregionaisprodutores,- Tem um imensomercado com umaindustriaquepassa a ser estratégicapara o governo,- Centenas de MarcasRegionaisFortes.

  16. O SetorTêxtilemrentabilidade 2011: 1o. Lugar – Software e Dados com 39%2o. Lugar – Textil com 27,7%. 3o. Lugar – Alimentos e Bebidas com 14,6% 4o. Lugar – Energiaelétrica com 13,6%. 5o. Lugar – Telecomunicacoes com 4,5% Fonte: ISTO É jan/12

  17. CadeiaCompleta, produzdesde jeans a vestido de gala, de camiseta a camisa social, de modafeminina a underwear, de moda sportswear a estilistasconsagradosmundialmente, de Havaianas a Calçadosfemininoschiques.O BRASIL,passa a integrar a ROTA MUNDIAL da MODA, com GrandesEventosnosprincipaiscentrosconsumidorescomo RIO – SAO PAULO – CEARÁ – PARANÁ- SANTA CATARINA E RIO GRANDE DO SUL.

  18. GRANDES SEGMENTOS destemercado: - Jeanswear,- Malha,- Infantil,- Casual Feminino,- Casual Masculino,- Sportswear,- Moda Praia,- Underwear, - Cameba,- Calçados e - Magazines.

  19. Caminhos & Soluções

  20. Forum Sul do Setor Textil e Vestuário • Desindustrialização : as ações propostas para o tema foram: criação de um sistema de informação integrado entre os Estados, proposição de medidas de defesa e aumento da fiscalização para combater a concorrência desleal; • Questões Trabalhistas: foram propostas cinco ações para as questões trabalhistas, sendo elas: desoneração dos encargos sociais, simplificação e desburocratização da legislação trabalhista, regulamentação de terceirização, simplificação da formalização e atenção às convenções coletivas. • Representatividade : as ações propostas para questão da representatividade foram: fortalecer a união do setor, força política, associativismo e envolvimento da mídia. • Apoio ABIT: nasaçõesemandamentocapitaneadaspela ABIT, emandamentoemváriosórgãospúblicosem Brasília.

  21. A outraponta ….. • Somoscientes de que a Industria Textil no Brasilcarece de novoscaminhos. • Somoscientes de queexiste um potencialmuitogrande no país. • Somoscientes de quesómenteaçõesquevisem o protecionismosaotemporárias. • Temosqueincitar a indústria no pensardiferente. • Váriosmovimentos no país tem tidoêxito. • A MODA é o caminho. • A INOVAÇÃO é o caminho.

  22. A outraponta ….. • SENAI - participou do Forum e tem se mostradograndeparceiroemnossoestado. • SCMC – Movimentocrescenteem Santa Catarina, contajá com mais de 15 empresasparticipantes. • Carece de recursos.