Políticas para Desenvolvimento da Educação Infantil - PowerPoint PPT Presentation

pol ticas para desenvolvimento da educa o infantil n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Políticas para Desenvolvimento da Educação Infantil PowerPoint Presentation
Download Presentation
Políticas para Desenvolvimento da Educação Infantil

play fullscreen
1 / 15
Políticas para Desenvolvimento da Educação Infantil
185 Views
Download Presentation
xiomara-lamorena
Download Presentation

Políticas para Desenvolvimento da Educação Infantil

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

  1. Políticas para Desenvolvimento da Educação Infantil 13 de março de 2006 Maria Madalena R. dos Santos Banco Mundial

  2. Tópicos • Perspectiva internacional para as políticas de ECD ( Desenvolvimento da Educação Infantil) • Educação infantil e desenvolvimento ecônomico • A Educação Infantil no Brasil: O que podemos fazer no futuro?

  3. Importância do Investimento no Desenvolvimento da Educação Infantil “Dentre os investimentos que uma nação pode fazer, poucos são melhores do que o investimento feito em seus mais jovens cidadãos e em apoio à educação infantil.” Committee for Economic Development,U.S.

  4. Características do Sistema Francês de Educação Infantil • Educação Pré-escolar voluntária e gratuita • Mais para os mais pobres • Áreas prioritárias de Educação (ZEP) • Ênfase nas crianças mais jovens • Integração para todas as crianças • Padrões de qualidade e “accountability” • Professores altamente treinados e bem pagos • Recursos financeiros assegurados e infra-estrutura

  5. Centro de Pais-Crianças Pré-escola/Jardim Infantil Escola Primária Séries de 1ª a 3ª Diretor Diretor Professor de apoio aos Pais no Desenvolvimento do Currículo Serviços de Outreach Programa de Pais Programa Curricular Componente para os Pais Componente Curricular Outros Serviços da Escola De 3 a 9 de idade Programa Pais –Crianças de Chicago (CPC)

  6. Resultados do CPC na saída da Escola

  7. Instituições Nacionais muito fortes Setor Formal Gravidez Creches Programas de Pré-escola Programas para Pais (0 anos) (0 – 5 anos) (5 – 6 anos) Capacidade Local Setor Não-Formal ProgramasdeE.I em Cuba

  8. O Banco Mundial e o financiamento da Educação Infantil

  9. Empréstimos Cumulativos para Educação Infantil: Mais de $1,6 bilhão de dólares nos últimos 15 anos

  10. Por Região- 1990-2005 (em US$ milhões)

  11. Olhando para o futuro • Necessidade de estabelecimento de políticas estruturantes para a EI (FUNDEB? ) • aumento das matrículas e da eficiência • aumento do acesso das crianças pobres a creches e à pre-escola • pré-escola combinada com outros serviços de Educação Infantil (exemplos : Programa Criança Maravilhosa da cidade do Rio de Janeiro, Fundo do Milênio) 2.Aprender com as experiências passadas 3. Continuar a monitorar e avaliar as experiências em desenvolvimento

  12. Educação Infantil no Brasil - avanços • Desde 1980, creches e pré-escola têm sido gradativamente integradas nos serviços de educação básica; • Os serviços públicos vêm, cada vez mais, ofertando gratuitamente educação infantil de 0 a 6 anos; • Lei de 1996 oferece recursos em forma de doações para munícipios que têm programas de EI, e isto representa 90% dos gastos públicos em EI. • Combinada com outras legislações em saúde ( SUS 1990) e programas sociais (LOAS, 1993) estas leis estabelecem ligações entre vários serviços para as crianças de 0 a 6 anos, incluindo saúde, educação e assistência às famílias

  13. Educação Infantil no Brasil – desafios • Somente 2% dos recursos na área social (8% das despesas totais em educação) são destinados à educação infantil • Enquanto 2/3 das crianças de 4-6 anos estão matriculadas em algum programa de EI, menos de 12% de crianças de 0-3 estão sendo atendidas. • As matrículas de EI declinaram em 2 milhões de crianças entre 1996-2002 • Em sua grande maioria, os serviços de educação infantil oferecidos, principalmente para os mais pobres, têm baixa qualidade e não atendem a criança de forma “holística”.

  14. Investir em Educação Infantil para todas as crianças no BrasilE’ imperativo para:(a) o desenvolvimento social e econômico do país; e (b) aumentar a equidade social ;

  15. Obrigada.