Alicia Williner Brasilia (Br) Agosto 2011 - PowerPoint PPT Presentation

slide1 n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Alicia Williner Brasilia (Br) Agosto 2011 PowerPoint Presentation
Download Presentation
Alicia Williner Brasilia (Br) Agosto 2011

play fullscreen
1 / 86
Alicia Williner Brasilia (Br) Agosto 2011
132 Views
Download Presentation
orinda
Download Presentation

Alicia Williner Brasilia (Br) Agosto 2011

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

  1. Panorama social de América Latina: alguns indicadores nos processos de gestão do desenvolvimento social Alicia Williner Brasilia (Br) Agosto 2011

  2. Desenvolvimento Oportunidadessociais Desigualdade Educação Saúde Moradia Pobreza Indice de desenvolvimentohumano Orientações de políticas sociais Transferências condicionadas Estratégias de saída Agenda social do Governo Federal

  3. Que é o desenvolvimento? O desenvolvimento é vinculado a: • crescimento do produto nacional bruto? • processos de industrialização? • Crescimento dos rendimentos individuais? • Processo de expansão de liberdades reais das que desfrutam os indivíduos ? (A. Sen-Development as freedom, Ed. Planeta, Madrid, 2000)

  4. O desenvolvimentorequerdaeliminação de importantesfontesdaausência de liberdadecomosão: PobrezaTiraniaPrivaçõessociaissistemáticas Sen, Amartya-Development as freedom, Ed. Planeta, Madrid, 2000

  5. As 5 liberdades instrumentais • Liberdades políticas • Serviços econômicos • Oportunidades sociais • Garantias de transparência • Redes de segurança Existência Acesso Sen, Amartya-Development as freedom, Ed. Planeta, Madrid, 2000

  6. A que chamamos oportunidades sociais? As oportunidades sociais (como o acesso a educação e saúde) geram maior liberdade política e econômica e maiores capacidades para decidir sobre o próprio destino de cada sujeito.

  7. QueocorreemAmérica Latina com respeitoàsoportunidadessociais? A desigualdadecomoindício de subdesenvolvimento A renda per capita do quintil mais rico, supera em média 19 vezes a renda per capita do quintil mais pobre, com extremos que vão desde 10 vezes (Uruguai) a 33 vezes ( Honduras) (Cepal, Panorama Social-2010)

  8. Como se calcula a distribuição do renda ?

  9. Curva de Lorenz Sociedade perfeita

  10. Curva de Lorenz O 20 % mais pobre recebe o 60% da renda

  11. Curva de Lorenz O 20 % mais pobre recebe o 5% do rendimento, o 20 % mais rico recebe o 40% do rendimento del ingreso

  12. Índice de Gini A B

  13. Coeficiente de Gini (2005-2009)Brasil

  14. Coeficiente de Gini por Estados del Brasil(2005-2009)

  15. Coeficiente de Gini por Estados del Brasil(2007-2009)

  16. 2010

  17. Brechas

  18. Alguns indicadores • Percentual de pessoas abaixo da linha da pobreza • Taxa de desemprego aberto • Por cento de conclusão do ensino médio • Líquida de matrículas na pré-escola • Taxa de mortalidade infantil • População em estado de desnutrição

  19. pobreza • Percentual de população abaixo da linha de pobreza • Coeficiente de Gini

  20. Brasil-Pobreza 2005

  21. Brasil-Pobreza 2009

  22. Pobreza por Estados Brasil (2005 y 2009) Ipeadados, 2009

  23. Algumas comparações Fuente: CEPAL, 2010. Sobre a base de pesquisas de lares.

  24. Acesso ao emprego • Taxa de desemprego aberto: Número de pessoas 15 anos ou mais, que procuraram emprego e estão sem ele, como % do EAP • Empregados urbanos em setores de baixa productividade • Taxa de desemprego de longo prazo • Relação salarial por gênero

  25. Brasil-Taxa de desemprego 2005-2009 Ipeadata, 2009

  26. Estados de Brasil-Taxa de desemprego 2005-2009 Ipeadata, 2009

  27. Region Sul-2005-2009 Ipeadata, 2009

  28. Region nordeste-2005-2009 Ipeadata, 2009

  29. Brasil- Desemprego Numero de pessoas 2005-2009 Ipeadata, 2009

  30. Brasil-Desemprego por regiões (2008-2009) Nordeste Ipeadados, 2009

  31. Brasil-Desemprego por regiões (2008-2009) Sur Ipeadados, 2009

  32. Crescimento e Emprego

  33. Educação • A assistência neta de matrícula em educação primária em AL é em média do 93% (2do ODM). • A assistência neta de matrícula em educação primária em AL indica quantos meninos estão matriculados na escola primária, não mede a conclusão da escola primária,

  34. Assistência neta de matrícula

  35. MAS o rezago e a conclusão….

  36. Brasil Rezago escolar -7 a 14 años Rezago escolar por regiões Rezago escolar =1 ano ou mais de atraso escolar Ipeadados, 2009

  37. Brasil- Rezago escolar em cada Estado-7 a 14 años Rezago escolar = 1 ano ou mais de atraso escolar Ipeadados, 2009

  38. No nível secundário … A assistência neta em educação secundária em AL é do 61% (secundária alta) e do 78% (secundária baixa)

  39. Na educação pos secundária se produz o seguinte: Quanto o 1 % dos jovens de estratos sociais baixos conclui a educação postsecundaria, o 27 % o fazem entre os jovens dos estratos sociais mais altos.

  40. Transmissão de geração de desigualdades educativas