interven o psicoterapeutica na doen a cr nica n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Intervenção Psicoterapeutica na Doença Crónica PowerPoint Presentation
Download Presentation
Intervenção Psicoterapeutica na Doença Crónica

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 23

Intervenção Psicoterapeutica na Doença Crónica - PowerPoint PPT Presentation


  • 112 Views
  • Uploaded on

Intervenção Psicoterapeutica na Doença Crónica. Luís Pires Fernando Casimiro Pedro Batista Rui Sá Sérgio Silva. Intervenção Psicoterapeutica na Doença Crónica. De acordo com a OMS as doenças crónicas são a principal causa de morte e incapacidade do mundo. A prevenção é possível…

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

Intervenção Psicoterapeutica na Doença Crónica


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
interven o psicoterapeutica na doen a cr nica
IntervençãoPsicoterapeuticanaDoençaCrónica

Luís Pires

Fernando Casimiro

Pedro Batista

Rui Sá

Sérgio Silva

interven o psicoterapeutica na doen a cr nica1
IntervençãoPsicoterapeuticanaDoençaCrónica

De acordo com a OMS as doenças crónicas são a principal causa de morte e incapacidade do mundo. A prevenção é possível…

…Mas quando já não é possível seguir o caminho da prevenção é necessário que o doente e todos os sistemas que o circundam se consigam adaptar às exigências da doença para que esta não se sobreponha às suas próprias vidas.

interven o psicoterapeutica na doen a cr nica2
IntervençãoPsicoterapeuticanaDoençaCrónica

Apresentação dos casos

O caso do Sr. “Manuel” e da Sra. “Denise”…

interven o psicoterapeutica na doen a cr nica3
IntervençãoPsicoterapeuticanaDoençaCrónica
  • O Sr. Manuel…
    • É um idoso de 76 anos que “nascido, baptizado, criado e casado em Coimbra”.
    • Vive com a mulher de 70 anos e a filha de 40 anos. Para além da filha tem mais três filhos que constituíram família mas que se encontram fora de Coimbra.
    • Reformado há cerca de 18 anos depois de “45 anos de trabalho árduo a construir peças de casa de banho”
interven o psicoterapeutica na doen a cr nica4
IntervençãoPsicoterapeuticanaDoençaCrónica
  • Quanto ao seu estado de saúde o Sr. Manuel apresenta várias doenças:
      • Hipertensão arterial moderada
      • Hipertrofia benigna da próstata (HBP)
      • Fibrilação auricular ou Fibrilação Atrial crónica
      • Silicose
      • Teve um Acidento Isquémico Transitório há dois anos.
  • Aponta como principal fonte dos seus problemas de saúde a sua longa actividade profissional
interven o psicoterapeutica na doen a cr nica5
IntervençãoPsicoterapeuticanaDoençaCrónica
  • Mostrou-se satisfeito com a sua vida conseguindo realizar as suas actividades diárias sem problemas.
  • Conhece o médico de família há 26 anos com quem tem uma excelente relação
  • A consulta a que assistimos tinha como principal objectivo a prescrição de mais doses de medicamentes e a avaliação do estado geral de saúde
interven o psicoterapeutica na doen a cr nica6
IntervençãoPsicoterapeuticanaDoençaCrónica
  • Tratamento…
      • Tratamento Farmacológico: Anti-hipertensivos, anti-coagulantes, anti-inflamatórios entre outros. – Polimedicação
      • Exercício físico – Caminhada
      • Dieta Alimentar pobre em sal e lípidos
interven o psicoterapeutica na doen a cr nica7
IntervençãoPsicoterapeuticanaDoençaCrónica
  • Rede Social vasta constituída essencialmente por antigos colegas de trabalho reformados
  • Rotina diária:
      • Cuidar do Quintal
      • Jogar cartas com os amigos
      • Ver televisão
  • Não sente diferenças no tratamento por parte dos que o rodeiam em relação ao tempo em que era mais saudável.

