Semiologia do Sistema Urin rio

Semiologia do Sistema Urin rio PowerPoint PPT Presentation


  • 495 Views
  • Uploaded on
  • Presentation posted in: General

Componentes. RinsUreteresBexigaUretraComo se d

Download Presentation

Semiologia do Sistema Urin rio

An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Presentation Transcript


1. Semiologia do Sistema Urinário Méd. Vet. Tatiana Rizzotto

2. Componentes Rins Ureteres Bexiga Uretra Como se dá a produção de urina?

3. Rins Localização: retroperitoneal Responsáveis pela produção da urina Rim direito mais cranial no cão Formato Equinos – coração Bovinos – lobulado Ovinos e caprinos - feijão Cães e gatos – feijão

4. Ureteres Transportam a urina dos rins até a bexiga Região retroperitoneal

5. Bexiga Bexiga + ureteres = trato urinário inferior Reservatório temporário de urina Dividido em colo, corpo e vértice cranial O que segura a urina dentro da bexiga?

6. Bexiga

7. Uretra Transportam a urina da bexiga ao exterior E no macho + sêmen e liquido seminal Uretra feminina x uretra masculina

8. Controle da micção Micção = armazenagem + eliminação Bexiga + uretra (acumulo urina) ? relaxamento bexiga + contração do “esfincter” uretral ? eliminação da urina para o meio externo Controle voluntário da micção Envolve inervação simpáticas parassimpáticas somáticas

9. Exame físico específico RINS Palpação e inspeção bilateral Ambos são palpáveis? Tamanho, simetria e posição? Forma, contorno e consistência? Dor?

11. Exame físico específico URETERES Pequenos animais: radiografia contrastada ou US (megaureter) Grandes animais: palpação retal (megaureter) Urografia excretora (RX contrastado): injeção IV de contraste iodado + RX

13. Exame físico específico BEXIGA Pequenos animais: palpação em posição quadrupedal ou lateral (1 ou 2 mãos) OU Palpação retal ou vaginal + palpação externa (mão em forma de pinça) Equinos e bovinos: palpação retal ou vaginal

14. Exame físico específico BEXIGA Posição, tamanho, formato, consistência, cálculos ou massas palpáveis, espessura da parede, dor

15. Exame físico específico URETRA Somente por inspeção indireta RX contrastado O que examinar (machos) Meato urinário Secreção uretral ou prepucial Tamanho, forma e consistência das porções palpáveis Anormalidades periuretrais

16. Exame físico específico PRÓSTATA Palpação retal US RX O que examinar? Posição Tamanho Simetria Consistência Dor

18. Avaliação da micção Frequência Disúria (micção dolorosa, estrangúria, tenesmo vesical) Retenção Incontinência Sempre que possível deve ser avaliada pelo clínico através da inspeção (observar postura ao urinar)

19. Dicionário semiológico Polaquiúria Oligosúria Iscúria Incontinência urinária

20. Frequência da micção Avaliada pelo número de vezes que o animal urina em 24h Equinos e bovinos: 5 – 7 vezes Ovinos e caprinos: 1 – 4 vezes Cães: muito variável Cadelas: 2 – 4vezes Gatos: 2 – 4 vezes

21. Volume de urina Avaliação do volume urinário eliminado em 24h (poliúria, oligúria ou anúria) Equinos: 3 – 6L (máx. 10L) Bovinos: 6 – 12L (máx. 25L) Ovinos e caprinos: 0,5 – 2L Cães grandes: 0,5 – 2L Cães pequenos e gatos: 40 – 200mL Coelhos: 180 – 400mL

22. Alterações Macroscópicas da urina Escura Fétida Sangue Cálculos Muco Catarro Pus - considerar fase da micção -

23. Dicionário Semiológico Hematúria Hemoglobinúria Mioglobinúria

24. Exames complementares Urinálise Cateterização vesical Diagnóstico por imagem Provas de função renal Creatinina Uréia Proteína Potássio Fósforo Biopsia

25. Coleta de urina Micção espontânea Cateterismo vesical Cistocentese - desprezar jato inicial -

26. Cateterismo vesical em fêmeas

27. Cateterismo vesical em machos

  • Login