Operações de processamento -- Operadores relacionais
This presentation is the property of its rightful owner.
Sponsored Links
1 / 28

Operações de processamento -- Operadores relacionais PowerPoint PPT Presentation


  • 55 Views
  • Uploaded on
  • Presentation posted in: General

Operações de processamento -- Operadores relacionais. Consideramos assim o exemplo de um algoritmo para calcular se uma temperatura e negativa, positiva ou nula. Mostrar: Temperatura é Negativa. Não. T>0?. T=0?. Ler T. Não. Sim. Sim. Mostrar: Temperatura é Positiva.

Download Presentation

Operações de processamento -- Operadores relacionais

An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Presentation Transcript


Operações de processamento -- Operadores relacionais


Consideramos assim o exemplo de um algoritmo para calcular se uma temperatura e negativa, positiva ou nula

Mostrar: Temperatura é Negativa

Não

T>0?

T=0?

Ler T

Não

Sim

Sim

Mostrar:

Temperatura é Positiva

Mostrar: Temperatura é nula


Identificar que o pneu furou

Desapertar a meio termo os parafusos

Guardar as ferramentas e o pneu furado, limpar as mãos

Ligar 4 piscos

Colocar o macaco e levantar o carro

Desligar 4 piscas e seguir caminho

Vestir colete e colocar o triangulo

Desapertar os parafusos e tirar o pneu

Colocar o pneu furado no arranjo

Colocar o pneu suplente e apertar os parafusos

Tirar ferramentas e o pneu suplente


Procurar na internet como fazer uma gelatina

e agora já se pode comer

Por meio litro de agua a ferver

Esperar que arrefeça e depois por no frigorifico

Preparar um recipiente com meio litro de água fria

não

Provar ou não para ver se esta bem mexida

Meio caminho para queimar a língua

sim

Abrir os 2 pacotes de gelatina e por no recipiente e juntar a agua fervida e mexer


Abrir o microondas e enfiar o prato lá dentro

quente

Tapar o prato com a protecção, ligar o microondas

Comer sem queimar a língua

não

sim

No fim do tempo ver se esta quente o comer

Escolher a temperatura e o tempo


Obter b

5

imput

Obter h

10

A=b*h/2

processamento

A = b*h/2

A = 10*5/2

Mostrar A

output


Temperatura média = temperatura máxima + temperatura minima

2

Tm = 30+10=20

2

Ver qual a temperatura máxima

E encontramos o resultado

output

input

Encontrar a temperatura minima

Soma-se a temperatura máxima com a minima e com a soma divide-se por 2

processamento


Disciplinas D1+ D2+D3

OBTER A NOTA DO D1 + D2+ D3

E TÊM-SE O RESULTADO

SOMA-SE TUDO E DIVIDE-SE POR 3


Obter o valor de cada mês ordenado variável

Ver no calendário quantos dias úteis tem o mês

O resultado e a soma do ordenado

Obter o valor diário

Multiplicar o valor diário pelos dias úteis


Valor do autocarro por mês

Obter o valor do autocarro por viagem

Mostrar o valor resultante

Obter no mês quantas viagens fiz

Viagens * valor por viagem


Elabore um algoritmo para obter o volume de um tanque paralelepípedo

Volume=altura*largura*comprimento

MOSTRAR V

Obter altura

Obter largura

V=a*L*C

Obter comprimento


FAZER UM ALGORITIMO PARA CALCULAR QUANTAS FERRADURAS SÃO NECESSARIAS PARA EQUIPAR TODOS OS CAVALOS COMPRADOS PARA UM PRINCIPE ÁRABE

OBTER O NÚMERO DE CAVALOS

OBTER O NÚMERO DE CAVALOS E MULTIPLICAR POR 4

VER O VALOR RESULTANTE


Calcular um algoritmo para ler o nome e a idade de uma pessoa, e exibir quantos dias de vida ela possui.

Considere sempre anos completos, e que um ano possui 365 dias

Obter Nome

Ver o resultado

Obter idade

* Idade por 365


Alguns países medem temperaturas em graus Célsius, e outros em graus Fahrenheit. Faça um algoritmo para ler uma temperatura Célsius e imprimi-la em fahrenheit (pesquise como fazer este tipo de conversão).

°F = °C × 1,8 + 32

Obter o valor C

F=c*1,8+32

E o resultado será o valor do F


ELABORE UM ALGORITMO QUE AO LER DOIS NÚMEROS INFORME-SE SE ESTES SÃO IGUAIS OU DIFERENTES

N1=N2?

