Praia de iracema
Download
1 / 30

PRAIA DE IRACEMA - PowerPoint PPT Presentation


  • 92 Views
  • Uploaded on

PRAIA DE IRACEMA. DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL. UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO PROJETO URBANÍSTICO IV PROFESSOR: RICARDO BEZERRA. EQUIPE: GILBERTO STUDART LIA NEVES VERAS MARILENA CARVALHO.

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'PRAIA DE IRACEMA' - loring


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
Praia de iracema

PRAIA DE IRACEMA

DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO

PROJETO URBANÍSTICO IV

PROFESSOR: RICARDO BEZERRA

EQUIPE:

GILBERTO STUDART

LIA NEVES VERAS

MARILENA CARVALHO


Introdu o e metodologia

PRAIA DE IRACEMAPR 01DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL

INTRODUÇÃO E METODOLOGIA

Esta fase da projetação, o Diagnóstico Físico Ambiental e Social, divide-se em três fases:

  • O levantamento de dados, fase em que a equipe constatará, em campo, dados como uso e ocupação do solo, aspectos naturais, legislação urbana, infra-estrutura e serviços urbanos e circulação e áreas livres.

  • Análise da paisagem urbana utilizando a metodologia proposta pelo teórico Kevin Linch.

  • Entrevistas e identificação de problemas e potencialidades.



Mapa geral da rea de estudo

PRAIA DE IRACEMAPR 02DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL

MAPA GERAL DA ÁREA DE ESTUDO

ZONEAMENTO SEGUNDO A LEI DE USO E OCUPAÇÃO DO SOLO


Planta de uso e ocupa o

PRAIA DE IRACEMAPR 03DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL

PLANTA DE USO E OCUPAÇÃO


Classifica o do sistema vi rio

PRAIA DE IRACEMAPR 04DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL

CLASSIFICAÇÃO DO SISTEMA VIÁRIO


Legisla o

PRAIA DE IRACEMAPR 05DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL

LEGISLAÇÃO

LEI DE USO E OCUPAÇÃO DO SOLO DO MUNICÍPIO DE FORTALEZA

ANEXO 5 - INDICADORES URBANOS DA OCUPAÇÃO NAS ÁREAS ESPECIAIS

TABELA 5.2 ÁREA DA ORLA MARÍTIMA

OBS. GERAL- Para todo o Município, a Taxa de Permeabilidade poderá ser reduzida até o mínimo de 20%

vinte por cento) da área do lote, desde que a área correspondente à diferença

entre este valor e a percentagem definida nesta Tabela seja substituida por área equivalente de absorção, através

da instalação de drenos horizontais, sob as áreas edificadas ou

pavimentadas e drenos verticais em qualquer ponto do terreno.

* ver artigo 104, parágrafo único.


Legisla o1

PRAIA DE IRACEMAPR 06DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL

LEGISLAÇÃO

LEI DE USO E OCUPAÇÃO DO SOLO DO MUNICÍPIO DE FORTALEZA

ANEXO 5 - INDICADORES URBANOS DA OCUPAÇÃO

TABELA 5.2 ÁREA DE INTERESSE URBANÍSTICO DA PRAIA DE IRACEMA

( * ) Ver artigo 125 desta lei.


Legisla o2

PRAIA DE IRACEMAPR 07DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL

LEGISLAÇÃO

LEI DE USO E OCUPAÇÃO DO SOLO DO MUNICÍPIO DE FORTALEZA

RECUOS PERMITIDOS NA ÁREA DE INTERESSE URBANÍSTICO DA PRAIA DE IRACEMA


Legisla o3

PRAIA DE IRACEMAPR 08DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL

LEGISLAÇÃO

Aárea de estudo, é classificada, segundo a Lei de Uso e Ocupação do Solo em:

  • Área da Orla Marítima Norte

    Artigos mais importantes:

    Art. 102. DEFINIÇÃO DE TRECHOS

    TRECHO II: Corresponde a Área onde está implantada a Indústria Naval do Ceará (INACE).

    TRECHO III: Compreende partes dos bairros Praia de Iracema e Centro.

    TRECHO IV: Compreende parte dos bairros Meireles e Mucuripe.


Legisla o4

PRAIA DE IRACEMAPR 09DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL

LEGISLAÇÃO

  • Área de Faixa de Praia da Orla Marítima Norte

    Artigos mais importantes:

    Art. 110.

    Trecho IV - Praia do Poço da Draga - Faixa com largura variável e extensão aproximada de1,00Km (um quilômetro).

    Trecho V - Praia de Iracema - Faixa com largura variável com extensão aproximada de 1,28Km (um virgula vinte e oito quilômetros).

    Trecho VI- Praia do Meireles / Mucuripe - Faixa de praia que envolve as praias doIdeal, Diarios, Náutico, Volta da Jurema, Estátua de Iracema e Mucuripe. Tem largura variável e extensão de 3.9 Km (três virgula nove quilômetros).

