vygotsky n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
VYGOTSKY PowerPoint Presentation
Download Presentation
VYGOTSKY

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 24
chloe-jackson

VYGOTSKY - PowerPoint PPT Presentation

129 Views
Download Presentation
VYGOTSKY
An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author. While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

  1. VYGOTSKY Lev Semenovich Vygotsky Nascimento: 17 de nov. de 1896 em Orsha –Bielo-Rússia - + 11 de junho de 1934 – Moscou. Profª Drª Teresa Cristina Barbo Siqueira

  2. Seus trabalhos pertencem ao campo da psicologia genética – estudo da gênese, formação e evolução dos processos psíquicos superiores do ser humano. • A psicologia genética estuda a infância para tentar compreender a formação dos processos psíquicos complexos. • Diferente dos processos psicológicos elementares que são reações automáticas, reflexas e possuem associações simples de origem biológica. Profª Drª Teresa Cristina Barbo Siqueira

  3. Concepções do desenvolvimento: Genética – procura compreender a origem e o desenvolvimento dos processos psicológicos. • Filogênese – desenvolvimento da espécie humana ex: coisas que somos capazes de fazer. Pegar em pinça, andamos, mas não voamos. • Ontogênese - O sujeito nasce, cresce, reproduz, morre (história do ser). O plano ontogenético do ser: a criança quando pequena fica deitada, depois sentada, depois em pé... a seqüência de seu desenvolvimento. • Sociogênese – história dos grupos sociais, história da cultura, onde o sujeito está inserido.Ex: Puberdade – há mudanças biológicas, que são compreendidas de forma diferente em cada cultura. 3ª idade – categoria criada nos últimos tempos, claramente social. • Microgênese – desenvolvimento de aspectos específicos do repertório psicológico; cada fenômeno psicológico tem uma história.Ex: saber algo e não saber algo como amarrar o sapato, antes o sujeito não sabia como fazê-lo, depois ele aprende (algo aconteceu). A história de como aprendeu a amarrar o sapato é a microgênese. Profª Drª Teresa Cristina Barbo Siqueira

  4. VYGOTSKY • Vygotsky se dedicou aos estudos: Funções psicológicas superiores – funcionamento psicológico tipicamente humano – capacidade de planejamento, memória voluntária, imaginação... ▼ • Mecanismos intencionais que se referem as ações conscientemente controladas, aos processos voluntários que dão ao indivíduo a possibilidade de independência em relação às características do momento e espaço presente. ▼ • Originam-se nas relações entre indivíduos humanos e se desenvolvem ao longo do processo de internalização de formas culturais de comportamento. Profª Drª Teresa Cristina Barbo Siqueira

  5. VYGOTSKY • Se fundamentou nos princípios do materialismo histórico dialético - Marx. • É através do trabalho que o homem, ao mesmo tempo que transforma a natureza (com o objetivo de satisfazer suas necessidades) se transforma. • Isto quer dizer que as relações dos homens entre si são mediadas pelo trabalho. Profª Drª Teresa Cristina Barbo Siqueira

  6. MEDIAÇÃO SIMBÓLICA • Mediação caracteriza a relação do homem com o mundo e com os outros homens. • Dois elementos básicos responsáveis pela mediação: • Instrumento - que tem a função de regular as ações sobre os objetos • Signo – que revela as ações sobre o psiquismo das pessoas (objeto, figura, forma, fenômeno, gesto ou som – representa algo diferente de si mesmo) Ex: no código de trânsito a cor vermelha significa parar... • Vygotsky afirma que a origem das atividades psicológicas devem ser procuradas nas relações sociais do indivíduo com o meio externo. Profª Drª Teresa Cristina Barbo Siqueira

