Administra o da produ o e opera es
This presentation is the property of its rightful owner.
Sponsored Links
1 / 46

Administração da Produção e Operações PowerPoint PPT Presentation


  • 87 Views
  • Uploaded on
  • Presentation posted in: General

Administração da Produção e Operações. Professor: Marco Machado 1º Semestre – 2011 Aula 01 – Adm da Produção e Operações. ADMINISTRAÇÃO DA PRODUÇÃO/OPERAÇÕES. Evolução histórica e conceitos; Manufatura e serviços; Fluxos de mercadorias, serviços e capitais;

Download Presentation

Administração da Produção e Operações

An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Presentation Transcript


Administra o da produ o e opera es

Administração da Produção e Operações

Professor: Marco Machado

1º Semestre – 2011

Aula 01 – Adm da Produção e Operações


Administra o da produ o opera es

ADMINISTRAÇÃO DA PRODUÇÃO/OPERAÇÕES

  • Evolução histórica e conceitos;

  • Manufatura e serviços;

  • Fluxos de mercadorias, serviços e capitais;

  • Objetivos da Adm. da Produção/Operações;

  • Avaliação de produtividade.


Evolu o e principais fases

Evolução e Principais Fases

Globalização e incertezas

Fase

Moderna

Guerras e Depressão

Era do

Artesanato

RevInd

Europa

RevInd

Inglesa

  • Aumento da:

  • População

  • Produção

  • Produtividade

  • Demanda

  • Consumo

  • ...

1750 1800 1850 1900 1950 2000

Expansão

Industrial

Expansão

Financeira

Expansão

Automação

Expansão

Colonial


Fase artesanal dos prim rdios idade m dia

Fase Artesanal(dos primórdios à Idade Média)

  • As atividades de produção de bens eram desempenhadas por artesãos;

  • As ferramentas e os utensílios eram utilizados exclusivamente por quem os produzia;

  • Detinham o domínio completo do ciclo de produção;

  • Produção era conforme as necessidades do cliente;

  • O sistema comercial se dá no contexto feudal e se baseia em trocas / escambo local.


A revolu o industrial inglaterra entre 1780 1860

A Revolução Industrial(Inglaterra entre 1780 – 1860)

  • Pcp marco – dsv da máquina a vapor por James Watt, 1776;

  • Primeiras fábricas;

  • Trabalho braçal x mecanizado;

  • Artesão x operário (coadjuvante das máquinas);

  • Trabalho padronizado sem contato c/ o cliente;

  • Divisão do trabalho:

    aqueles que pensam (administradores)

    e aqueles que executam (operários).


Desenvolvimento industrial 1860 1914

Desenvolvimento industrial (1860 – 1914)

  • Expansão da industrialização para outros países (Alemanha, França, Estados Unidos);

  • O aço substitui o uso do ferro c/ vantagens;

  • Novas fontes energéticas: eletricidade e petróleo ;

  • Dsv de motores elétricos e de combustão;

  • Novas tecnologias de trnp: automóveis e aviões;

  • E de comunicações: telégrafo sem fio, telefone;

  • Capital industrial x Capital Financeiro – Gdes Bcos e conglomerados industriais.


Ciclo das guerras mundiais 1914 1945

Ciclo das Guerras Mundiais(1914 – 1945)

  • Garantia de mercados internacionais;

  • Expansão da produção e dsv tec para alimentar o esforço de guerra;

  • Quebra da bolsa de Nova York;

  • Expansão no uso de materiais petroquímicos;

  • Expansão nos sistemas de transporte e de comunicações.


Fase moderna 1945 1980

Fase Moderna (1945 – 1980)

  • Acomodação dos mercados internacionais;

  • Aglutinação de países em blocos econômicos;

  • Entrelaçamento dos negócios internacionais;

  • Dsv de novos materiais: plásticos, alumínio, fibras têxteis sintéticas;

  • Novas fontes de energia;

  • Dsv de novas tec: tv, informática, satélites;

  • Escasseamento do Recursos Naturais;

  • Enxugamento dos custos de produção.


Fase da globaliza o 1980

Fase da globalização (1980...)

  • Acirramento pela disputa de mercados;

  • Concentração da produção em grandes corporações;

  • Especialização e fragmentação das linhas de produção em empresas menores, (terceirização);

  • Maior uso da informática e da robótica;

  • Aumento das demandas por qualidade nos produtos.


