Prof. Dr. Marco Aurélio A. Monteiro e-mail: marco.aurelio@feg.unesp.br - PowerPoint PPT Presentation

slide1 n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Prof. Dr. Marco Aurélio A. Monteiro e-mail: marco.aurelio@feg.unesp.br PowerPoint Presentation
Download Presentation
Prof. Dr. Marco Aurélio A. Monteiro e-mail: marco.aurelio@feg.unesp.br

play fullscreen
1 / 17
Prof. Dr. Marco Aurélio A. Monteiro e-mail: marco.aurelio@feg.unesp.br
140 Views
Download Presentation
munin
Download Presentation

Prof. Dr. Marco Aurélio A. Monteiro e-mail: marco.aurelio@feg.unesp.br

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

  1. PROGRAMA REAÇÃO O SOLO 3ªSÉRIE Prof. Dr. Marco Aurélio A. Monteiro e-mail: marco.aurelio@feg.unesp.br 2008

  2. ROTEIRO • O SOLO E O MEIO AMBIENTE • O SOLO E OS SERES VIVOS • O SOLO E OS SERES HUMANOS • O SOLO E OS RECURSOS TECNOLÓGICOS

  3. O SOLO E O MEIO AMBIENTE FORMAÇÃO DO SISTEMA SOLAR Nuvem de gás e poeira Primeiro bloco de poeira e gás que deu origem ao Sol Segundo bloco de poeira e gás que deu origem aos planetas

  4. Observe a simulação feita pela NASA:

  5. O SOLO E O MEIO AMBIENTE A superfície terrestre é composta também pela matéria de meteoritos que se chocavam intensamente com a Terra no início de sua formação. Dessa forma houve a formação de uma grande rocha, denominada de rocha primária ou rocha mãe

  6. EXPERIMENTO (SOLO E MEIO AMBIENTE) QUAL DAS AMOSTRAS DE SOLO TEM CONSISTÊNCIA PARA FORMAR UMA ROCHA?

  7. EXPERIMENTO (SOLO E MEIO AMBIENTE) • QUESTÕES • Quais foram as suas observações com relação a consistência das duas amostras de solo? • As duas amostras apresentaram consistência para formar uma rocha? • Na sua opinião qual o fator responsável para que as duas amostras tenham características distintas? • A partir dos resultados dessa atividade você é capaz de dizer explicar como sedimentos soltos podem originar rochas sedimentares coesas?

  8. A rocha primária (Rocha mãe), pela ação do vento e das chuvas, passa a se decompor pela ação da erosão. Nas rachaduras instalam-se alguns seres vivos. O crescimento de pequenas raízes tendem a abrir essas rachaduras, contribuindo com a erosão A combinação do processo de erosão com a ação dos primeiros seres vivos deram origem aos diferentes tipos de solo. O SOLO E OS SERES VIVOS

  9. O SOLO E OS SERES VIVOS Os seres vivos contribuem para aeração do solo. Inclusive os microorganismos que atuam quimicamente reagindo com substâncias do solo e das raízes das plantas, originando fertilidade ao solo.

  10. EXPERIMENTO (O SOLO E OS SERES VIVOS) QUAL A IMPORTÂNCIA DOS SERES VIVOS PARA A RESPIRAÇÃO DO SOLO? POR QUE UMA DAS AMOSTRAS DE SOLO BORBULHA E A OUTRA NÃO? Microorganismos não podem ser vistos a olho nu, mas existem e podem promover reações químicas importantes. Assim, a reação química entre esses microorganismos e determinadas substâncias produzidas pelas raízes da plantas são fundamentais para a respiração do solo.

  11. EXPERIMENTO (SOLO E OS SERES VIVOS) • QUESTÕES • Qual a diferença entre as duas amostras de solo? • Por que você acha que a primeira amostra não produziu borbulhas e a segunda sim? • O que significa essas borbulhas? • O que produziu o processo de respiração do solo? • Qual o papel do açúcar nesse processo? • Em situações reais na natureza, como o solo poderia ter açúcar em sua composição?

  12. O SOLO E OS SERES HUMANOS AÇÃO DO HOMEM SOBRE O SOLO PODE ACARRETAR BENEFÍCIOS E MALEFÍCIOS PARA O MEIO AMBIENTE

  13. EXPERIMENTOS (O SOLO E OS SERES HUMANOS) QUAL O EFEITO DA TEMPERATURA SOBRE O SOLO? AMOSTRA DO SOLO DO SERTÃO NORDESTINO

  14. EXPERIMENTOS (O SOLO E OS SERES HUMANOS) • QUESTÕES • Como eram as características das amostras antes de serem colocadas no fogo? • