aparelho reprodutor feminino e masculino n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
APARELHO REPRODUTOR FEMININO E MASCULINO PowerPoint Presentation
Download Presentation
APARELHO REPRODUTOR FEMININO E MASCULINO

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 17

APARELHO REPRODUTOR FEMININO E MASCULINO - PowerPoint PPT Presentation


  • 494 Views
  • Uploaded on

APARELHO REPRODUTOR FEMININO E MASCULINO. Antonio José de Figueiredo - Dedé. Desenvolvimento das estruturas femininas e masculinas. Complementaridade funcional entre os Aparelhos Reprodutores de ambos os sexos. Ambos evidenciam a presença de:. Um par de gônadas;.

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'APARELHO REPRODUTOR FEMININO E MASCULINO' - zia-york


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
aparelho reprodutor feminino e masculino

APARELHO REPRODUTOR FEMININO E MASCULINO

Antonio José de Figueiredo - Dedé

slide3

Complementaridade funcional entre os Aparelhos Reprodutores de ambos os sexos

Ambos evidenciam a presença de:

Um par de gônadas;

Um par de canais que transportam as células sexuais;

Um aparelho reprodutor externo.

slide4

Morfofisiologia do aparelho reprodutor feminino

Trompa de falópio

Pavilhão da trompa

Cavidade uterina

Ovário

Útero

Ligamento do ovário

Vagina

Colo do útero

slide5

Morfofisiologia do aparelho reprodutor feminino

Perimétrio

Miométrio

Endométrio

Colo do útero

slide6

Morfofisiologia do aparelho reprodutor feminino

Pavilhão da trompa

Trompa de Falópio

Útero

Cavidade uterina

Colo do útero

Vagina

slide7

Morfofisiologia do aparelho reprodutor feminino

Clítoris

Monte de vénus

Oríficio urinário

Hímen

Grandes lábios

Pequenos lábios

slide8

Morfofisiologia do aparelho reprodutor masculino

Vesícula seminal

Canal deferente

Próstata

Glândula de Cowper

Epidídimo

Testículo

Pénis

Escroto

Glande

Uretra

slide9

Morfofisiologia do aparelho reprodutor masculino

Bexiga

Vesícula seminal

Próstata

Canal deferente

Uretra

Epidídimo

Testículo

Tubo seminífero

Prepúcio

Glande

slide10

Morfofisiologia do aparelho reprodutor masculino

Corpo cavernoso

Corpo esponjoso

Uretra

Prepúcio

Glande

slide11

Morfofisiologia do aparelho reprodutor masculino

Por que razão o escroto fica no exterior do abdômen?

gl ndulas acess rias e a composi o do s men

Secreções das vesículas seminais incluem frutose, enzima coagulante e prostaglandinas, dentre outras.

A frutose é o substrato energético para os sptz.

A enzima coagulante favorece que o sêmen se torne uma secreção agregada, o que ajuda sua propulsão pela vagina.

As prostaglandinas diminuem a viscosidade do muco cervical e estimulam a peristalse reversa do útero.

GLÂNDULAS ACESSÓRIAS E A COMPOSIÇÃO DO SÊMEN
  • O sêmen é composto aproximadamente por 10% de esperma e fluido testicular,
  • 30% de secreções da próstata e 60% de secreções das vesículas seminais.
secre es prost ticas
SECREÇÕES PROSTÁTICAS

Secreções da próstata:

incluem citrato, fibrinolisina, Cácio, Zinco, fosfatase ácida, dentre outros.

O citrato é fonte energética.

A fibrinolisina age como um anticoagulante do sêmen, o que ajuda na mobilidade do esperma.

pH alcalino (neutralização do pH ácido do líquido tub. seminíferos)

secre es bulbouretrais
SECREÇÕES BULBOURETRAIS

Secreções das glândulas bulbouretrais

secretam muco lubrificante que contém galactose, dentre outros.

São emitidas antes da ejaculação.

Tipicamente , 2-5 mL de sêmen são expelidos por ejaculação.

Cada mL de sêmen pode conter

50-130 milhões de espermatozóides

c lulas de sertoli e as c lulas espermatog nicas
Células de Sertoli e as células espermatogênicas

Em todos os estágios de diferenciação, as células espermatogênicas estão em íntimo contato com as células de Sertoli que provêem a estas:

-suporte estrutural (microtúbulos)

-suporte metabólico (fornecem lactato para spct 1º)

-regulação do meio interno dos túbulos

seminíferos (formam a barreira hemato-testicular,

fagocitose)

-secretam proteínas:

transportadoras de nutrientes (Fe, Cu e Vit. A)

ABP (ptn ligante de andrógenos), dentre outras.