slide1 n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Seis Sigma: Fatores Críticos de Sucesso para sua Implantação Grupo: Renata Belinski PowerPoint Presentation
Download Presentation
Seis Sigma: Fatores Críticos de Sucesso para sua Implantação Grupo: Renata Belinski

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 24

Seis Sigma: Fatores Críticos de Sucesso para sua Implantação Grupo: Renata Belinski - PowerPoint PPT Presentation


  • 81 Views
  • Uploaded on

Seis Sigma: Fatores Críticos de Sucesso para sua Implantação Grupo: Renata Belinski Kalleb David Costa Silva Vanessa Oliveira dos Santos Schimieguel. SEIS SIGMA.

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'Seis Sigma: Fatores Críticos de Sucesso para sua Implantação Grupo: Renata Belinski' - samuru


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
slide1

Seis Sigma: Fatores Críticos de Sucesso para sua Implantação

Grupo: Renata Belinski

Kalleb David Costa Silva

Vanessa Oliveira dos Santos Schimieguel

seis sigma

SEIS SIGMA

O “SEIS SIGMA” foi criado e implementado pelo engenheiro Bill Smith na Motorola na década de 80, na época a fabricante de rádios perdia mercado em função do alto número de defeitos em seus produtos e concorrência de produtos de melhor qualidade e menor preço

O programa baseado em conceitos de Deming sobre a variabilidade foi inicialmente aplicado aos processos industriais e posteriormente em outras àreas

objetivo

Melhorar o desempenho dos processos através do gerenciamento das suas variações com o objetivo de reduzir a ocorrência de defeitos para a ordem de 3,4 partes por milhão, ou seja 0,00034%

Escala Seis Sigma

OBJETIVO

conceito

CONCEITO

É um sistema amplo e flexível para alcance, sustentação e maximização do sucesso do negócio, sendo unicamente orientado pelo bom entendimento dos requisitos dos clientes, pelo uso disciplinado de fatos, dados e análises estatísticas, e pela atenção diligente ao gerenciamento, melhoria e reinvenção dos processos de negócios. Pande (2000)

Segundo Werkema (2002), seis sigma não envolve essencialmente nada de novo: as ferramentas estatísticas utilizadas já são conhecidas e fazem parte do arsenal da qualidade para eliminação dos defeitos. A abordagem dos Seis Sigmas e sua forma de implementação que justificam seu sucesso.

vis o geral

VISÃO GERAL

Sigma, representa o desvio-padrão, a variabilidade intrínseca de um processo

Se o valor do desvio-padrão de um processo é alto, há pouca uniformidade no processo, com muita variação entre os resultados gerados, ou seja, muitos defeitos

Ao contrário, quanto menor for o desvio-padrão, melhor será a estabilidade do processo, quanto mais contida estiver essa variação em relação a sua especificação, menor a possibilidade de erros ou falhas, ou seja, menos defeitos

caracter sticas

Ênfase no controle da qualidade

  • Análise e solução de problemas
  • Uso sistemático de ferramentas estatísticas
  • Utilização do PDCA (plan-do-check-action)

- Forte ênfase na abordagem orientada ao processo

- Implementação com base em objetivos

- Alto para médio custo

- Alta duração

CARACTERÍSTICAS

benef cios

Redução dos custos organizacionais

  • Aumento significativo da qualidade de produtos e serviços
  • Acréscimo e retenção de clientes
  • Eliminação de atividades que não agregam valor
  • Mudança cultura organizacional

BENEFÍCIOS

fatores de sucesso

Envolvimento e comprometimento da alta administração

  • Habilidades de gerenciamento de projeto
  • Priorização e seleção de projeto
  • Comunicação/divulgação e revisão da documentação
  • Foco no cliente – exigências e especificações
  • Treinamento e preparação dos recursos humanos
  • Infraestrutura

FATORES DE SUCESSO

metodologia de investiga o fatores cr ticos para implementa o
METODOLOGIA DE INVESTIGAÇÃO FATORES CRÍTICOS PARA IMPLEMENTAÇÃO
  • 1º Estágio: exploratório – Identificação, a partir de literatura disponível e entrevistas com profissionais do Seis Sigma
  • 2º Estágio: quantitativo descritivo – Teste das hipóteses criadas no primeiro estágio
  • Amostra: Não probabilística, intencional por julgamento
  • Composição de Equipe: Profissionais Master Black Belts, Black belts, Green Belts e Campeões
  • Local: 50 empresas brasileiras sabiamente envolvidas nos processos de implantação dos Seis Sigmas
  • Com base nas discussões, foram geradas proposições e hipóteses relativas a oito fatores críticos de sucesso para implantação do Seis Sigmas, são elas:
fator 1 lideran a
Fator 1 - LIDERANÇA

Identificou-se os seguintes aspectos:

