slide1 n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
O Planejamento das Dragagens no Porto do Rio Grande: Engenharia, Tecnologia e Áreas de Despejos PowerPoint Presentation
Download Presentation
O Planejamento das Dragagens no Porto do Rio Grande: Engenharia, Tecnologia e Áreas de Despejos

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 27

O Planejamento das Dragagens no Porto do Rio Grande: Engenharia, Tecnologia e Áreas de Despejos - PowerPoint PPT Presentation


  • 72 Views
  • Uploaded on

O Planejamento das Dragagens no Porto do Rio Grande: Engenharia, Tecnologia e Áreas de Despejos. III Seminário Nacional Sobre Dragagens Portuárias no Brasil Newton Quintas . Rio Grande. Localização. Brasil . Imagens obtidas do satélite Landsat7. Principais Áreas do Porto Organizado.

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'O Planejamento das Dragagens no Porto do Rio Grande: Engenharia, Tecnologia e Áreas de Despejos' - mya


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
slide1

O Planejamento das Dragagens

no Porto do Rio Grande:

Engenharia, Tecnologia e Áreas de Despejos

III Seminário Nacional Sobre Dragagens Portuárias no Brasil Newton Quintas

localiza o

Rio Grande

Localização

Brasil

Imagens obtidas do satélite Landsat7

slide3

Principais Áreas do Porto Organizado

Superporto

São José do Norte

Porto Novo

slide4

Porto Organizado do Rio Grande

Edição a partir de Imagem obtida do satélite Landsat7

slide5

Profundidade 5,0 m

(+0,5 m)

Largura de 100 m

Calado de 17’

Características Atuais dos Canais e Bacia de Evolução

Profundidade 10,5 m

(+0,5 m)

Largura de 200 m

Calado de 31’

Profundidade 14,0 m

(+0,5 m)

Largura de 200 m

Calado de 40’

caracter sticas do solo
Características do Solo
  • Considerando-se o tamanho médio de grão, em amostras superficiais:
  • 65,80 % Silte
  • 20,27 % Argila
  • 7,60 Areia Fina
  • 5,06 % Areia Muito Fina
  • 1,27 % Areia Média
caracter sticas do solo1
Características do Solo
  • Amostras obtidas via testemunhagem:
  • 70,37 % Sedimentos classificados como Silte
  • 27,17 % Sedimentos classificados como Argila
  • Os sedimentos classificados como Areia foram pouco observados.
condi es clim ticas trecho a
Condições Climáticas – Trecho A
  • Clima de Ondas:
  • O clima de ondas é fortemente dominado pelas ondas dos quadrantes ESSE-SSE.
  • Alturas máximas: 47,46% = 2,3m a 3,8m.
  • Alturas significativas: 45,91% = 1,7m a 3,6m.
condi es clim ticas trecho a1
Condições Climáticas – Trecho A
  • Ventos:
  • A ocorrência de ventos é predominante no quadrante NNE-ENE = 36%.
  • Velocidades médias situadas entre 12 e 15 nós.
  • Velocidades máximas registradas de 40 nós.
  • Rajadas máximas de até 60 nós.
condi es clim ticas e a dragagem
Condições Climáticas e a Dragagem
  • A Barra do Rio Grande é historicamente considerada como uma das mais traiçoeiras e imprevisíveis entradas de portos da América do Sul.
  • As características são especialíssimas nessa Barra: ali são encontradas, constantemente, correntes marítimas conflitantes, ventos fortes e ondas de alturas significativas.
condi es clim ticas e a dragagem1
Condições Climáticas e a Dragagem
  • Essas são as condições a serem enfrentadas pelas dragas na realização dos serviços de dragagem no Canal de Acesso – parte dos serviços são executados em pleno oceano.
  • A especificação da draga deverá levar em consideração tais condições de mar, de ventos e de correntes provenientes do fluxo de deságüe do canal, somadas a maré de enchente.
  • Potência da embarcação para atender simultaneamente a propulsão e os serviços de dragagem.
as condi es locais e a draga
As Condições Locais e a Draga
  • As dragas a serem disponibilizadas e utilizadas nos serviços de dragagem devem ser, obrigatoriamente, do tipo Draga Autotransportadora (Hopper dredgers), dotada de sistema de posicionamento eletrônico tipo DGPS, com classificação de navegação irrestrita (Alto Mar / Off-shore), com capacidade mínima de cisterna de 4.800m3.
  • Tais especificações são obrigatórias para os serviços a serem contratados, considerando que a que os serviços de dragagem serem de grande volume (em cada etapa) e a disposição do material dragado ser efetuada em alto mar, numa distância mínima de 12 milhas.
tipos de equipamentos de dragagem
Tipos de equipamentos de dragagem