  7. A função da mediação em Vygostky Profª Drª Teresa Cristina Barbo Siqueira

  8. LINGUAGEM • A linguagem é o sistema simbólico dos grupos humanos, fornece os conceitos, as formas de organização do real, a mediação entre o sujeito e o objeto do conhecimento. • É por meio dela que as funções mentais superiores são socialmente formadas e culturalmente transmitidas, portanto, sociedades e culturas diferentes produzem estruturas diferenciadas. Profª Drª Teresa Cristina Barbo Siqueira

  9. Mediação • Entende que o ser humano não é um produto de seu contexto social, mas também um agente ativo da criação desse contexto. • Os instrumentos (mediadores) são elaborados para a realização da atividade humana. • O homem produz seus instrumentos para realização de tarefas específicas, são capazes de conservá-los para uso posterior, de preservar e transmitir sua função aos membros de seu grupo, de aperfeiçoar antigos instrumentos e de criar novos. • Signos – Instrumentos psicológicos – têm a função de auxiliar o homem nas suas atividades psíquicas. • Com o auxílio dos signos, o homem pode controlar voluntariamente sua atividade psicológica e ampliar sua capacidade de atenção, memória, como exemplo, pode anotar uma entrevista na agenda para não esquecer. Profª Drª Teresa Cristina Barbo Siqueira

  10. A questão da linguagem – • A linguagem é entendida como um sistema simbólico fundamental em todos os grupos humanos, elaborado no curso da história social, que organiza os signos em estruturas complexas e desempenha um papel imprescindível na formação das características psicológicas humanas. • Linguagem – designa os objetos do mundo externo ( Ex.faca designa um utensílio usado na alimentação...), ações (como cortar, ferver, andar), qualidades do objeto (afiado, áspero) e as se referem às relações entre objetos ( tais como abaixo, acima, próximo). Profª Drª Teresa Cristina Barbo Siqueira

  11. O surgimento da linguagem imprime três mudanças essenciais: • 1ª A linguagem permite lidar com os objetos do mundo exterior mesmo quando eles estão ausentes. • 2ª Processo de abstração e generalização – é possível analisar, abstrair e generalizar as características dos objetos, eventos e situações presentes na realidade. • 3ª Função de comunicação entre os homens - garante como conseqüência, a preservação, transmissão e assimilação de informações e experiências acumuladas pela humanidade ao longo da história. • A linguagem é um sistema de signos que possibilita o intercâmbio social entre indivíduos que compartilhem desse sistema de representação da realidade. Profª Drª Teresa Cristina Barbo Siqueira

  12. Os sistemas simbólicos • Os sistemas simbólicos (sistemas de representação da realidade), especialmente a linguagem, funcionam como elementos mediadores que permitem a comunicação entre indivíduos, estabelecendo os significados determinados pelos grupos culturais e situações do mundo circundante. • Os processos de funcionamento mental do homem são fornecidos pela cultura, através da mediação simbólica. Profª Drª Teresa Cristina Barbo Siqueira

  13. Criança • A criança incorpora ativamente as formas de comportamento já consolidadas na experiência humana, à partir de sua inserção num dado contexto cultural, sua interação com membros de seu grupo e sua participação em práticas historicamente construídas. • Os membros da sociedade estão num constante movimento de recriação e reinterpretação de informações, conceitos e significados. Profª Drª Teresa Cristina Barbo Siqueira

  14. Desenvolvimento infantil • Vygotsky atribui enorme importância ao papel da interação social no desenvolvimento do ser humano. • O indivíduo para se humanizar precisa crescer num ambiente social e interagir com outras pessoas.Quando isolado, privado do contato com outros seres, entregue apenas a suas próprias condições e a favor dos recursos da natureza, o homem é indefeso e despreparado para lidar com os desafios de seu meio. Profª Drª Teresa Cristina Barbo Siqueira