Administra o da produ o introdu o

Administração da Produção -Introdução

Produção

Marketing

Finanças

R H

Administração da Produção

Mnt

Estoque

Aquisições

P&D


Administra o da produ o e opera es

ESTRUTURA ORGANIZACIONAL

MERCADO CONSUMIDOR (CLIENTES)

ESTRATÉGIA CORPORATIVA

ESTRATÉGIA DE

PRODUÇÃO

ESTRATÉGIA DE MARKETING

ESTRATÉGIA DE

FINANÇAS


Administra o da produ o e opera es

Resultados

Insumos

Processo de Transformação

Bens e Serviços

Materiais e/ou Clientes

ESTRATÉGIA DE

PRODUÇÃO

PLANEJAMENTO

ESTRATÉGICO

PLANEJAMENTO

TÁTICO

PLANEJAMENTO

OPERACIONAL


Administra o da produ o

Administração da Produção

  • Trata do modo pelo qual as organizações conduzem os processos de planejamento, organização, direção e controle da produção de bens e serviços.


Fun o produ o

Função Produção

  • É a atividade pela qual os recursos, fluindo dentro de um sistema definido, são reunidos e transformados de forma controlada, a fim de agregar valor, de acordo com os objetivos empresariais.

    (Monks, J.G. – Administração da Produção, 1987)


Gerentes de produ o

Gerentes de Produção

  • Pessoas físicas com capacidades individuais e poder de decisão, responsáveis pela administração de todos, ou de parte, dos recursos envolvidos na produção de bens ou serviços, segundo critérios de tempo, custo e qualidade pré-estabelecidos.


Recursos

Recursos

  • São os insumos humanos, materiais e de capital. Os insumos humanos (tanto físico quanto intelectual) são os ativos-chave. Os insumos materiais incluem a fábrica, os equipamentos, o estoque, suprimentos, etc. Os insumos de capital, na forma de ativos, passivos, impostos e contribuições, são um acúmulo de valores que regulam o fluxo de outros recursos. (Monks, J.G. – Administração da Produção, 1987)


Valor agregado

Valor Agregado

  • São as melhorias criadas e estabelecidas no produto ou serviço, que proporcionem vantagem percebida em relação ao bem antecessor, e atendam às necessidades e expectativas do cliente ou consumidor.


Administra o da produ o opera es1

ADMINISTRAÇÃO DA PRODUÇÃO/OPERAÇÕES

  • Evolução histórica e conceitos;

  • Manufatura e serviços;

  • Fluxos de mercadorias, serviços e capitais;

  • Objetivos da Adm. da Produção/Operações;

  • Avaliação de produtividade.


Sistema de produ o

Sistema de Produção

  • São as disposições de componentes organizados de forma à alcançar os objetivos propostos no planejamento.

Transformação

Saídas

Entradas


Modelo de transforma o

Modelo de Transformação

Produtos

-Bens

-Serviços

  • Recursos

  • Transformados:

  • Materiais

  • Informações

  • Consumidores

Processo de

Transformação:

-Cortar

-Moldar

-Informar

-Capacitar

Entradas

Saídas

  • Recursos de

  • Transformação:

  • Instalações

  • Pessoal

Slack, 2002.


Processo entrada transforma o sa da

Processo Entrada-Transformação-Saída


Recursos transformados

Recursos Transformados


Recursos de transforma o

Recursos de Transformação

  • Instalações – prédios, equipamentos, terrenos e tecnologias empregadas nos processos de produção.

  • Pessoal – Funcionários envolvidos na operação, manutenção, planejamento, na administração da produção em todos os níveis.


Processo de transforma o

Processo de Transformação

  • É uma série de operações logicamente inter-relacionadas, que quando executadas, agregam valor aos recursos de entrada, produzindo, assim, novos bens e serviços.

  • Emprega um composto dos recursos transformados: materiais, informações e consumidores. Com freqüência, um deles e dominante em cada operação.


Processamento de materiais

Processamento de Materiais

  • Transformação das propriedades físicas;

  • Mudança da localização;

  • Mudança da posse ou propriedade;

  • Estocagem ou acomodação.


Processamento de informa es

Processamento de informações

  • Transformação das propriedades informativas;

  • Mudança da posse da informação;

  • Estocagem ou acomodação da informação;

  • Mudança da localização da informação.


Processamento de consumidores

Processamento de Consumidores

  • Transformação das propriedades físicas;

  • Acomodação;

  • Mudança de localização;

  • Transformação do estado fisiológico ou psicológico.


Caracter sticas dos bens e servi os

Características dos Bens e Serviços

  • Tangibilidade

  • Estocabilidade

  • Transportabilidade

  • Simultaneidade

  • Contato com o consumidor

  • Qualidade


Composto de bens e servi os

Composto de Bens e Serviços

Serviços Puros

Bens Puros

100%50%050%100%

Automóveis

Restaurante fast-food

Restaurante

Manutenção de automóveis

Hospital

Cabeleireiro

Consultoria


Fun o marketing

Função Marketing

  • Responsável por divulgar e vender os bens ou serviços produzidos para o seu mercado consumidor, de modo a gerar receitas de vendas para a sobrevivência da empresa.


