a influencia das id ias iluministas no brasil n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
A INFLUENCIA DAS IDÉIAS ILUMINISTAS NO BRASIL PowerPoint Presentation
Download Presentation
A INFLUENCIA DAS IDÉIAS ILUMINISTAS NO BRASIL

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 11

A INFLUENCIA DAS IDÉIAS ILUMINISTAS NO BRASIL - PowerPoint PPT Presentation


  • 562 Views
  • Uploaded on

A INFLUENCIA DAS IDÉIAS ILUMINISTAS NO BRASIL.

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'A INFLUENCIA DAS IDÉIAS ILUMINISTAS NO BRASIL' - sharvani


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
a influencia das id ias iluministas no brasil

A INFLUENCIA DAS IDÉIAS ILUMINISTAS NO BRASIL

1763 -> A capital do Brasil muda de Salvador para o Rio de Janeiro, com a descoberta de ouro nas Minas Gerais (isto porque o porto mais próximo da região mineradora era o Rio de Janeiro). Porém, ainda vigorava sobre o Brasil o PACTO COLONIAL, que obrigava a colônia, comercializar exclusivamente com a metrópole.

A sociedade colonial era estimada em 2 milhões de pessoas por volta de 1800, com maior concentração em Pernambuco (19,7%).

No Brasil, 65% da população era de africanos e seus descendentes. Os brancos somavam 28% da população. O restante eram indígenas e mestiços.

slide3
Entre 1750 e 1777, o reino português esteve sob o controle administrativo do Marquês de Pombal e coincidiu com o esgotamento das minas de ouro na Colônia. Os moradores da região aurífera passaram a não aceitarem os abusos da Metrópole. O descontentamento era geral.

Os comerciantes queriam o fim das restrições econômicas; a população humilde queria o fim dos privilégios dos portugueses que aqui moravam; os escravos lutavam pela sua liberdade.

Em 1789, estourou em Minas Gerais a Inconfidência Mineira, um movimento das elites contra a cobrança dos altos impostos na atividade mineradora.

Em 1798, estourou na Bahia a Conjuração Baiana, um movimento popular que lutava contra o a escravidão, defendia o livre comércio e melhores condições de vida, além da proclamação da República Baiense. O movimento foi liderado por alfaiates, por isso também é conhecido como a Conjuração dos Alfaiates.

slide4
Bandeira da Inconfidência

Mineira

Bandeira da conjuração baiana

slide5
Estudamos que o Iluminismo combatia o Absolutismo Monárquico e o poder da Igreja.
  • Por intermédio dos filhos da elite colonial brasileira que eram obrigados a ir estudar na Europa, já que aqui não tínhamos Universidades, lá os ideais iluministas os alcançaram e, quando retornavam ao Brasil, traziam consigo essas idéias.
  • Em 1788, o Secretário Colonial Martinho de Melo e Castro determinou ao governador de Minas, o Visconde de Barbacena a decretação da derrama (cobrança dos impostos atrasados feita a cada contribuinte de Minas Gerais).
  • A partir de então iniciou-se a conspiração contra Portugal, com a participação de intelectuais, profissionais liberais, religiosos, soldados e cobradores de impostos endividados com o governo.
slide7
“A aspiração maior do grupo era instalar uma república nas Minas, onde a liberdade comercial deveria vigorar plenamente e todas as dívidas seriam esquecidas”. Era a adoção parcial da ideologia Iluminista, pois o fim da escravidão seria concedida apenas aos nascidos no Brasil.
  • Após a delação do movimento por Joaquim Silvério dos Reis, em troca da anistia (perdão) de sua dívida para com a Coroa, todos os outros Inconfidentes foram presos e levados para a Capital da Colônia, sendo condenados a morte na forca.
  • Porém, como se tratava de membros da elite colonial, a Rainha Dª Maria I, substituiu a pena pelo degredo (exílio), mantendo a pena da forca apenas para o Alferes Joaquim José da Silva Xavier (Tiradentes).
slide9
No caso da Conjuração Baiana, o movimento também sofreu delação por parte dos membros da elite, que até então faziam parte do movimento, mas que, temerosos pela intenção de se abolir a escravidão, trataram de por fim a trama de se proclamar a República Baiense.
  • Como se tratava de um movimento, agora sob a liderança de pessoas humildes da colônia, o tratamento dado pela Metrópole aos envolvidos foi o mais exemplar possível. Seis deles foram presos. Desses, um teve sua pena abrandada. Outro conseguiu fugir.

Os outros quatro morreram enforcados.

slide11
Enquanto na Europa, já no final do século XVIII, os movimentos contra o Absolutismo Monárquico alcançavam seus objetivos, no Brasil preparávamos o caminho que nos conduziria a Independência política ainda no primeiro quadrante do século XIX.
  • Além da fundamentação filosófica iluminista, a ascensão de Napoleão Bonaparte na França desarticulou as monarquias tradicionais européias da época.
  • Portugal também sofreria o reflexo dessa ascensão bonapartista.

A vinda da Corte portuguesa para o Brasil precipitou os acontecimentos que provocaram o rompimento do Brasil com Portugal.

E a Colônia vai se tornar Império.