Digestão e absorção e transporte de proteínas:
This presentation is the property of its rightful owner.
Sponsored Links
1 / 13

Digestão e absorção e transporte de proteínas: PowerPoint PPT Presentation


  • 160 Views
  • Uploaded on
  • Presentation posted in: General

Digestão e absorção e transporte de proteínas: Existem mais de 300 aminoácidos diferentes, dos quais apenas 20 compõem as proteínas dos seres vivos.

Download Presentation

Digestão e absorção e transporte de proteínas:

An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Presentation Transcript


Digest o e absor o e transporte de prote nas

Digestão e absorção e transporte de proteínas:

Existem mais de 300 aminoácidos diferentes, dos quais apenas 20 compõem as proteínas dos seres vivos.

No tubo digestivo, as proteínas nativas são desnaturadas pela mudança de pH no estômago e, posteriormente, hidrolizadas por enzimas específicas denominadas genericamente peptidases ou proteases (pois quebram as ligações peptídicas que unem os aminoácidos entre si).

Essas enzimas são encontradas no sulco gástrico, entérico e pancreático.

As peptidases dependendo do local da proteína em que agem, podem ser classificadas em:


Digest o e absor o e transporte de prote nas

Endopeptidases – são aquelas que hidrolizam as ligações peptídicas internas quebrando as proteínas em fragmentos peptídicos cada vez menores

No suco gátrico temos: a pepsina e no sulco pancreático, tripsina e quimotripsina.

Pepsina – Essa endpeptidade, estável em meio ácido, é secretada pelas células do estômago.


Digest o e absor o e transporte de prote nas

Exopeptidases: - São enzimas que só agem nas extremidades da molécula proteica, isto é, nas primeiras ligações peptídicas, retirando o último aminoácido da extremidade. Dependendo do extremidade que atuam, podem ser sub-classificados em:

Carboxipeptidase: - secretada pelo pâncreas, efetua a hidrólise somente na extremidade carboxilada, liberando o aminoácido e refazendo na proteína o grupo carboxílco, onde a enzima age novamente.

FERREIRA, C. P. Bioquímica básica. São Paulo: MNP, 1998


Digest o e absor o e transporte de prote nas

Aminopeptidase: secretada pelas células da mucosa intestinal, efetua a hidrólise na extremidade amínica, liberando os aminoácidos e refazendo na proteína o grupo amínico, onde a enzima age novamente.

FERREIRA, C. P. Bioquímica básica. São Paulo: MNP, 1998

As Endo e exopeptidase agem simultaneamente e uma vez totalmente hidrolisada a proteína até aminoácidos, estes são absorvidos e transportados para o fígado. Do fígado, parte deles são lançados novamente na corrente circulatória e outra parte usada para produção de novas proteínas. Tais proteínas podem ser lançadas na circulação e distribuídas para todos os tecidos do organismo.


Digest o e absor o e transporte de prote nas

PROTEÍNAS

PROTEÍNAS

Desnaturação


Digest o e absor o e transporte de prote nas

Proteínas desnaturadas

Pepsina (endopeptidases)


Digest o e absor o e transporte de prote nas

c

Oligopeptídios

Tripsina

Quimiotripsina

c


Digest o e absor o e transporte de prote nas

Aminopeptidases

e

Carboxipeptidades

Aminoácidos


Digest o e absor o e transporte de prote nas

Imagem retirada de: Champe, P. et al. Bioquímica Ilustrada. 3o edição editora Artemed.


Digest o e absor o e transporte de prote nas

Imagem retirada de: Champe, P. et al. Bioquímica Ilustrada. 3o edição editora Artemed.


Digest o e absor o e transporte de prote nas

Aminoácidos essenciais:

São chamados de aminoácidos nutricionalmente essenciais aqueles que o nosso organismo não consegue “sintetizar”, ou não o faz na velocidade e em quantidade suficientes, sendo obrigatório sua presença na dieta. Os aminoácidos não essenciais são aqueles que de alguma maneira são sintetizados no nosso organismo.


Digest o e absor o e transporte de prote nas

Absorção dos aminoácidos

Os aminoácidos livres e dipeptídeos são captados pelas células epiteliais do intestino. Ali, os dipeptídeos são hidrolizados no citosol, produzindo aminoácidos, antes de serem liberados para o sistema porta. Desse modo, apenas os aminoácidos livres são encontrados na veia porta após a refeição.

Obs: Referencia e as figuras foram retiradas dos livros:

PARADA, C. F. Bioquímica básica. 5ed. Editora MNP, 2003.

MARZZOCO, A. Bioquímica básica. Rio de Janeiro: 2a ed Guanabara Koogan, 1999

LEHNINGER, A. L. Princípios de bioquímica. 2ª.Ed. São Paulo: Sarvier, 1995.

Champe, P. et al. Bioquímica Ilustrada. 3o edição editora Artemed.


  • Login