CITAÇÃO BIBLIOGRÁFICA - PowerPoint PPT Presentation

cita o bibliogr fica n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
CITAÇÃO BIBLIOGRÁFICA PowerPoint Presentation
Download Presentation
CITAÇÃO BIBLIOGRÁFICA

play fullscreen
1 / 15
CITAÇÃO BIBLIOGRÁFICA
206 Views
Download Presentation
chelsi
Download Presentation

CITAÇÃO BIBLIOGRÁFICA

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

  1. CITAÇÃO BIBLIOGRÁFICA Profa Bruna C. Mendes brunac.mendes@yahoo.com.br

  2. CITAÇÕES BIBLIOGRÁFICAS • Segundo a ABNT-NBR 10520:2002 C I T A Ç Ã O: É a menção, no texto, de uma informação extraída de outra fonte, de um documento (é dar o devido crédito ao autor da idéia).

  3. TIPOS DE CITAÇÃO • CITAÇÕES INDIRETAS • CITAÇÕES DIRETAS • CITAÇÕES DE CITAÇÕES

  4. CITAÇÃO INDIRETA Ocorre quando se produzem idéias e informações de um documento, sem, entretanto, transcrever literalmente as próprias palavras do autor. Então, as citações indiretas podem ser expressas de 2 (duas) maneiras: 1. Como parte integrante do texto. Neste caso, menciona-se o autor (ou autores) – somente a primeira letra do nome (ou nomes) maiúscula – seguido da fonte (data da publicação) entre parênteses. Exemplo: Barbier (1996) diz que essa atividade mental abre possibilidade de construir representação do real, que acaba adquirindo autonomia, ganhando assim existência própria.

  5. CITAÇÃO INDIRETA 2. Após a citação do texto. Aqui faz-se a indicação entre-parêteses do autor ou autores (todo maiúsculo), seguido da fonte (data da publicação) . Exemplo: A Ciência, que é um dos maiores construtos da humanidade, pode ser entendida como projeto. A mediação do objeto pelo sujeito, no pensamento científico, assumirá sempre a forma de projeto (BACHELARD, 1978).

  6. CITAÇÃO DIRETA • Transcrição TEXTUAL dos conceitos do autor consultado. • Transcrição FIEL, ipsis litteris, reprodução EXATA do original, respeitando-se até eventuais incoerências, erros de ortografia e/ou concordância. • Poderá ser colocada a expressão [sic] imediatamente após o erro - significa: estava assim mesmo no original

  7. CITAÇÃO DIRETA • As citações podem ser: • Citações longas (com mais de três linhas). Neste caso, constituem um parágrafo independente, recuado (4 cm da margem esquerda) e com entrelinha menor (espaço simples), fonte 10. Exemplo: [...] Uma aranha executa operações semelhantes às do tecelão, e a abelha supera mais de um arquiteto ao construir sua colméia. Mas o que distingue o pior arquiteto da melhor abelha é que ele figura na mente sua Construção antes de transformá-la em realidade. No fim do processo do trabalho aparece um resultado que já existia antes idealmente na imaginação do trabalhador. (MARX, 1996, p.202).

  8. CITAÇÃO DIRETA • O autor poderá apresentar a citação anterior seguindo outra estrutura. • Exemplo: • Encontramos em Marx (1996, p.202) o seguinte relato: Exemplo: [...] Uma aranha executa operações semelhantes às do tecelão, e a abelha supera mais de um arquiteto ao construir sua colméia. Mas o que distingue o pior arquiteto da melhor abelha é que ele figura na mente sua construção antes de transformá-la em realidade. No fim do processo do trabalho aparece um resultado que já existia antes idealmente na imaginação do trabalhador.

  9. CITAÇÃO DIRETA • 2. Citações curtas (até três linhas) são inseridas no próprio texto e entre aspas. • Exemplo: • O homem se constitui enquanto ser por sua ação transformadora no mundo, utilizando-se de instrumentos, o planejamento, que é um instrumento metodológico, será o fator primordial de sua humanização. “Se o trabalho está na base da formação humana, [...] podemos concluir que o planejar (grifo nosso) é elemento constituinte do processo de hominização [...]” (VASCONCELLOS, 2000, p.68).

  10. CITAÇÃO DIRETA Atenção: Para indicar omissão de trechos inclusos na passagem citada, mas que não interessa ser colocado, usa-se [...]. Exemplo: Acreditamos “[...] que o processo de aprendizagem [...] conduza à competência e à capacidade crítica de produzir novos entendimentos [...]” (LUCKESI, 1992. In: PELOSI, 1998, p.16).

  11. CITAÇÃO DE CITAÇÃO Trata-se de transcrição direta ou indireta, em que a consulta não tenha sido do trabalho original. Exemplo: Ampliamos o nosso universo de sujeitos, por crermos que a triangulação é um procedimento amplamente usado e que consiste no uso de diferentes fontes para que se possa contrastar os dados e interpretações (DENZIN, 1978 apud GÓMEZ; FLORES; JIMÉNEZ, 1996, p. 287).

  12. CITAÇÕES – CASOS ESPECIAIS Para citações do mesmo autor cujas publicações sejam em datas diferentes, colocar os anos em ordem crescente, separando-os por vírgula. Exemplo: Cruz (1998, 1999) ou (CRUZ, 1998, 1999). COINCIDÊNCIA DE SOBRENOMES: diferenciar pelas letras iniciais dos prenomes (BRAZ,S., 2005) (VIEIRA, A., 2004) (BRAZ,D., 2005) (VIEIRA, V., 2004)

  13. CITAÇÕES – CASOS ESPECIAIS CITAÇÃO DE DIVERSOS DOCUMENTOS DE UM MESMO AUTOR E DA MESMA DATA Diferenciar pelo acréscimo de letras minúsculas após a data e sem espaçamento. (BRAZ, 2005a) (VIEIRA, 2004a) (BRAZ, 2005b) (VIEIRA, 2004b)

  14. CITAÇÕES – CASOS ESPECIAIS Quando o trecho citado está em duas ou mais páginas consecutivas, colocam-se as duas ou mais separadas com hífen. Ex.: (BRAZ,1998, p.15-16). Quando o trecho citado está em duas páginas não consecutivas, estas são separadas pelo ( e ). Ex.: (BRAZ, 1998, p. 15 e 20). Quando a idéia citada está em várias páginas, acrescenta-se depois da primeira página o termo ( e seg ). Ex.: (BRAZ, 1998, p.15 e seg.).

  15. CITAÇÕES – CASOS ESPECIAIS Trabalhos que não trazem autoria específica são indicados pelo nome, em letra maiúscula, seguido pelo ano de sua publicação. De acordo com dados fornecidos pela FUNDAÇÃO EDUCACIONAL MUZAMBINHO (2001), a Escola de Educação Física tem 200 alunos matriculados nos cursos de pós-graduação.