    Art. 109. A Área da Faixa de Praia, parte da orla marítima do Município de Fortaleza, constitui-se da área coberta e descoberta periódicamente pelas águas marítimas, acrescidas da faixa de material detrítico, tais como areias, cascalhos, seixos e pedregulhos, até o limite onde se inicie a vegetação natural ou outro ecossistema, ou até o primeiro logradouro público e de acordo com o disposto nesta Lei.

    Parágrafo único. Todos os trechos da Área da Faixa de Praia são áreas "non aedificandi" e destinam-se ao lazer e à prática de atividades esportivas.


Legisla o5

PRAIA DE IRACEMAPR 10DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL

LEGISLAÇÃO

  • Área de Interesse Urbanístico

    Artigos mais importantes:

    Art. 113. A Área de Interesse Urbanístico da Praiade Iracema fica dividida em 03 (três) setores de uso e ocupação do solo, sendo:

    I - Setor 1, como área destinada à revitalização urbana com incentivo à implantação dos usos Habitacional, Cultural, de Lazer e de Hotelaria;

    II - Setor 2, como área destinada à preservação urbana, envolvendo a manutenção do ambiente, no tocante ao parcelamento do solo, à volumetria e às características das edificações e às relações entre o espaço edificado e o espaço não edificado;

    III - Setor 3, como área destinada à renovação urbana com incentivo aos usos Habitacional e de Hotelaria. (Com redação dada pelo Art. 2º da Lei nº 7814, de 30 de outubro de 1995 )

    Art. 129.

    §1º. No caso de nova proposta de ocupação, esta não deverá alterar as características construtivas das edificações existentes e as relações pré-existentes entre o espaço edificado e o espaço não edificado no Setor.


Legisla o6

PRAIA DE IRACEMAPR 11DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL

LEGISLAÇÃO

Com relação à Área de Interesse Urbanístico, diz-se, na exposição dos motivos: A Área de Interesse Urbanístico da Praia de Iracema foi tratada em três setores de uso e ocupação do solo. Foi enfatizada a preservação, a revitalização e a renovação da área com incentivos aos usos habitacional, cultural, de lazer e de hotelaria. No aspecto relativo à preservação buscou-se a manutenção do ambiente, no tocante ao parcelamento do solo, à volumetria e às características das edificações e às relações entre o espaço edificado e o espaço não edificado.

OBS:

- No caso de uma das diretrizes de projeto ser a urbanização e o reassentamento da comunidade do Poço da Draga, será necessária a consulta da Lei de Uso e Ocupação do Solo, capítulo V-“Da Instituição de Áreas para Aglomerados Populares”;

- Para uma precisa definição dos setores e trechos classificados será necessária a consulta da Lei de Uso e Ocupação do Solo;

- Para maiores informações sobre esse zoneamento vide a Lei de Uso e Ocupação do Solo, TítuloII-“Do Uso e Ocupação”, Capítulo IV-“Das Zonas Especiais, Seções V, VI e VII.


An lise da paisagem urbana

PRAIA DE IRACEMAPR 12DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL

ANÁLISE DA PAISAGEM URBANA

A IMAGEM DA CIDADE - KEVIN LINCH - ED.MARTINS FONTES - SÃO PAULO,1997

Segundo Kevin Lynch, qualquer área pode ser estudada segundo cinco elementos básicos: vias, limites, bairros, pontos nodais e marcos.

  • Vias – canais de circulação ao longo dos quais o observador se locomove de modo habitual, ocasional ou potencial.

  • A concentração de bares e restaurantes na rua dos Tabajaras, assim como a criação de um novo caráter arquitetônico (cores fortes, fachadas com janelas falsas, etc.) contribui para torná-la mais importante aos olhos dos observadores.

  • A Avenida Historiador Raimundo Girão/Avenida Almirante Barroso se configura como uma via importante na medida que faz parte do trajeto habitual de inúmeras pessoas. Além disso, configura-se como a grande via de acesso a Praia de Iracema.

  • Além dessas vias, podemos citar o calçadão da Av. Beira Mar pelo seu grande movimento e identificação com a área.

  • Limites – elementos lineares não usados ou entendidos como vias pelo observador. São geralmente as fronteiras entre dois tipos de áreas.

  • A Avenida Almirante Tamandaré configura-se como um limite onde termina área de bares e casas de shows e começa a área residencial do Poço da Draga (contraste da zona de lazer bem freqüentada com a precariedade das habitações que ficam atrás da Alfândega e do Estaleiro).


An lise da paisagem urbana1

PRAIA DE IRACEMAPR 13DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL

ANÁLISE DA PAISAGEM URBANA

  • Bairros – áreas relativamente grandes da cidade, nas quais o observador pode penetrar mentalmente e que possuem algumas características em comum.

  • As características físicas que determinam o bairro da Praia de Iracema são continuidades temáticas existentes em componentes como tipo de construção, uso, atividades, estado de conservação, etc.

  • Pontos Nodais – são os focos estratégicos nos quais o observador pode entrar.

