Revolu o industrial
This presentation is the property of its rightful owner.
Sponsored Links
1 / 39

REVOLUÇÃO INDUSTRIAL PowerPoint PPT Presentation


  • 234 Views
  • Uploaded on
  • Presentation posted in: General

ORDEM MUNDIAL. REVOLUÇÃO INDUSTRIAL. MUNDIALIZAÇÃO. GUERRA FRIA. GLOBALIZAÇÃO. ORDEM MUNDIAL – ORDEM INTERNACIONAL. A expressão "ordem internacional" se refere a um conjunto de características econômicas, sociais e políticas vigentes em determinado período histórico.

Download Presentation

REVOLUÇÃO INDUSTRIAL

An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Presentation Transcript


Revolu o industrial

ORDEM MUNDIAL

REVOLUÇÃO INDUSTRIAL

MUNDIALIZAÇÃO

GUERRA FRIA

GLOBALIZAÇÃO


Ordem mundial ordem internacional

ORDEM MUNDIAL – ORDEM INTERNACIONAL

  • A expressão "ordem internacional" se refere a um conjunto de características econômicas, sociais e políticas vigentes em determinado período histórico.

  • Ordem da Revolução Industrial

  • Ordem da Guerra Fria

  • Nova Ordem Mundial;

    cada uma em seu contexto histórico específico.


Os centros de poder variam por m seguem uma l gica de domina o

Os Centros de Poder variam, porém seguem uma lógica de dominação


Revolu o industrial

GUERRA FRIA


Revolu o industrial

  • Definição: conflito político, ideológico e militar entre as duas grandes potências do pós-2ª Guerra Mundial:

EUA

CAPITALISMO

URSS

COMUNISMO


Revolu o industrial

ÍCONES DA FELICIDADE – CAPITALI MO

valorização da riqueza material, individualismo, consumismo, democracia.


Revolu o industrial

URSS: bem estar social, igualdade, simplicidade, glorificação do stalinismo, censura a arte ocidental (burguesa), coletivismo.


Modos de produ o um outro olhar

Modos de produção: um outro olhar

Contrastes que poderiam ter acabado com o mundo:

Capitalismo:

  • busca exacerbada pelo lucro;

  • descompromisso ambiental e social;

  • esfacelamento dos recursos naturais;

  • expansão descontrolada;

  • descompasso entre produção e lucro;

  • guerras e crises;

  • incentivo ao consumismo.

    Socialismo:

  • igualdade utópica;

  • ditadura repressiva;

  • regimes autoritários;

  • negligência social;

  • sucateamento industrial;

  • censura à liberdade;

  • exploração do trabalho.


Revolu o industrial

A GUERRA FRIA

1945: o ano das conferências

 A CONFERÊNCIA DE YALTA (Fevereiro de 45)

  Participantes: os três grandes (EUA, Reino Unido, URSS)

 Expectativa dominante: Discutir e decidir os destinos e o futuro geopolítico do continente europeu, dentro do que na época se definia como “O espírito da paz”

 Resultados: total vitória soviética (imposição de Stálin: Europa Oriental, zona de influência soviética)


Revolu o industrial

HINO DO PARTIDO BOLCHEVIQUE - URSS


Revolu o industrial

HINO DO PARTIDO BOLCHEVIQUE - URSS


Revolu o industrial

  • Características gerais da Guerra Fria:

    • Disputa tecnológica.

    • Corrida espacial.

    • Espionagem (CIA X KGB).

    • Busca de aliados.

    • Conflitos regionalizados.

    • Difamações.

ROCKY X DRAGO


Revolu o industrial

CENÁRIO POLÍTICO - ECONÔMICO

  • 1947: Plano Marshall:

    Plano econômico de auxílio aos países europeus (ocidentais). Reduziria possível influência soviética.


Revolu o industrial

CENÁRIO POLÍTICO - ECONÔMICO

1949: COMECON (Conselho para Assistência Econômica Mútua) – versão soviética do Plano Marshall.


Revolu o industrial

CENÁRIO POLÍTICO - MILITAR


Revolu o industrial

1949:OTAN (Organização do Tratado do Atlântico Norte) – aliança militar de países capitalistas. Início: EUA, CAN, ING, FRA, BEL, HOL, LUX, DIN, NOR, FIN, POR, ITA (GRE, TUR e ALE OC. Posteriormente).


