como elaborar uma n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Como elaborar uma PowerPoint Presentation
Download Presentation
Como elaborar uma

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 18

Como elaborar uma - PowerPoint PPT Presentation


  • 132 Views
  • Uploaded on

Como elaborar uma. Dissertação Profa . Rose Fortunato. O que não se deve fazer em dissertação. 1. usar clichês, jargões ou ditos populares; 2. defender dogmas ou questões religiosas; 3. usar gírias; 4. falar de pessoas que não sejam publicamente conhecidas;

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'Como elaborar uma' - perry


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
como elaborar uma

Como elaborar uma

Dissertação

Profa. Rose Fortunato

o que n o se deve fazer em disserta o
O que não se deve fazer em dissertação
  • 1. usar clichês, jargões ou ditos populares;
  • 2. defender dogmas ou questões religiosas;
  • 3. usar gírias;
  • 4. falar de pessoas que não sejam publicamente conhecidas;
  • 5. concluir mais de uma vez a redação;
  • 6. modificar o alfabeto ou a ortografia da Língua Portuguesa;
  • 7. usar abreviações ou siglas não consagradas;
  • 8. fugir do tema proposto;
  • 9. defender o tema proposto movido por emoções exageradas;
  • 10. repetir palavras demasiadamente.
articuladores dissertativos
Articuladoresdissertativos
  • Articuladores dissertativos são conjunções ou conectores que unem orações e termos em um texto. A correção no uso desses articuladores faz com que as partes da redação sejam coesas (bem ligadas), além de conferir mais legibilidade à dissertação.
  • Há articuladores específicos para a introdução, desenvolvimento e conclusão. São eles:
articuladores de introdu o
Articuladores de introdução
  • Inicialmente...
  • Primeiramente...
  • Iniciando a defesa da tese proposta, percebemos que...
  • Ao iniciarmos a presente análise, podemos verificar que...
articuladores de adi o
Articuladores de adição
  • Além do mais...
  • Além disso...
  • Paralelamente a isso...
  • Não podemos deixar de notar que...

Esses articuladores podem ser usados apenas na introdução e no desenvolvimento.

articuladores de problematiza o
Articuladores de problematização
  • Por outro lado...
  • No entanto...
  • Entretanto...
  • Com tudo...
  • Esses articuladores devem ser usados no desenvolvimento.
articuladores de explica o
Articuladores de explicação
  • Pois...
  • Haja vista (atraindo verbo no infinitivo)
  • Haja vista que (sempre antes de verbo)

Esses articuladores devem ser usados apenas na introdução ou no desenvolvimento. Nunca na conclusão.

articuladores de enumera o
Articuladores de enumeração
  • Em primeiro lugar...
  • Em segundo lugar...
  • Em terceiro lugar...
  • Paralelamente a isso...
  • O uso desses articuladores está vinculado a uma regra: sempre que se use “em primeiro lugar”, deve-se usar também “em segundo lugar”.
articuladores de conclus o
Articuladores de conclusão
  • Portanto...
  • Resumindo...
  • Diante dos fatos expostos, pode-se verificar que...
  • Finda a presente análise, chega-se a conclusão que...
  • Esses articuladores são de uso obrigatório na conclusão, mas limitado a um por texto.
introdu o
Introdução
  • O quê?
  • (matéria tratada)
desenvolvimento
Desenvolvimento
  • 2. Por quê? (razão)
  • 3. Para quê? (objetivo, finalidade)
  • 4. Causas.
  • 5. Consequências.
  • 6. Como? De que maneira?
  • 7. Analogias = comparações.
  • 8. Prós: argumentos a favor.
  • 9. Contras: argumentos contrários.
  • 10. Análise: situação atual.
  • 11. Síntese.
conclus o
conclusão
  • 12. Soluções.
  • 13. Conclusão.
t tulo
Título
  • “ A televisão no Brasil”
introdu o1
Introdução
  • A importância da televisão na formação de uma mentalidade nacional.
  • Dados históricos da televisão brasileira.
d esenvolvimento
Desenvolvimento
  • Os programas de TV e o patrocínio comercial.
  • A televisão educativa.
  • A seleção dos programas e a aceitação popular.
  • O nível dos programas e o nível cultural brasileiro.
c onclus o
Conclusão
  • A situação da televisão brasileira.