Download
slide1 n.
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Algumas provocações para se pensar ECONOMIA SOLIDÁRIA & DESENVOLVIMENTO TERRITORIAL PowerPoint Presentation
Download Presentation
Algumas provocações para se pensar ECONOMIA SOLIDÁRIA & DESENVOLVIMENTO TERRITORIAL

Algumas provocações para se pensar ECONOMIA SOLIDÁRIA & DESENVOLVIMENTO TERRITORIAL

133 Views Download Presentation
Download Presentation

Algumas provocações para se pensar ECONOMIA SOLIDÁRIA & DESENVOLVIMENTO TERRITORIAL

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

  1. Algumas provocações para se pensar ECONOMIA SOLIDÁRIA & DESENVOLVIMENTO TERRITORIAL

  2. O QUE QUEREMOS COM ECONOMIA SOLIDÁRIA? EM QUE MEDIDA NOSSA FORMA DE PENSAR REPRODUZ UM ERRO DE ESTRATÉGIA DO PASSADO? EM QUE MEDIDA (RE)FORÇAMOS INVERSÕES DE PRIORIDADES?

  3. QUEREMOS... • O ECONÔMICO no lugar dele, mas que venha numa condição que permita SUSTENTABILIDADE. • O ECONÔMICO tendo como pano de fundo uma proposta de DESENVOLVIMENTO em BASES SUSTENTÁVEIS. FUNDAMENTAL REVER... • COMO se planeja e implementa DESENVOLVIMENTO? • EM QUE ESPAÇO será pensado/planejado/ implementado?

  4. A OPÇÃO PELO RECORTE DE TERRITÓRIO: • O municípiocomoescalainsuficiente • O estadocomoescalaquesuplanta as diversidades (empotencialidades e desafios) • O territóriocomoobjeto de formulação e gestão das políticaspúblicas • A cooperação entre agentespúblicos e privados • Fortalecimento das redeslocais.

  5. Conceito de TERRITÓRIO “um espaço físico, geograficamente definido, geralmente contínuo, compreendendo a cidade e o campo, caracterizado por critérios multidimensionais – tais como o ambiente, a economia, a sociedade, a cultura, a política e as instituições – e uma população com grupos sociais relativamente distintos, que se relacionam interna e externamente por meio de processos específicos, onde se pode distinguir um ou mais elementos que indicam identidade e coesão social, cultural e territorial.”

  6. DIRETRIZES DE UMA POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL... • Abordagem territorial • Território como espaço socialmente construído • Multidimensão do desenvolvimento • Diversidade de atores - gênero, etnia, geração e raça • Metodologias participativas e planejamento ascendente • Protagonismo e construção de alianças • Sinergia entre os vários níveis de governo • Articulação entre demandas sociais e ofertas de políticas públicas • Redução das desigualdades econômicas e sociais • Participação nas diversas instâncias colegiadas • Dinamização econômica - ênfase na agricultura familiar

  7. Em resumo... • TRABALHA DE FORMA HARMÔNICA VÁRIAS DIMENSÕES DO DESENVOLVIMENTO... • Ambiental... Social... Econômica... Cultural... Político-institucional... • 2. A DIMENSÃO ECONÔMICA NÃO PODE SER TRABALHADA EM MODELOS TRADICIONAIS, MAS SE PAUTAR POR PRINCÍPIOS E PRÁTICAS COMO: • Cooperação, Solidariedade, Autogestão... • = ECONOMIA SOLIDÁRIA!!!

  8. ENTÃO... • Como dinamizar a economia do Território segundo esse modelo? • Qual estrutura organizacional precisamos para isso? - Econômica: empreendimentos, cooperativas, empresas solidárias, etc... - Social: Redes, Conselhos, Colegiados... - Outras... • Que resultados fundamentais queremos focar?