  • Entusiasmo e persistência do principal executivo da empresa
  • Compromisso da alta administração com a melhoria contínua
  • Reuniões periódicas para acompanhamento dos projetos e a capacidade da gerenciar de alocar os recursos a esses projetos
  • Estímulo e suporte ao aprendizado dos funcionários
  • Clareza nas definições das políticas e expectativas de desempenho
  • Caráter empreendedor na responsabilidade pelo programa
  • O conhecimento do principal executivo na gestão dos negócios
fator 1 projetos
Fator 1 - PROJETOS

Três aspectos mostraram-se prioritários:

  • Os projetos devem ser selecionados de acordo com a estratégia da empresa
  • Suas metas devem ser claras e de conhecimento de toda a equipe
  • É importante que os projetos tenham cronogramas definidos e que sejam submetidos a revisões periódicas com a participação da alta administração

A vinculação dos projetos com a estratégia empresarial é considerado essencial para o aumento da eficiência e competitividade das empresas

fator 3 treinamento
Fator 3 - TREINAMENTO

Devem estar focados em:

  • Ferramentas Analíticas
  • Conceitos e Ferramentas da Qualidade
  • Liderança para os Black Beltse Campeões
  • Soluções de Problemas
  • Trabalho em Equipe
  • Ferramentas estatísticas (incluindo o uso de software)
  • Gerenciamento de projetos
fator 4 comunica o e revis o
Fator 4 - COMUNICAÇÃO E REVISÃO

Envolve principalmente:

  • Creditar o sucesso de um projeto sempre à equipe e não a um participante específico
  • Reconhecer a equipe de um projeto bem sucedido
  • Comunicação periódica e em tempo real da evolução dos projetos para toda a organização
  • Comunicação dos resultados de cada projeto, mesmo em caso de fracasso
  • Premiação com remuneração dos participantes de um projeto bem sucedido
fator 5 processo gerencial
Fator 5 - PROCESSO GERENCIAL
  • Coaching para acompanhamento dos projetos
  • Facilitação dos relacionamentos inter –funcionais
  • Medição dos ganhos em termos financeiros
  • Infra-estrutura dedicada ao Seis Sigma
  • Uso do seis Sigma como principal ferramenta para implantação da estratégia empresarial
  • Existência de cultura prévia na empresa para definição de indicadores e de métricas
  • Seleção qualificada dos profissionais do Seis Sigmas

(GB, BB, MBB e Campeões)

fator 6 perfil dos black belts
Fator 6 - PERFIL DOS BLACK BELTS
  • Capacidade de estimular a dedicação e o trabalho em equipe
  • Experiência prévia em liderança e gestão de equipes multidisciplinares, gestão de projetos e gestão de conflitos
  • Habilidades para comunicar as várias facetas de um problema
  • Regime de dedicação em tempo integral
  • Visão empresarial do negócio da empresa
  • Habilidade para fazer apresentações
fator 7 equipes de projetos
Fator 7 - EQUIPES DE PROJETOS
  • Pluralismo de visões na abordagem dos projetos
  • Composição de equipe multifuncional com visões varadas do problema e a presença de membros com capacidade para analisar dados
  • Habilidade de membros das equipes para pensamentos estatísticos para ajuda nas tomadas de decisões
  • Existência de backups nas equipes para o caso de sobrecarga de seus integrantes
fator 8 iniciativas pr vias
Fator 8 - INICIATIVAS PRÉVIAS

Iniciativas prévias de qualidade tem efeito positivo para empresas que pretendem implantar o programa Seis Sigma, como exemplo:

  • ISO 9001;
  • TQM;
  • Zero Defeito;
  • Etc.
rela es espec ficas e vari veis de interesse
RELAÇÕES ESPECÍFICAS E VARIÁVEIS DE INTERESSE
  • A percepção de sucesso da implantação não depende do tamanho da empresa, numero de funcionários ou de sua nacionalidade
  • O nível de comunicação entre os BB, Campeões e membros das equipes não teve efeito no sucesso percebido, salientando que há aparente contradição com o fato de que o nível de comunicação foi medido em números de reuniões mensais e apenas durante a execução dos projetos
  • Empresas com maior tempo de implantação tem maior média de percepção de sucesso
  • A média do sucesso obtido envolve o treinamento contínuo dos membros da equipe, não limitando-se ao seis sigmas, mas também conceitos da qualidade, uso de ferramentas, custos, outros.
slide23

RELAÇÕES ESPECÍFICAS E VARIÁVEIS DE INTERESSE

  • O tempo de implantação do programa não afeta a economia gerada por um projeto Seis Sigma. Segundo estudos, os ganhos iniciais parecem mais relacionados à facilidade de execução dos projetos do que propriamente ao potencial valor de economia que eles podem gerar, ou seja, os ganhos obtidos nos anos iniciais foram os mais baixos da amostra desta pesquisa
  • E para finalizar, não foi evidenciado que os BB de tempo integral tenham maiores taxas de conclusão de projetos do que os BB de tempo parcial, apenas na duração dos projetos