Revolu o industrial

  • 1955: PACTO DE VARSÓVIA – aliança militar de países do leste europeu. Membros: URSS, ALB, ALE OR., BUL, HUN, TCH, POL, ROM (CUB e MON posteriormente).


Revolu o industrial

Doutrina Truman 1947(a política de contenção do socialismo)

  • Doutrina Truman é o nome dado a uma política externa implantada durante o governo Truman e direcionada ao bloco de países capitalistas no período pré-Guerra Fria.

  • Objetivo impedir a expansão do socialismo, especialmente em nações capitalistas consideradas frágeis.


Revolu o industrial

  • Macartismo (1948 – 1952 aproximadamente)

Senador Joseph Eugene McCarthy.

Perseguições nos EUA a artistas, intelectuais e funcionários de setores governamentais suspeitos de ligações com comunistas.

Histeria anticomunista.

“Caça às bruxas”.


O macartismo a ca a s bruxas comunistas 1950 1957

O MacartismoA caça às bruxas comunistas (1950-1957)


Revolu o industrial

  • 1949: Divisão da Alemanha em RDA (Ale Or.) e RFA (Ale Oc.).


Revolu o industrial

TRATADO DE POTSDAM

(Julho-Agosto de 45)


Revolu o industrial

Nikita

Hey Nikita is it cold

In your little corner of the world

You could roll around the globe

And never find a warmer soul to know

Oh I saw you by the wall

Ten of your tin soldiers in a row

With eyes that looked like ice on fire

The human heart a captive in the snow

Chorus

Oh Nikita you will never know, anything about my home

I'll never know how good it feels to hold you

Nikita I need you so

Oh Nikita is the other side of any given line in time

Counting ten tin soldiers in a row

Oh no, Nikita you'll never know

Do you ever dream of me

Do you ever see the letters that I write

When you look up through the wire

Nikita do you count the stars at night

And if there comes a time

Guns and gates no longer hold you in

And if you're free to make a choice

Just look towards the west and find a friend

Chorus

Oh Nikita you will never know, anything about my home

I'll never know how good it feels to hold you

Nikita I need you so

Oh Nikita is the other side of any given line in time

Counting ten tin soldiers in a row

Oh no, Nikita you'l never know

repeat chorus


Revolu o industrial

A GUERRA FRIA

1945: o ano das conferências

 A CONFERÊNCIA DE SAN FRANCISCO (Abril de 45)

- Participantes: cerca de 50 países, incluindo o Brasil

- Expectativa dominante: organizar instituições internacionais que garantissem a paz mundial

Resultados: assinatura da carta de São Francisco, com a criação da ONU


Revolu o industrial

Conferência de São Francisco– Junho de 1945

Criação da Carta das Nações Unidas, que regulamentava a criação da ONU.

Consolidação de diversos órgãos internacionais associados a ela, com o objetivo de regulamentar a diplomacia mundial.

Bandeira do órgão.

Sede da Onu em Nova York.


Onu geopol tica atual

ONU GEOPOLÍTICA ATUAL


Estrutura da onu

ESTRUTURA DA ONU

  • SEDE: NOVA YORK.

  • 192 MEMBROS.

    **NÃO:VATICANO, TAIWAN, KOSOVO E AUTORIDADE NACIONAL PALESTINA.

http://www.onu.org.br/


Carta das na es unidas

CARTA DAS NAÇÕES UNIDAS

  • PRESERVAR AS GERAÇÕES FUTURAS DO FLAGELO DA GUERRA QUE POR SUAS DUAS VEZES INFLIGIU À HUMANIDADE HORRÍVEIS SOFRIMENTOS;

  • REAFIRMAR OS DIREITOS FUNDAMENTAIS DO HOMEM, NA DIGNIDADE E NO VALOR DO SER HUMANO, NA IGUALDADE DE DIREITOS ENTRE HOMENS E MULHERES E ENTRE PAÍSES GRANDES E PEQUENOS;

  • AJUDA A MANTER A JUSTIÇA E O RESPEITO ÀS OBRIGAÇÕES CONTIDAS EM TRATADOS E OUTRAS FONTES DO DIREITO INTERNACIONAL;

  • PROMOVER O PROGRESSO SOCIAL E ELEVAR O NÍVEL DE VIDA DENTRO DE UM CONCEITO MAIS AMPLO DE LIBERDADE;

  • PRATICAR A TOLERÂNCIA E CONVIVER EM PAZ COMO BONS VIZINHOS;

  • UNIR FORÇAS PARA MANTER A PAZ E A SEGURANÇA INTERNACIONAIS;

  • USO DAS FORÇAS ARMADAS APENAS EM SERVIÇO DE INTERESSE COMUM;

  • PROMOVER O PROGRESSO SOCIAL E ECONÔMICO DE TODOS OS POVOS.