  9. PROCEDIMENTOS ESSENCIAIS: • Composição de um grupo que fará a proposta, a implementação e a gestão do DESENVOLVIMENTO TERRITORIAL. • Esse grupo fazer de forma rápida e participativa o processo de: - Diagnóstico - Construção de uma visão de futuro - Elaboração de um PLANO DE DESENVOLVIMENTO TERRITORIAL SUSTENTÁVEL – PTDRS

  10. COMPONENTES DO PLANO SÃO AS PRÓPRIAS DIMENSÕES... • Meio-Ambiente • Educação • Cultura • Organização Produtiva • ... OS ALCANCES DO PLANO PODEM SE ORGANIZAR EM 4 GRANDES ÁREAS DE RESULTADOS... • Fortalecimento da Gestão e Controle Social • Fortalecimento de Redes de Cooperação • Dinamização Econômica • Articulação de Políticas Públicas

  11. PARA O FORTALECIMENTO DA GESTÃO SOCIAL: • Como compor a instância de Gestão do DESENVOLVIMENTO? (dimensão macro = colegiado territorial) • Como garantir instâncias que façam a gestão dos processos, ações e resultados em torno da Dimensão Econômica? (câmaras temáticas, arranjos institucionais, grupos de trabalho... Por exemplo em torno de Cadeias Produtivas prioritárias: apicultura, fruticultura, algodão...) • Como garantir a gestão no nível dos empreendimentos? (nível micro)

  12. Um parêntese: a metodologia dos territórios rurais de identidade

  13. CODETER PTDRS . . . . GT’S Grupos de Interesse Comitê Temático Redes Sociais ND NT Diagnóstico VisãodeFuturo EIXOS 1 EIXOS 2 EIXOS 3 Programa 1 Programa 2 Programa n PNE Plano de Negócio PROJETO 1 PTCP Plano Territorial de Cadeia de Produção Cooperativa FORMAÇÃO/ COMUNICAÇÃO UNIDADE FAMILIAR P.A. / COMUNIDADES MUNICIPAL INTERMUNICIPAL Ao Cooperativismo DESENVOLVIMENTO E PROMOÇÃO MARCAS, SELOS, FEIRAS… SEDE DO TERRITÓRIO BSC-Base de Serviço de apoio A Comercialização Ao Crédito ESTADUAL Consultorias Especializadas MONITORAMENTO SECAFES-Sistema Estadual de Comercialização dos Produtos da Agricultura Familiar e Economia Solidária

  14. PARA O FORTALECIMENTO DAS REDES DE COOPERAÇÃO: • Como identificar, aproximar e fortalecer redes já existentes? (de empreendimentos, assessoramento, cooperativismo, etc) • Como identificar e estimular o surgimento de redes necessárias (exemplo: de feiras, de agroindústrias, de ATER, de agroecologia,...) • Como criar/fortalecer uma relação supra-territorial entre essas redes que possam influenciar políticas estaduais e nacionais?

  15. PARA DINAMIZAÇÃO ECONÔMICA: • Como vislumbrar e ajudar a organizar os diversos sistemas produtivos como integrantes de CADEIAS PRODUTIVAS nas quais o poder de governança dos empreendimentos da economia solidária precisa ser ampliado? • Como conhecer e pensar organizadamente cada cadeia produtiva? • Como planejar e fortalecer cada empreendimento envolvido ao longo das cadeias produtivas? • Como apoiá-los nos processos de COMERCIALIZAÇÃO e geração/ampliação de renda? • ...

  16. ARTICULAÇÃO DE POLÍTICAS PÚBLICAS: • Como identificar as políticas existentes que precisam ser articuladas e então viabilizar sua articulação? • Como identificar e propor a criação / estruturação de novas políticas? • Que arranjos institucionais precisam ser reconhecidos, constituídos, ampliados, melhorados? • ...

  17. CONTATOS: REGILANE FERNANDES Consultora em Desenvolvimento Sustentável e Economia Solidária regilanefernandes@gmail.com