Percepciona cuidados por parte da mulher e da filha em não o contrariar

interven o psicoterapeutica na doen a cr nica8
IntervençãoPsicoterapeuticanaDoençaCrónica
  • O Sr. Manuel não gosta de ir ao Hospital fazendo tudo para o evitar.
  • Quando se dirige aos serviços de saúde vai “felizmente” sozinho
  • Como principal medo em relação ao seu estado de saúde aponta a perda de mobilidade com o passar dos anos…
  • Recentemente a sua mulher foi operada aos pulmões
interven o psicoterapeutica na doen a cr nica9
IntervençãoPsicoterapeuticanaDoençaCrónica
  • Plano de Intervenção
  • Sessão 1 – Entrevista para complementar informação do guião e elaboração de um mapa de rede e ecomapa.
  • Sessão 2 – Participação do médico de família
  • Distinguir entre problemas da idade e da doença
  • Estigma da idade e da doença
  • Emoções e cognições sobre as doenças e sobre o papel dos familiares
  • Analisar as relações familiares
interven o psicoterapeutica na doen a cr nica10
IntervençãoPsicoterapeuticanaDoençaCrónica
  • Plano de Intervenção
  • Sessão 3 – Comportamentos adaptativos e não adaptativos na interacção familiar
  • A vida além da família
  • Introdução à temática do burnout
  • Tarefas:
  • “se me o meu cuidador principal não existisse quais seriam as alternativas?” (internas e externas à família)
  • “pedir aos filhos que compareçam à próxima sessão”
interven o psicoterapeutica na doen a cr nica11
IntervençãoPsicoterapeuticanaDoençaCrónica
  • Plano de Intervenção
  • Sessão 4 – Primeira parte: sessão com a filha, falar da sua vida pessoal além da família, prevenção do burnout e codependência.Refém patológico
  • - Segunda parte: Realizada com os 4 filhos – diálogos entre os irmãos; comunicação das dificuldades; partilha de emoções e cognições; tentar estabelecer uma rede de apoio entre irmãos.
  • - Terceira parte: Realizada com pais e filhos – diálogo entre filhos e pais; flexibilizar a abertura da família a elementos exteriores; promover a independência da filha/irmã; operacionalização da tarefa da sessão 3.
interven o psicoterapeutica na doen a cr nica12
IntervençãoPsicoterapeuticanaDoençaCrónica
  • Plano de Intervenção
  • Sessão 5 – (com um mês de intervalo)
  • Verificar a reestruturação familiar (emoções, relações e papeis), tarefas instrumentais, opinião sobre a terapia
  • Conclusões e manutenção de contactos
interven o psicoterapeutica na doen a cr nica13
IntervençãoPsicoterapeuticanaDoençaCrónica
  • A Sra. Denise…
    • Brasileira de 37 anos, divorciada, com um filho
    • Vive em Portugal há 7 anos, reside em Coimbra com o filho
    • Diabetes tipo II, Depressão Major, em tratamento farmacológico, filho com possível DHDA
    • Dificuldade em manter o emprego, ex-marido toxicodependente, sofre de esquizofrenia
    • Apoio por parte da irmã
interven o psicoterapeutica na doen a cr nica14
IntervençãoPsicoterapeuticanaDoençaCrónica
  • Quanto ao seu estado de saúde a Sra.Denise sofre:
      • Diabetes tipo II, medicada
      • Depressão Major, em tratamento farmacológico

Aponta como problemas a perda de memória, fruto da medicação ansiolítica, e a dificuldade de manter um regime alimentar estruturado

interven o psicoterapeutica na doen a cr nica15
IntervençãoPsicoterapeuticanaDoençaCrónica
  • Mostrou sinais de esgotamento, em virtude do horário de trabalho extenso(segunda a sábado, 8h dia) e do stress diário
  • Dificuldades de assertividade com o filho
  • Boa relação com a médica de família
  • A consulta a que assistimos tinha como principal objectivo a prescrição de mais doses de medicamentes e a avaliação do estado geral de saúde
interven o psicoterapeutica na doen a cr nica16
IntervençãoPsicoterapeuticanaDoençaCrónica