  • O cruzamento da Avenida Almirante Barroso com a Avenida Almirante Tamandaré configura-se como um local de enorme importância para o observador, onde as pessoas ficam mais atentas e percebem os elementos circundantes com maior clareza (antigo prédio da Alfândega, Centro Cultural Dragão do Mar de Arte e Cultura e a boate Pimenta Maluca, por exemplo)

  • a própria Rua dos Tabajaras, nos locais onde a calçada dá continuidade à praças (locais de concentração de pessoas) funciona como ponto nodal.

  • Marcos – pontos de referência considerados externos ao observador

  • Os grandes edifícios na Rua dos Tabajaras, contrastando com a paisagem predominante da área, tornam-se marcos pela sua singularidade no contexto.

  • Outro marco é a ponte metálica, pela sua referência cultural e histórica.



O que mais gosta na via

PRAIA DE IRACEMAPR 14DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL

O QUE MAIS GOSTA NA VIA


O que menos gosta na via

PRAIA DE IRACEMAPR 15DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL

O QUE MENOS GOSTA NA VIA


O que mais gosta no bairro

PRAIA DE IRACEMAPR 16DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL

O QUE MAIS GOSTA NO BAIRRO


O que menos gosta no bairro

PRAIA DE IRACEMAPR 17DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL

O QUE MENOS GOSTA NO BAIRRO


O que deve ser feito para melhoria do bairro

PRAIA DE IRACEMAPR 18DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL

O QUE DEVE SER FEITO PARA MELHORIA DO BAIRRO


Outros dados importantes

PRAIA DE IRACEMAPR 19DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL

OUTROS DADOS IMPORTANTES

  • 95% dos entrevistados moram em casa própria;

  • 100% possuem água fornecida pela CAGECE;

  • 90% possuem ligação com a rede pública de esgoto;

  • 90% todos possuem telefone próprio;

  • 100% possuem coleta de lixo sistemática, se não na porta, em local próximo;

  • 100% dos moradores entrevistados moram no bairro pelo menos há 20 anos;

  • Os entrevistados que apenas trabalham no bairro, o fazem a, pelo menos, 1 ano;

  • 50% dos entrevistados acham que o bairro continua a mesma coisa; 35% acha que está mudando para melhor e 15% acha que está piorando.



Potencialidades

PRAIA DE IRACEMAPR 20DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL

POTENCIALIDADES

  • Formento do turismo com a implantação ordenada de atividades voltadas para o turismo de lazer trazendo novas oportunidades de emprego e renda para a cidade.

  • Revitalização urbanística da área proporcionando uma infra-estrura pública para atender as necessidades do bairro. Ex: pavimentação, saneamento básico, segurança e iluminação.

  • Incentivo à cultura e às manifestações artísticas. Não somente no centro cultural Dragão do Mar, mas também, especificamente na área em estudo a ocorrência de galerias de arte, como a Galeria Ignês Fíúza e o Estoril.

  • Valorização do patrimônio arquitetônico.

  • Regiões de exuberante beleza natural e potencialidades paisagísticas.


Problemas

PRAIA DE IRACEMAPR 21DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL

PROBLEMAS

·Uso restrito durante o dia contrastando com o intenso movimento noturno (bares, boates, casas de shows e restaurantes)

·Apesar de ter algumas ocorrências de uso residencial, verifica-se a incompatibilidade deste com o uso predominante da área: comércio e serviços.

·Especulação imobiliária que desrespeita as leis de uso e ocupação do solo, com recuos e gabaritos inadequados. Um exemplo disso são os hotéis Vila de Iracema e Tabajaras.

·O tráfego intenso de veículos torna-se incompatível com o sistema viário deficiente, além disso, percebe-se a carência de área para estacionamento para atender a demanda noturna. Os poucos que existem ficam a cargo da iniciativa privada sujeito a grande exploração de preços da mesma.

·Apropriação indevida do espaço público, tanto no tocante os bares que apropriam-se das calçadas para colocação de mesas e atendimento ao público, como os guardadores de carros que apropriam-se indevidamente das vias.

·“Prostiturismo”, presente nas casas de show que incentivam esta prática. Ex: Pirata Bar, Bar Desigual.

·Problemas sérios de drenagem, cujas ruas ficam inundadas em períodos de chuva já que a região recebe águas oriundas de diferentes zonas da cidade.

·Violência


Fotos

PRAIA DE IRACEMAPR 22DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL

FOTOS

FOTO: RICARDO BEZERRA


Fotos1

PRAIA DE IRACEMAPR 23DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL

FOTOS

FOTO: RICARDO BEZERRA

FOTO: RICARDO BEZERRA


Fotos2

PRAIA DE IRACEMAPR 24DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL

FOTOS

FOTO: RICARDO BEZERRA

FOTO: RICARDO BEZERRA

FOTO: RICARDO BEZERRA


Fotos3

PRAIA DE IRACEMAPR 25DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL

FOTOS

FOTO: RICARDO BEZERRA

FOTO: RICARDO BEZERRA


Fotos4

PRAIA DE IRACEMAPR 26DIAGNÓSTICO FÍSICO-AMBIENTAL E SOCIAL

FOTOS

FOTO: RICARDO BEZERRA

FOTO: RICARDO BEZERRA

FOTO: RICARDO BEZERRA


ad