PROGRAMA DE FORMAÇÃO INICIAL II FASE – SUBSÍDIO PFI 20 - PowerPoint PPT Presentation

satya
slide1 n.
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
PROGRAMA DE FORMAÇÃO INICIAL II FASE – SUBSÍDIO PFI 20 PowerPoint Presentation
Download Presentation
PROGRAMA DE FORMAÇÃO INICIAL II FASE – SUBSÍDIO PFI 20

play fullscreen
1 / 58
Download Presentation
PROGRAMA DE FORMAÇÃO INICIAL II FASE – SUBSÍDIO PFI 20
135 Views
Download Presentation

PROGRAMA DE FORMAÇÃO INICIAL II FASE – SUBSÍDIO PFI 20

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

  1. PROGRAMA DE FORMAÇÃO INICIAL II FASE – SUBSÍDIO PFI 20 Crisma Batismo Eucaristia Os Sacramentos da Iniciação

  2. O QUE ENTENDEMOS POR SACRAMENTOS?

  3. Os sete Sacramentos são sinais sensíveis e eficazes que Deus nos dá. Celebrá-los e mantermo-nos fiéis aos seus ensinamentos é garantia de vida feliz e eterna.

  4. Cristo se nos apresenta como o Caminho que nos leva ao Pai. Pois bem, os Sacramentos são como placas sinalizadoras deste suave e seguro Caminho.

  5. MATRIMÔNIO UNÇÃO DOS ENFERMOS ORDEM EUCARISTIA CONFISSÃO CRISMA BATISMO

  6. Os sete Sacramentos atingem todas as etapas e todos os momentos importantes da vida do cristão: dão à vida da fé origem e crescimento, cura e missão. Nisto existe uma certa semelhança entre as etapas da vida natural e as da vida espiritual (CIC 1210).

  7. Sacramentos daMissão: SacramentosdeIniciação: Batismo Ordem Eucaristia Crisma Matrimônio Unção dos Doentes SacramentosdeCura: Confissão

  8. 1. OS SACRAMENTOS DA INICIAÇÃO CRISTÃ

  9. Pelos sacramentos da iniciação cristã: Batismo são colocados os fundamentos de toda a vida cristã. Crisma Eucaristia

  10. Os fieis, de fato, renascidos no Batismo, são fortalecidos pelo Sacramento do Crisma ou Confirmação e, depois, no Sacramento da Eucaristia, nutridos com o alimento da vida eterna.

  11. Assim, por efeito destes Sacramentos da Iniciação Cristã, estão em condições de saborear cada vez mais os tesouros da vida divina e de progredir até alcançar a perfeição da caridade“ (CIC 1212; DCN 1-2).

  12. 3-1 – O SACRAMENTO DO BATISMO

  13. O santo Batismo é o fundamento de toda a vida cristã, o protótipo da vida no Espírito e a porta que abre o acesso aos demais Sacramentos.

  14. Pelo Batismo somos libertados do pecado e regenerados como filhos de Deus, tornamo-nos membros de Cristo, somos incorporados à Igreja e feitos participantes de sua missão.

  15. "O Batismo é o Sacramento de regeneração pela água na Palavra" (CIC 1213; Catecismo Romano 2,2,5). O Batismo é a Fonte de todas as Vocações.

  16. O adulto que pede o Batismo deve passar por uma séria preparação visando preparar o batizando a assumir atitudes e comportamentos cristãos.

  17. O batizado do adulto deve acompanhar o Sacramento da Eucaristia e também o do Crisma, completando assim a iniciação cristã.

  18. Para o Batismo de crianças, a preparação se faz para os pais e padrinhos, uma vez que são eles que pedem o Batismo para os seus filhos e afilhados.

  19. A preparação é feita através de vários encontros visando acender, reanimar e intensificar a chama da fé.

  20. O pedido de Batismo é feito, normalmente, na secretaria paroquial, onde serão dadas as orientações para os os passos seguintes.

  21. Não devemos esquecer os documentos necessários: certidão de nascimento do batizando, certidão de casamento dos pais e dados religiosos dos padrinhos.

  22. O Batismo de criança é feito, normalmente, após a Missa. Já o Batismo de adulto é, geralmente, feito durante a celebração da Missa ou conforme combinado.

  23. Penso que o ideal, seria batizar as crianças em uma Celebração à parte. Mesmo porque o Batismo, por si só, já é uma Celebraçãocompleta. Há muita riqueza que deve ser absorvida pelos pais, padrinhos e convidados. E as crianças ficariam menos estressadas.