Fun o cont bil financeira

Função Contábil Financeira

  • Administra os recursos financeiros e gera informações contábeis para apoio ao processo de tomada de decisão


Outras fun es gerenciais

Outras Funções Gerenciais

  • Aquisições: supre o sistema produtivo com as matérias-primas, componentes, materiais indiretos e equipamentos necessários à produção;

  • Manutenção: manter os equipamentos e instalações do sistema de produção em perfeito estado de uso;

  • Recursos Humanos: controlar, recrutar e treinar mão de obra, estabelecer relações trabalhistas, negociar contratos, política salarial e de incentivos;

  • ...


Prote o da produ o

Proteção da Produção

  • Proteção Física:

    • Envolve a construção de um estoque dos recursos, de forma que qualquer interrupção temporária de fornecimento possa ser absorvida.

  • Proteção Organizacional:

    • As demais funções são responsáveis, em suas áreas de atuação, pela proteção da Função Produção quanto ao ambiente externo.


Administra o da produ o opera es2

ADMINISTRAÇÃO DA PRODUÇÃO/OPERAÇÕES

  • Evolução histórica e conceitos;

  • Manufatura e serviços;

  • Fluxos de mercadorias, serviços e capitais;

  • Objetivos da Adm. da Produção/Operações;

  • Avaliação de produtividade.


Administra o da produ o e opera es

EspaçoTempoForma

FLUXO DE MERCADORIAS E DE VALOR TRADICIONAL

ProdutoPrimário

Intermediação

Indústria

Atacadista

Varejista

Armazenagem

Mercadorias

Valor


Administra o da produ o e opera es

ABCDEF

FLUXO DE MERCADORIAS E VALOR ATUAL

Importação

Varejista

Atacadista

Consumidor

Indústria

Intermediação

Mercado interno

ProdutoPrimário

Armazenagem

Mercado interno

Mercado externo

Mercado externo

Mercadorias

Valor


Administra o da produ o opera es3

ADMINISTRAÇÃO DA PRODUÇÃO/OPERAÇÕES

  • Evolução histórica e conceitos;

  • Manufatura e serviços;

  • Fluxos de mercadorias, serviços e capitais;

  • Objetivos da Adm. da Produção/Operações;

  • Avaliação de produtividade.


Administra o da produ o e opera es

  • OBJETIVOS DA ADMINISTRAÇÃO DA PRODUÇÃO/OPERAÇÕES

  • Organização da produção

  • Projeto dos produtos e dos processos

  • Layout

  • Comunicação visual

  • Posto de trabalho

  • Compromisso com o meio ambiente

  • Gestão do conhecimento


Administra o da produ o opera es4

ADMINISTRAÇÃO DA PRODUÇÃO/OPERAÇÕES

  • Evolução histórica e conceitos;

  • Manufatura e serviços;

  • Fluxos de mercadorias, serviços e capitais;

  • Objetivos da Adm. da Produção/Operações;

  • Avaliação de produtividade.


Administra o da produ o e opera es

Conceito de Produtividade

OUTPUT

INPUT

PRODUTIVIDADE =

OUTPUT

INPUT


Administra o da produ o e opera es

AVALIAÇÃO DA PRODUTIVIDADE

  • ALGUNS FATORES DETERMINANTES

    • RELAÇÃO CAPITAL X TRABALHO

    • ESCASSEZ DE RECURSOS

    • MÃO DE OBRA

    • INOVAÇÃO E TECNOLOGIA

    • RESTRIÇÕES LEGAIS

    • FATORES GERENCIAIS

    • QUALIDADE DE VIDA


Administra o da produ o e opera es

Impacto econômico da melhoria da produtividade e qualidade

AÇÃO

GERENCIAL

Melhoria na

qualidade do

produto

Melhoria nos

processos

produtivos

Aumento no

“output” por

unidade de

“input”

Redução no

“input” por

unidade de

“output”

Aumento no

“output” e

redução no

“input”

Maior valor

percebido

Preços

mais altos

Produtividade

melhorada

Maior

participação

no mercado

Baixos custos

de manufatura

e serviços

Aumento

na receita

Maiores

lucros


Administra o da produ o e opera es

AVALIAÇÃO DA PRODUTIVIDADE

  • Relação capital-trabalho

  • Escassez de alguns recursos

  • Mudanças na mão de obra

  • Inovação e tecnologia

  • Restrições legais

  • Fatores gerenciais

  • Qualidade de vida


Administra o da produ o e opera es

Medida

da

Produtividade

Melhoria

Avaliação

da

da

Produtividade

Produtividade

Planejamento

da

Produtividade

Ciclo da Produtividade


Administra o da produ o e opera es

Âmbitos de Medida da Produtividade

  • Nacional

    • PNB

    • Renda PER CAPITA

  • Empresa

    • Produtividade Total

    • Produtividade Parcial


Administra o da produ o e opera es

Formas de se melhorar a produtividade

  • Produzir mais output usando o mesmo nívelde inputs.

  • Produzir a mesma quantia de output usando menor nível de inputs.

  • Produzir mais output usando menor nível deinputs.


  • Login