Plano de Intervenção

Participação num Grupo de auto-ajuda para a depressão visando a partilha de experiências e o aumento da rede social. É um grupo aberto realizando-se encontros semanais, com duração de 1h a 1h:30 com o objectivo de estabelecer novas relações e fomentar uma rede de apoio, partilha de informação e experiências sobre a depressão; a decorrer em paralelo com a terapia individual.

interven o psicoterapeutica na doen a cr nica17
IntervençãoPsicoterapeuticanaDoençaCrónica
  • Plano de Intervenção
  • Psicoterapia para o tratamento da depressão, promoção da auto-estima e das suas competências relacionais com sessões de 15 em 15 dias.
  • Sessão 1 – Entrevista para complementar informação do guião e elaboração de um mapa de rede e ecomapa.
  • Esclarecimentos sobre a diabete tipo II com a médica de família
  • Contacto com o psicólogo da instituição de apoio a menores, e com o psiquiatra que acompanha Denise.
interven o psicoterapeutica na doen a cr nica18
IntervençãoPsicoterapeuticanaDoençaCrónica
  • Plano de Intervenção
  • Sessão 2 – Sessão de esclarecimento acerca da depressão em conjunto com a médica de família: ultrapassar a depressão (educação para o uso dos medicamentos e psicoterapia, comportamentos adaptativos e não adaptativos na depressão).
  • Construção de uma narrativa acerca da vida ideal da Sra. “Denise” realçando os pontos positivos da sua vida.
  • Treino e reconhecimento de competências.
interven o psicoterapeutica na doen a cr nica19
IntervençãoPsicoterapeuticanaDoençaCrónica
  • Plano de Intervenção
  • Sessão 3 – Depressão – Psicoterapia individual
  • Relação com o filho (entrevista não estruturada) – dificuldades, sentimentos e objectivos.
  • Comportamentos adaptativos, assertividade e limites.
  • Sessão de relaxamento.
  • Abordar a adaptação ao grupo de auto-ajuda.
  • Tarefa: trazer o filho e a irmã na próxima sessão
interven o psicoterapeutica na doen a cr nica20
IntervençãoPsicoterapeuticanaDoençaCrónica
  • Plano de Intervenção
  • Sessão 4:
  • 1º parte: Depressão Psicoterapia individual.
  • 2º parte: Presença do filho. Avaliação da interacção deste com a mãe, para a compreensão de estilo de vinculativo existente e o tipo de comportamentos não adaptativos presentes e que possam contribuir para o quadro de hiperactividade do filho.
  • 3ª parte: Presença do filho e da irmã. Discussão das relações entre estes e com o resto da família. Promoção das capacidades interpessoais de todos os membros envolvidos.
interven o psicoterapeutica na doen a cr nica21
IntervençãoPsicoterapeuticanaDoençaCrónica
  • Plano de Intervenção
  • Sessão 5: Feedback acerca dos progressos conseguidos através das sessões e do grupo de auto-ajuda.
  • Reavaliação da rede social percepcionada. Sessão de relaxamento com “Denise” e o seu filho.
  • Discussão sobre a continuação da psicoterapia, e possível psicoterapia individual com a criança.
  • Manutenção do contacto.
bibliografia
Bibliografia

Simões, A. (2002). Um novo olhar sobre os idosos. Revista Portuguesa Pedagogia, 36 (1,2,3), 559-569

Relvas, Ana Paula; Mendes, Álvaro; Sousa, Liliana (2007), Enfrentar a Velhice e a Doença Crónica. Apoio das Unidades de saúde e Doentes Crónicos Idosos e suas Famílias, Lisboa,Climepsi Editores.

Rolland, J. (1994), Families, Illness and Disability: An Integrative Teatment Model, Nova Iorque, Basic Books.

McDaniel, S.; Hepworth, J.; Doherty, W. (1992), Medical Family Therapy: A Biopsychossocial Aproachto Families with Health Problems, Nova Iorque, Basic Books