O Porto do Rio Grande desenvolveu tradição nos serviços de dragagem desde 1907

tipos de equipamentos de dragagem1
Tipos de equipamentos de dragagem

Draga Gov. Dornelles – draga de alcatruzes

Construída na década de 50 e em operação

tipos de equipamentos de dragagem2
Tipos de equipamentos de dragagem

Dragas Macapá e Boa Vista I

Dragas Hopper ou Autotransportadoras

Utilizadas na dragagem de Rio Grande no período 2000/2007

tipos de equipamentos de dragagem3
Tipos de equipamentos de dragagem

Dragas Macapá e Boa Vista I

Dragas hopper ou autotransportadoras

Utilizadas na dragagem de Rio Grande no período 2000/2007

tipos de equipamentos de dragagem4
Tipos de equipamentos de dragagem

Draga de Sucção e Recalque - Cutter Suction Dredger

Parque de dragagem da SPH/Governo RS

licenciamento ambiental
Licenciamento Ambiental
  • Licenciamento junto ao IBAMA (1997 a 2013):
  • Licenciamentos ambientais (transf. LOD/LOP)
  • A dragagem passou a ser uma atividade rotineira do porto e deixou de ser uma ação excepcional na gestão ambiental.
  • Adoção de procedimentos padrões para a execução de serviços de dragagem (manutenção e aprofun.)
  • - Termos de referência para licitações
  • - Qualificação das empresas executoras
  • - Método executivo
  • - Procedimentos aprovados e condenados
  • - Critérios de fiscalização
  • - Medições dos serviços
as dragagem do porto do rio grande
As Dragagem do Porto do Rio Grande

Ano Manutenção Valor Período

1998 2.626.743 6.025.438 Março/Junho

2000 2.005.159 5.202.562 Jul/Set-Nov/Dez

2001 767.631 2.199.441 Janeiro/Junho

2003 1.846.363 7.095.868 Junho/Setembro

2004 626.506 4.413.155 Abril/Julho

2006 1.630.591 11.287.286 Junho/Dezembro

2007 1.990.731 11.186.842 Janeiro/Junho

Volume total:11.493.724 m3 Valor total : 47.410.588,00

slide20

Recuperação da

Bacia do Porto Novo

de 200m para 300 m

Aprofundamento do Canal do Porto Novo

de 31’ para 40’

Projetos em Desenvolvimento

Atual bacia e canal

Investimentos Previstos:

5,1 milhões m3 / R$ 61,2 milhões para recuperação da Bacia e

3,8 milhões m3 / R$ 45,6 milhões para aprofundamento

slide21

Construção dos Terminais de Celulose da ARACRUZ e de Carga Geral em

São José do Norte

Aprofundamento do Canal do Norte

de 30’ para 40’

Investimentos Previstos:

R$ 21,6 milhões

Volume :

1,80 milhões de m3

Projetos emDesenvolvimento

slide22

Projeto de ampliação dos Molhes da Barra para permitir o aprofundamento dos Canais de Acesso ao Porto para 18m.

Projetos emDesenvolvimento

Navios de até 200.000 TPB / 350 metros

slide23

Dragagem de aprofundamento do Canal de Acesso ao Porto do Rio Grande de 14m para 18m

Investimentos Previstos:

R$ 250 milhões

Volume :

25 milhões de m3

o porto do rio grande agradece pela sua aten o
O Porto do Rio Grande agradece pela sua atenção

Newton Quintas – nquintas@portoriogrande.com.br