3 representa es do universo escolar estrat gica de processo e sist mica n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
3 REPRESENTAÇÕES DO UNIVERSO ESCOLAR: ESTRATÉGICA, DE PROCESSO E SISTÊMICA PowerPoint Presentation
Download Presentation
3 REPRESENTAÇÕES DO UNIVERSO ESCOLAR: ESTRATÉGICA, DE PROCESSO E SISTÊMICA

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 14

3 REPRESENTAÇÕES DO UNIVERSO ESCOLAR: ESTRATÉGICA, DE PROCESSO E SISTÊMICA - PowerPoint PPT Presentation


  • 117 Views
  • Uploaded on

3 REPRESENTAÇÕES DO UNIVERSO ESCOLAR: ESTRATÉGICA, DE PROCESSO E SISTÊMICA. Ilan Chamovitz Universidade Federal do Rio de Janeiro Ministério da Saúde - DATASUS. Introdução.

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about '3 REPRESENTAÇÕES DO UNIVERSO ESCOLAR: ESTRATÉGICA, DE PROCESSO E SISTÊMICA' - richelle


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
3 representa es do universo escolar estrat gica de processo e sist mica

3 REPRESENTAÇÕES DO UNIVERSO ESCOLAR: ESTRATÉGICA, DE PROCESSO E SISTÊMICA

Ilan Chamovitz

Universidade Federal do Rio de Janeiro

Ministério da Saúde - DATASUS

Ilan Chamovitz - ilan@ufrj.br

introdu o

Introdução

  • Projetos associados à Responsabilidade Social Empresarial vêm estimulando o investimento de organizações em empreendimentos sociais.
  • Uma das áreas abordadas tanto pelo poder público quanto por empresas privadas é a Educação.
  • Neste universo de pesquisa, observam-se investimentos que buscam a melhoria de processos, por meio da utilização da Tecnologias da Informação Aplicadas em Educação – TIAE.

Ilan Chamovitz - ilan@ufrj.br

objetivos

Objetivos

  • Apresentar 3 modelos de representação para o Negócio Educação em projetos orientados à adoção / utilização de Tecnologias da Informação Aplicadas em Educação – TIAE.
  • Refletir sobre a necessidade de se conhecer o negócio ANTES de iniciar atividades de processo.
  • Valorizar o Planejamento Estratégico
  • Refletir sobre a abordagem de Processos
  • Adotar a visão Sistêmica

Ilan Chamovitz - ilan@ufrj.br

justificativa

Justificativa

  • Segundo Johnson & Scholes (1999), no setor público os conceitos de estratégia e gerência estratégica são tão importantes quanto nas empresas.
  • Para que as atividades inerentes à gestão de projetos educacionais que considerem o uso de tecnologia obtenham sucesso, é importante que sejam estudados diversos aspectos que compõem o universo escolar, especialmente em organizações sem fins lucrativos.
  • “ A dependência de verbas do orçamento limita o investimento em recursos humanos e de tecnologia. Assim, os recursos destinados ao atendimento de necessidades como saúde e educação devem ser otimizados levando-se em consideração alguns fatores importantes, tais como a definição clara de termos empregados, o ambiente externo da organização, o ambiente interno, a cultura organizacional, expectativas dos usuários finais, medidas de poder e parcerias estratégicas.” ( Chamovitz, 2007).

Ilan Chamovitz - ilan@ufrj.br

assuntos palavras chave abordados em educa o valerien dias 1997

Assuntos (palavras-chave) abordados em educação (Valerien & Dias, 1997)

Ilan Chamovitz - ilan@ufrj.br

fluxo do neg cio educa o gomes 2009

Fluxo do Negócio Educação (Gomes, 2009)

Ilan Chamovitz - ilan@ufrj.br

fluxo do neg cio educa o gomes 20091

Fluxo do Negócio Educação (Gomes, 2009)

Ilan Chamovitz - ilan@ufrj.br

modelo baseado em processos fluxo do neg cio educa o tachizawa e andrade 2006

Modelo baseado em ProcessosFluxo do Negócio Educação (Tachizawa e Andrade, 2006)

Ilan Chamovitz - ilan@ufrj.br

redes sist micas bliss monk ogborn 1983 rede constru da para os nte ginape 2002

Redes Sistêmicas (Bliss, Monk & Ogborn, 1983)Rede Construída para os NTE (Ginape, 2002)

Ilan Chamovitz - ilan@ufrj.br

redes sist micas bliss monk ogborn 1983 rede constru da para os nte ginape 20021

Redes Sistêmicas (Bliss, Monk & Ogborn, 1983) | Rede Construída para os NTE (Ginape, 2002)

Ilan Chamovitz - ilan@ufrj.br

redes sist micas bliss monk ogborn 1983 rede constru da para os nte ginape 20022

Redes Sistêmicas (Bliss, Monk & Ogborn, 1983)Rede Construída para os NTE (Ginape, 2002)

Ilan Chamovitz - ilan@ufrj.br

refer ncias

Referências

BLISS, J., MONK, M. & OGBORN, J. “Qualitative Analysis Data for Educational Research – A guide to uses of systemic networks”, Editado por Croom Helm Ltd, Inglaterra, 1983.

CARDOSO, José Carlos Martins. O PDDE como instrumento de democratização da gestão escolar no Pará. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal do Pará, Instituto de Ciências da Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação, Belém, 2009.

COHEN, Ernesto; FRANCO, Rolando. Avaliação de projetos sociais. 5. ed. Petrópolis, Vozes, 2002.

COSTA, Enio Bergoli da; JANNUZZI, Henrique Blauth. PRÓ GESTÃO: Programa De Gerenciamento Intensivo De Projetos Do Governo Do Espírito Santo. II Congresso Consad de Gestão Pública – Painel 29: A experiência dos escritórios de projetos. Florianópolis, SC. 2008.

GINAPE. O Estado da Arte dos Núcleos de Tecnologia Educacional (NTE)”. Anais do XIII Simpósio Brasileiro de Informática na Educação, 2002.

GOMES, Débora Dias. MBA Educação, Escola que aprende. Rio de Janeiro: Editor, 2003.

JOHSON, G. SCHOLES, K (1999). Exploring Corporate Strategy. Prentice Hall

LIMA, L. C. Construindo modelos de gestão escolar. Cadernos de Organização e Gestão Escolar, Lisboa: Instituto de Inovação Educacional, n.4, 1996. p.1-32.

TACHIZAWA, T.; ANDRADE, R. O. B. Gestão de instituições de ensino. Rio de Janeiro: FGV Editora, 2006.

SENGE, P.M. A quinta disciplina: arte e prática da organização que aprende. 19ª. ed. Rio de Janeiro: Best Seller, 2005.

SENGE, P. M. - Escolas que aprendem. Porto Alegre: Artmed, 2005.

VALERIEN, J. & DIAS, J. A . Gestão da escola fundamental: Subsídios para análise e sugestão de aperfeiçoamento. Versão Brasileira Adaptada. São Paulo: Cortez, 1993.

Ilan Chamovitz - ilan@ufrj.br

vamos discutir rela o entre indicadores e a organiza o

Vamos discutir ? Relação entre indicadores e a organização

Eixos:

Disciplina Aluno

Turma / Projetos / Comunidades

Série

Professor

Escola

Município

UF

Ilan Chamovitz - ilan@ufrj.br