Dimensões Euclidianas - PowerPoint PPT Presentation

dimens es euclidianas n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Dimensões Euclidianas PowerPoint Presentation
Download Presentation
Dimensões Euclidianas

play fullscreen
1 / 13
Dimensões Euclidianas
75 Views
Download Presentation
ronat
Download Presentation

Dimensões Euclidianas

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

  1. Dimensões Euclidianas FEP 113 – Exp. 2 A Instituto de Física da Universidade de São Paulo

  2. Relembrando • Incerteza Instrumental • Não muda • Incerteza Estatística • Tem raiz na dispersão dos dados de N medidas Incerteza Final

  3. Relembrando

  4. Será cobrado em prova e relatórios Incerteza final Como proceder??? • Descobrir qual a incerteza do instrumento(nesse primeiro momento será via de regra ½ da menor divisão) • Para um conjunto de dados N>1: • Calcular média • Calcular desvio padrão • Calcular Desvio padrão da média • Somar as duas fontes de incerteza

  5. Será cobrado em prova e relatórios Algarismos significativos Como proceder??? • Calcular a Média e a incerteza FINALambas com muitas casas decimais(0,55602668±0,00269988)mm • Olhar para a Incerteza da esquerda para direita e achar o primeiro alg. diferente de zero. (primeiro alg. significativo) • Pegar os Dois primeiros alg. significativos e analisar possíveis arredondamentos (0,55602668±0,00269988)mm • Arredondar se necessário e “jogar fora” alg. de menor importância (Truncar) (0,55602668±0,0027)mm • Acertar o número de casas e realizar arredondamentos na média (0,55602668±0,0027)mm • Reescrever(0,5560±0,0026)mm

  6. Será cobrado em prova e relatórios Quiz • O que é o desvio padrão? • O desvio padrão depende do número de dados? • O desvio padrão da média depende do número de dados? • Aproximadamente quantos dados estão compreendidos em um desvio padrão para mais e menos a partir da média • É uma medida da dispersão dos dados • NÃO (Característico do experimento) • SIM • ~68%

  7. Motivação: Determinar a densidade de sólidos com sua respectiva incerteza e tentar determinar o material que os compõem

  8. Micrômetro FEP113 – Aula 2

  9. Micrômetro Menor divisão: 0,01mm Incerteza: 0,005 mm 0,120 mm = 4,620 mm 4,5 mm FEP113 – Aula 2

  10. Introdução: • A densidade de sólidos homogêneos é definida por: Onde d é a Densidade Volumétrica do objeto; m, sua massa e v seu volume. • O material que compõe diversos materiais pode ser determinado a partir de sua densidade. • O desvio padrão é importante na determinação do material?

  11. Procedimento Experimental:Medições de um Sólido • Grupos de 3 alunos; • Identificar TODOS os equipamentos utilizados; • Todos medem todos os formatos geométricos (bastão, disco e esfera) • Medir a massa de todos os objetos utilizando uma balança digital; • Cada aluno analisa um objeto.

  12. Procedimento Experimental:Medições de um Sólido (cada aluno) • Bastão (5 tamanhos dif., pelo menos): • 5x o comprimento • 1x o diâmetro • Disco (5 tamanhos dif., pelo menos): • 5x o diâmetro • 4x espessura • Esfera(5 tamanhos dif., pelo menos).: • 5x o diâmetro • 1x a massa de todos os objetos

  13. Pré-Síntese • DADOS POR E-MAIL excell: (até seg); • Resumo • Introdução: • Objetivos; • Descrição do experimento • Procedimento experimental • Material utilizado (ANOTEM OS NÚMEROS) • Resultados: • Tabela de dados COM INCERTEZAS; • Tratamento estatístico • Gráficos (um para cada sólido) m x (D; D2; D3) • Conclusões parciais • Bibliografia