plano de emerg ncia n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Plano de Emergência PowerPoint Presentation
Download Presentation
Plano de Emergência

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 25

Plano de Emergência - PowerPoint PPT Presentation


  • 222 Views
  • Uploaded on

Plano de Emergência. Plano de Emergência. Introdução Viemos apresentar-vos o plano de emergência da Escola do Ensino Básico 2º e 3º Ciclos D. Afonso Henriques , com uma população escolar de 1533 alunos dos diferentes anos lectivos.

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'Plano de Emergência' - colin-vega


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
plano de emerg ncia
Plano de Emergência

Trabalho elaborado por: Élvio; Eliana

plano de emerg ncia1
Plano de Emergência

Introdução

Viemos apresentar-vos o plano de emergência da Escola do Ensino Básico 2º e 3º Ciclos D. Afonso Henriques , com uma população escolar de 1533 alunos dos diferentes anos lectivos.

Tivemos como base a informação disponível no plano de emergência que se encontra no site:

http://www.aeafonsohenriques.com/

Trabalho elaborado por: Élvio; Eliana

plano de emerg ncia2
Plano de Emergência

Enquadramento geográfico

A Escola EB 2,3 D. Afonso Henriques localiza-se na Rua Alberto Vieira Braga, freguesia de Creixomil, concelho de Guimarães e no distrito de Braga. Encontra-se situada no limite interno da zona urbana da cidade, numa zona de transição entre o urbano e o rural. A área envolvente caracteriza-se, fundamentalmente, por uma zona residencial onde se destaca uma tipologia habitação unifamiliar. 

Trabalho elaborado por: Élvio; Eliana

plano de emerg ncia3
Plano de Emergência

Trabalho elaborado por: Élvio; Eliana

plano de emerg ncia4
Plano de Emergência

Acessos e meios de emergência

Trabalho elaborado por: Élvio; Eliana

plano de emerg ncia5
Plano de Emergência

Período de funcionamento

Horário de funcionamento da cantina

Trabalho elaborado por: Élvio; Eliana

plano de emerg ncia6
Plano de Emergência

Trabalho elaborado por: Élvio; Eliana

plano de emerg ncia9

Módulo: 3787 Formadora Fátima Guerreiro

Plano de Emergência

Manutenção/Conservação

  • Iluminação;
  • Tomadas;
  • Aparelhos de utilização;
  • Redes hidráulicas , abastecimento de água;
  • Águas residuais domesticas;
  • Águas pluviais;
  • Construção civil;
  • Rede de Gás;
  • Extintores e bocas de incêndio;
  • Rede informática, telefónica e sinalização internas;
  • Jardins e acessos;
  • Limpeza e desinfecção;

Trabalho elaborado por: Élvio; Eliana

plano de emerg ncia12

Módulo: 3787 Formadora Fátima Guerreiro

Plano de Emergência

Plano de Evacuação

O plano de evacuação da escola tem por objectivo estabelecer procedimentos e preparar a evacuação rápida e segura da população escolar em caso de ocorrência de uma situação perigosa.   

Trabalho elaborado por: Élvio; Eliana

plano de emerg ncia13

Módulo: 3787 Formadora Fátima Guerreiro

Plano de Emergência

Vias de Evacuação

Não existem vias ou saídas exclusivamente de emergência. Os caminhos escolhidos como vias de emergência e as saídas tem a largura suficiente para a rápida evacuação do número de pessoas a evacuarem. As vias de emergência estão assinaladas na planta de emergência.  

Trabalho elaborado por: Élvio; Eliana

plano de emerg ncia14

Módulo: 3787 Formadora Fátima Guerreiro

Plano de Emergência

Ponto de Encontro

Existem dois pontos de encontro. Um no parque de estacionamento junto ao pavilhão para a população escolar que se encontrar nesse momento nesse edifício e o segundo para a restante população escolar, nomeadamente a dos blocos 1, 2, administrativo e polivalente que se situa no campo de jogos.  