  15. O processo ensino - aprendizagem • Para Vygotsky, as potencialidades do indivíduo devem ser levadas em conta durante o processo de ensino-aprendizagem. • A partir do contato com uma pessoa mais experiente juntamente com os aspectos histórico-culturais, as potencialidades do aprendiz são transformadas em situações que ativam esquemas processuais cognitivos ou comportamentais, e este convívio produz no indivíduo novas potencialidades, num processo dialético contínuo. • A escola tem um papel essencial na construção desse ser; ela deve dirigir o ensino para etapas ainda não alcançadas pelos alunos, funcionando como incentivadora de novas conquistas, do desenvolvimento potencial do aluno. Profª Drª Teresa Cristina Barbo Siqueira

  16. Profª Drª Teresa Cristina Barbo Siqueira

  17. Bibliografia: • REGO, Teresa C. Vygotsky: uma perspectiva histórico-cultural da educação.Petrópolis, RJ: Vozes,1995. • VIGOTSKI, L. S. A formação social da mente. São Paulo: Martins Fontes, 2000. Profª Drª Teresa Cristina Barbo Siqueira

  18. Profª Drª Teresa Cristina Barbo Siqueira

  19. PRINCIPAIS IDÉIAS DE VYGOTSKY (Teses) • 1ª Tese- Relação indivíduo/sociedade –Interação dialética do homem com o seu meio sócio-cultural. • Ao mesmo tempo em que o ser humano transforma o seu meio para atender suas necessidades básicas, transforma a si mesmo. • Interação dos fatores biológicos X fatores culturais Profª Drª Teresa Cristina Barbo Siqueira

  20. 2ª Tese - Origem cultural das funções psíquicas: • as funções psicológicas humanas se originam nas relações do indivíduo e seu contexto cultural e social. • O desenvolvimento mental humano não é dado a priori, não é universal, nem passivo, nem tampouco independente do desenvolvimento histórico e das formas sociais da vida humana. • Cultura – parte constitutiva da natureza humana. Profª Drª Teresa Cristina Barbo Siqueira

  21. 3ª Tese - Base biológica do funcionamento psicológico • O órgão principal da atividade mental - cérebro. • Cérebro - produto de uma longa evolução, e o substrato material da atividade psíquica que cada membro da espécie traz consigo ao nascer (não é um sistema imutável e fixo). Profª Drª Teresa Cristina Barbo Siqueira

  22. 4ª Tese - Característica mediação • São instrumentos técnicos e sistemas de signos, construídos historicamente, que fazem a mediação dos seres humanos entre si e deles com o mundo. • Linguagem é um signo mediador (os conceitos generalizados e elaborados pela cultura humana). • A relação do homem é mediada por meios, que se constituem nas “ferramentas auxiliares” da atividade humana. • Capacidade de criar essas “ferramentas” é exclusiva da espécie humana. • É através dos instrumentos e signos que os processos de funcionamento psicológico são fornecidos pela cultura. Profª Drª Teresa Cristina Barbo Siqueira

  23. 5ª Tese – A análise psicológica deve ser capaz de conservar as características básicas dos processos psicológicos, exclusivamente humanos. • Este princípio está baseado na idéia de que os processos psicológicos complexos se diferenciam dos mecanismos mais elementares e não podem, portanto, ser reduzidos à cadeia de reflexos. • Vygostky assinala a necessidade do estudo das mudanças que ocorrem no desenvolvimento mental a partir do contexto social. Profª Drª Teresa Cristina Barbo Siqueira

  24. Estudou as funções psicológicas superiores, típicos da espécie humana: o controle consciente do comportamento, atenção e lembrança voluntária, memorização ativa, pensamento abstrato, raciocínio dedutivo, capacidade de planejamento. Articulava informação dos diferentes componentes que integram os processos mentais: neurológico, psicológico, lingüístico e cultural. A teoria histórico-cultural (sócio-histórica) do psiquismo, conhecida como abordagem sócio-interacionista tem como objetivo central “caracterizar os aspectos tipicamente humanos do comportamento e elaborar hipóteses de como essas características se formaram ao longo da história humana e de como se desenvolveram durante a vida do indivíduo”. As funções psicológicas superiores Profª Drª Teresa Cristina Barbo Siqueira