Ag ncias especializadas

AGÊNCIAS ESPECIALIZADAS

  • UNICEF (FUNDO DAS NAÇÕES UNIDADES PARA A INFÂNCIA)

    - SAÚDE, NUTRIÇÃO E BEM ESTAR INFANTIL;

  • FAO (ONU PARA A AGRICULTURA E ALIMENTAÇÃO)

    - PRODUTIVIDADE AGRÍCOLA E PESQUEIRA.


Ag ncias especializadas1

AGÊNCIAS ESPECIALIZADAS

  • UNESCO (ONU PARA EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E CULTURA)

  • PROGRAMAS EDUCACIONAIS; COOPERAÇÃO CIENTÍFICA INT.

  • OIT (ORGANIZAÇÃO INTERNACIONAL DO TRABALHO)

    => CONDIÇÕES DE TRABALHO E COMBATE AO DESEMPREGO.


Ag ncias especializadas2

AGÊNCIAS ESPECIALIZADAS

  • OMS (ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DE SAÚDE)

    - CONVENÇÕES, ACORDOS, REGULAMENTAÇÕES E RECOMENDAÇÕES – SAÚDE;

  • OMC (ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DE COMÉRCIO)

  • - COMÉRCIO MULTILATERAL E COMBATE AO PROTECIONISMO

IPCC (PAINEL INTERGOVERNAMENTAL SOBRE MUDANÇAS CLIMÁTICAS)


Assembleia geral da onu

ASSEMBLEIA GERAL DA ONU

  • ANUAL: REPRESENTANTES DOS PAÍSES MEMBROS.

  • RECOMENDAÇÕES AO CS E ESCOLHA DAS SEDES DAS CONFERÊNCIAS TEMÁTICAS.

BAN KI-MOON


Conselho de seguran a da onu

CONSELHO DE SEGURANÇA DA ONU

  • 05 MEMBROS EFETIVOS (EUA, RÚSSIA, CHINA, INGLATERRA E FRANÇA) E 10 TEMPORÁRIOS (BÉLGICA, BRASIL, COSTA RICA, CROÁCIA, INDONÉSIA, ITÁLIA, PANAMÁ, ÁFRICA DO SUL E VIETNÂ).

  • ENVIO DE TROPAS DA ONU (FORÇAS DE PAZ).

  • EMBARGO ECONÔMICO.

  • ACORDOS DE PAZ.

  • APROVA/RECOMENDA NOVOS PAÍSES.


Confer ncias da onu

CONFERÊNCIAS DA ONU

  • POPULAÇÃO (ROMÊNIA, MÉXICO E CAIRO) – MÉTODOS ANTICONCEPCIONAIS E DIREITO DAS MULHERES;

  • SOBRE A MULHER (MÉXICO,DINAMARCA, QUÊNIA, PEQUIM) – VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER;

  • DIREITOS HUMANOS (ÁUSTRIA);

  • SOBRE CIDADES(CANADÁ, TURQUIA) – QUALIDADE DE VIDA NOS CENTROS URBANOS.

  • MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO (ESTOCOLMO, BRASIL, JOHANESBURGO E DINAMARCA) – DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL.


Onu no s culo xxi cr ticas

ONU NO SÉCULO XXI - CRÍTICAS

  • ÓRGÃO SEM PODER MILITAR PARA FAZER CUMPRIR ACORDOS INTERNACIONAIS.

  • 2003 – EUA+INGLATERRA => GUERRA CONTRA O IRAQUE.

  • FRACASSO DAS MISSÕES DE PAZ NA ÁFRICA.

  • FALTA DE TRANSPARÊNCIA NAS DECISÕES.


Revolu o industrial

Não alinhamento político na Guerra Fria

Combate ao colonialismo e ao racismo

Promover a paz mundial

Cooperação entre as nações afro-asiáticas

Criou-se a expressão “Terceiro Mundo”

Conferência de Bandung

1955


  • Login