Trabalho elaborado por: Élvio; Eliana

plano de emerg ncia15

Módulo: 3787 Formadora Fátima Guerreiro

Plano de Emergência

Procedimentos de Evacuação

Toda a população escolar deve dirigir-se para o seu ponto de encontro;

Responder à contagem de presenças;

- Permanecer no local até ordem do chefe de segurança.

Trabalho elaborado por: Élvio; Eliana

plano de emerg ncia16

Módulo: 3787 Formadora Fátima Guerreiro

Plano de Emergência

Pontos Críticos em Caso de Evacuação

Confluência da população escolar junto às escadas no bloco administrativo, bloco 1 e bloco 2.

- Em caso de fuga de gás ou explosão da caldeira do pavilhão, a saída de emergência do mesmo  fica obstruído.  

Trabalho elaborado por: Élvio; Eliana

plano de emerg ncia17

Módulo: 3787 Formadora Fátima Guerreiro

Plano de Emergência

Instruções de Segurança:

GERAIS

As instruções gerais de segurança destinam-se à totalidade da população escolar.  Devem estar afixadas em locais de grande visibilidade – junto à entrada de cada bloco – e ser do conhecimento de toda a comunidade escolar, que devem receber formação de forma a compreender facilmente todo o Plano de Emergência no geral e estas instruções em particular.

Trabalho elaborado por: Élvio; Eliana

plano de emerg ncia18

Módulo: 3787 Formadora Fátima Guerreiro

Plano de Emergência

Instruções de Segurança:

PARTICULARES

As instruções particulares de segurança são aplicáveis a locais que apresentam riscos específicos, como a cozinha, o laboratório, as salas de aulas, os quadros eléctricos e a sala da caldeira. Estas instruções devem ser afixadas à entrada do local a que correspondem, ou, no caso dos quadros eléctricos, junto a cada quadro.  

Trabalho elaborado por: Élvio; Eliana

plano de emerg ncia19

Módulo: 3787 Formadora Fátima Guerreiro

Plano de Emergência

Instruções de Segurança:

ESPECIAIS

As instruções especiais de segurança destinam-se aos elementos das equipas, aos quais devem ser entregues cópias e dada formação.  

Trabalho elaborado por: Élvio; Eliana

plano de emerg ncia20

Módulo: 3787 Formadora Fátima Guerreiro

Plano de Emergência

Implementação do Plano:

Divulgação

Após a aprovação do plano será feita uma sessão de divulgação com o objectivo de informar todos os colaboradores da sua existência e realçar a importância do seu conteúdo em caso de emergência.  As instruções gerais e particulares serão afixadas nos respectivos locais.  

Trabalho elaborado por: Élvio; Eliana

plano de emerg ncia21

Módulo: 3787 Formadora Fátima Guerreiro

Plano de Emergência

Implementação do Plano:

Exercício

Serão realizados todos os anos dois simulacros de evacuação (o 1º terá que ser executado com o limite temporal máximo de 30 dias após o inicio do ano lectivo) com a participação das entidades responsáveis pelo socorro e segurança:  

Protecção civil;

Bombeiros;

Polícia de Segurança Publica 

Trabalho elaborado por: Élvio; Eliana

plano de emerg ncia22

Módulo: 3787 Formadora Fátima Guerreiro

Plano de Emergência

Implementação do Plano:

Actualização

Após cada simulacro, será elaborado um relatório, que após análise do mesmo, poderão resultar sugestões de melhorias a serem implementadas e consequentemente nova actualização deste plano de emergência.  

Trabalho elaborado por: Élvio; Eliana

plano de emerg ncia23

Módulo: 3787 Formadora Fátima Guerreiro

Plano de Emergência

Conclusão

Concluímos com este trabalho que o plano de emergência se encontra bem elaborado, de todos os planos, que já tivemos acesso este foi o mais bem elaborado.

Podemos constatar que em período de férias faz-se processa-se a uma manutenção mais profunda.

Como aspecto negativo apenas que certos anexos contidos no plano não estão disponíveis no site.

Trabalho elaborado por: Élvio; Eliana

slide25

Módulo: 3787 Formadora Fátima Guerreiro

Fim da Apresentação

Trabalho elaborado por: Élvio; Eliana