OBTER N1, N2

Não

Mostrar : É porque são diferentes

Sim

Mostrar:

É porque são iguais


LER A E B

Input

C=A+B

Processamento

ESCREVER C

Output


Símbolos Utilizados

Símbolo de Inicio ou de Fim

Entrada ou saída de dados

Processamento Interno

Símbolo da Decisão

Linha de Fluxo

Conector


Inicio

Ler (Comp, Larg)

Área <- Comp*Larg

Escrever (Área)

Fim


Fluxograma de um triangulo

PSEUDOCÓDIGO – LINGUAGEM FORMAL

Inicio

Variável a,b,h: INTEIRO

inicio

Ler (b,h)

LER(B,H);

A<- B*H/2

ESCREVER (A)

A<-b*h/2

FIM

Escrever (a)

Y

Fim

B


Inicio

Ler (P)

P*0,25 <-B

Escrever (B)

fim


Inicio

Ler (Preco_c)

Escrever (“ Quantos Kms tem a viagem?)

Cg<-ck*km_v

Vg<-cg*preco_c

Ler(kms)

Escrever (“ os litros de combustíveis necessários para a viagem são: cg”)

Escrever (“Quanto consome o carro num km?)

(Valor gasto com a viagem é :vg)

Ler (ck)

Fim

Escrever (“Qual é o preco do litro do combustível”)

CONTINUA


Pseudocódigo

Variáveis : CG, CK, KMS_V, VG, PRECO_C: REAIS;

INICIO

ESCREVER(“QUANTOS KMS TEM A VIAGEM?”);

LER(KMS_V);

ESCREVER(“QUANTO CONSOME NUM KM?”);

LER(CK);

ESCREVER (“ PRECO DO LITRO DE COMBUSTIVEL?”);

LER (PRECO_C);

CG<-CK*KMS_V;

VG<- CG*PRECO_C;

ESCREVER (“ LITROS DE COMBUSTIVEL GASTOS NA VIAGEM É:”,CG);

ESCREVER (“ O DINHEIRO GASTO NA VIAGEM É:”, VG);

FIM


Fluxograma

Pseudocódigo

SE

Condição

Falso

SENÃO

Bloco de Instruções

SE <Condição>

Então

<bloco de instruções>

Senão

<bloco de instruções>

FimSe

Verdade

ENTÃO

Bloco de Instruções


1- Elabore o fluxograma e o pseudocódigo de um software que ao introduzir a nota de uma disciplina informe se o aluno esta aprovado ou reprovado na disciplina.

2- Considere uma escala de 0 a 20 em que de 9,5 a 20 o aluno deverá transitar.

Inicio

Variáveis Nota: reais

Inicio

Escrever(“Qual a nota”);

Ler(nota)

SE

(a nota for <9,4)

escrever (“ o aluno transitou de ano com,”nota,” valores”);

SENÃO

Escrever(“o aluno não transitou de ano porque a nota foi de, “nota,”valores”);

FimSE

Fim

escrever(“Qual a nota”)

ler( a nota)

SE a nota for <9,5

verdadeiro

Passou

falso

fim

Chumbou


1- ELABORE O FLUXOGRAMA E O PSEUDOCODIGO DE UM SOFTWARE QUE AO INTRODUZIR AS NOTAS DAS DISCIPLINAS DE MATEMATICA, DE PORTUGUES E DE INGLES DE DETERMINADO ALUNO INFORME QUAL A SUA MEDIA E SE A SUA MEDIA E POSITIVA OU NEGATIVA.

2- CONSIDERE UMA ESCALA DE 0 A20 EM QUe DE 10 A 20 A MEDIA É POSITIVA

INICIO

fim

ESCREVER (“ NOTA DE MATEMATICA”)

LER (“NOTA DE MATEMATICA”)

Escrever (“Média é positiva”)

ESCREVER (“NOTA DE PORTUGUÊS”+)

verdadeiro

LER(“NOTA DE PORTUGÊS”)

ESCREVER (“NOTA DE INGLÊS”)

SE media >10

Escrever(“Média e negativa”)

falso

LER (“NOTA DE INGLÊS”)

media <-(“nota de matemática+nota de português + nota de inglês”)/3


Pseudocódigo

Variáveis N_MAT N_PORT, N_ING, M: REAIS: reais;

Inicio

Escrever (“ introduzir N_MAT”);

LER(N_MAT);

ESCREVER (“ IMTRODUZIR N_PORT”);

LER (N_PORT);

ESCREVER (“ INTRODUZIR N_ING”);

LER (N_ING);

M<-(N_MAT+ N_PORT+N_INGL)/3;

SE (M>,10) ENTÃO

ESCREVER (“ A MÉDIA É POSITIVA”);

SE NÃO

ESCREVER (“ A MÉDIA É NEGATIVA”);

FIMSE


Exercício 10 em C

Ler(“Valor em dólar”)

Inicio

Escrever(“Introduzir valor em Euros”)

Cambio(“Valor_em_dolares*valor_em_dolares”)

Escrever(“O valor do cambio é , cambio”)

Ler(“ Valor em Euros”)

Fim

Escrever(“Cambio do dólar”)


Exercicio 10 pseudocodigo

Variaveis valor em euros, valor dolar, cambio;

Inicio

escrever(“valor em euros”);

ler(“valor em euros”);

escrever(“valor dolar”);

ler(“valor dolar”);

cambio<-valor em euros*valordolar;

Escrever(“cambio”);

fim


  • Login