Avalia o e eu com isso
Download
1 / 27

AVALIAÇÃO: E EU COM ISSO? - PowerPoint PPT Presentation


  • 64 Views
  • Uploaded on

AVALIAÇÃO: E EU COM ISSO?. Gisele Aparecida Leal. Por causa do Greg é que a gente “congrega”, “agrega” adora “congresso” e precisa ter cuidado para não “segregar”. Mario Sergio Cortella. Avaliação. A vida movida pelo. DESEJO

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about ' AVALIAÇÃO: E EU COM ISSO?' - sharlene-barbier


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
Avalia o e eu com isso

AVALIAÇÃO: E EU COM ISSO?

Gisele Aparecida Leal


Por causa do Greg é que a gente “congrega”, “agrega” adora “congresso” e precisa ter cuidado para não “segregar”.

Mario Sergio Cortella


Avaliação “agrega” adora “congresso” e precisa ter cuidado para não “segregar”.


A vida movida pelo “agrega” adora “congresso” e precisa ter cuidado para não “segregar”.

DESEJO

É preciso desejar mudança...


Essa conta é da minha conta.... “agrega” adora “congresso” e precisa ter cuidado para não “segregar”.

Avaliação


Para mudar a avaliação “agrega” adora “congresso” e precisa ter cuidado para não “segregar”.

qual o caminho?


ONDE MEXER? “agrega” adora “congresso” e precisa ter cuidado para não “segregar”.


  • NOVAS CONCEPÇÕES: “agrega” adora “congresso” e precisa ter cuidado para não “segregar”.

  • DE PERFIL DE ALUNO QUE QUEREMOS FORMAR;




Avalia o educacional

Avaliação Educacional “agrega” adora “congresso” e precisa ter cuidado para não “segregar”.


  • AVALIAÇÃO. “agrega” adora “congresso” e precisa ter cuidado para não “segregar”.


“A minha utopia é o meu horizonte...” “Eu já entendi para que serve a minha utopia. A minha utopia não serve para que eu chegue até lá, mas para me impedir de parar de caminhar.

Eduardo Galeano


AÇÕES para que serve a minha utopia. A minha utopia não serve para que eu chegue até lá, mas para me impedir de parar de caminhar.

INVESTIGAR

AVALIAR

PLANEJAR

ENSINAR


Funções da Avaliação para que serve a minha utopia. A minha utopia não serve para que eu chegue até lá, mas para me impedir de parar de caminhar.

PROVIDENCIAR

INCLUIR

REGULAR

APRENDER

AJUSTAR


AVALIAR para que serve a minha utopia. A minha utopia não serve para que eu chegue até lá, mas para me impedir de parar de caminhar.

RESPONSABILIZAÇÃO


Aluno: para que serve a minha utopia. A minha utopia não serve para que eu chegue até lá, mas para me impedir de parar de caminhar.

Parte de um ponto e chega a outro ponto.


  • Avaliar no Ciclo: para que serve a minha utopia. A minha utopia não serve para que eu chegue até lá, mas para me impedir de parar de caminhar.

    • Guiar e otimizar as aprendizagens em andamento.

    • Tomar providências.


“NOVA” AVALIAÇÃO para que serve a minha utopia. A minha utopia não serve para que eu chegue até lá, mas para me impedir de parar de caminhar.

  • Diversificação de instrumentos;

  • Critérios sólidos e claros para todos;

  • Regulação do planejamento;

  • Critérios de formação de

  • classes – ciclos;

  • Outras linguagens


Professor: Aprender a deixar para que serve a minha utopia. A minha utopia não serve para que eu chegue até lá, mas para me impedir de parar de caminhar.

os alunos aprenderem

O ensino prevê aprendizagem e a avaliação

faz parte desse processo.


Ensinar – Aprender – Compreender- Conhecer. para que serve a minha utopia. A minha utopia não serve para que eu chegue até lá, mas para me impedir de parar de caminhar.


Transfiguração inteligente para que serve a minha utopia. A minha utopia não serve para que eu chegue até lá, mas para me impedir de parar de caminhar.


O processo está nas mãos do professor para que serve a minha utopia. A minha utopia não serve para que eu chegue até lá, mas para me impedir de parar de caminhar.


De paredes para que serve a minha utopia. A minha utopia não serve para que eu chegue até lá, mas para me impedir de parar de caminhar.

A pontes


ESCUTA para que serve a minha utopia. A minha utopia não serve para que eu chegue até lá, mas para me impedir de parar de caminhar.

Professor aluno


A humanidade nunca se coloca problemas que já não tenha condições para resolver, pois as mesmas condições que geram a consciência de problema são as que ajudarão a gerar soluções.

Karl Marx



ad