  24. 3-2 – O SACRAMENTO DO CRISMA OU DA CONFIRMAÇÃO

  25. "Pelo sacramento do Crisma os fieis são vinculados mais perfeitamente à Igreja, • enriquecidos de forças especiais do Espírito Santo, • e, assim, mais estritamente, obrigados à fé que, como verdadeiras testemunhas de Cristo, devem testemunhá-Lo tanto por palavras como por obras. • "(CIC 1285; LG 11).

  26. Todo o batizado, ainda não confirmado, pode e deve receber o Sacramento da Confirmação (CIC 1306).

  27. A preparação para o Crisma deve visar a conduzir o cristão a uma união mais íntima com Cristo, a uma familiaridade mais intensa com o Espírito Santo, a sua ação, seus dons e seus chamados, a fim de poder assumir melhor as responsabilidades apostólicas da vida cristã. (CIC 1309).

  28. A preparação é normalmente feita após um período de perseverança (dois ou três anos). O Bispo é o Ministro da Confirmação.

  29. 3-3 – O SACRAMENTO DA EUCARISTIA

  30. A Eucaristia é um dos três amores de Dom Bosco. • Os outros dois são: Nossa Senhora e o Papa. • Só podia ser santo!

  31. “Esse é o pão que desceu do céu, para que não morra quem dele comer. Jo 06, 50

  32. Eu sou o pão vivo, descido do céu. Quem comer deste pão viverá eternamente. Jo 6, 51

  33. E o pão que hei de dar é a minha carne para a salvação do mundo”. Jo 6, 51c

  34. “Quem come a minha carne e bebe o meu sangue tem a vida eterna; e eu o ressuscitarei no último dia. Jo 6, 54

  35. Porque a minha carne, verdadeiramente, é comida, e o meu sangue, verdadeiramente, é bebida.Jo 6, 55

  36. Tomai e comei! Tomai e bebei!

  37. Quem come a minha carne e bebe o meu sangue permanece em mim e eu nele. • Jo 6, 56

  38. Assim como o Pai, que vive, me enviou, e eu vivo pelo Pai, assim, quem de mim se alimenta, também viverá por mim”.    (João 6, 57)

  39. A Santa Eucaristia conclui a iniciação cristã.

  40. Para participar da Eucaristia devemos: estar consciente do que estamos para fazer, estar em jejum ao menos a uma hora, estar sem pecados graves.

  41. A Eucaristia deve ser considerada como ação de graças e de louvor ao Pai, como memorial sacrifical de Cristo e do seu Corpo e como presença de Cristo pelo poder de sua Palavra e do seu Espírito. • (CIC 1358).

  42. A Igreja recomenda vivamente que os fieis recebam a Santa Comunhão toda a vez que participam da celebração da Eucaristia; e, impõe-lhes a obrigação de comungar pelo menos uma vez por ano. (CIC 1417).

  43. A visita ao Santíssimo Sacramento é uma prova de gratidão, um sinal de amor e um dever de adoração para com Cristo, nosso Senhor ( CIC 1418 ).

  44. As crianças se preparam para a Eucaristia durante três anos. Os adultos também devem fazer esta preparação, mas de maneira mais empenhativa, procurando adotar atitudes e comportamentos que demonstrem seriedade para com a Eucaristia que estão para receber.

  45. Na presença de Jesus nossa postura deve ser sempre de adoração

  46. Desde a Procissão de Entrada Ele já está presente e deve ser honrado com o nosso silêncio, atenção e respeito.

  47. SITUAÇÕES ESPECIAIS

  48. 1. o casal casado somente no civil não pode comungar " O casamento diante de Deus só é válido quando o casal recebe o Sacramento do Matrimônio; em caso contrário estará vivendo sem observar a lei de Cristo, e assim, não é lógico que entre em Comunhão com o Corpo de Cristo quem não está em comunhão com a sua lei. Papa João Paulo II Exortação Apostólica "Familiaris Consortio

  49. 2. O novo casamento de divorciados, ainda em vida do legítimo cônjuge, contraria o desígnio de Deus, que Cristo nos ensinou. Eles não estão separados da Igreja, mas não têm acesso à Comunhão Eucarística. Levarão vida cristã principalmente educando seus filhos na fé. ( CIC 1665).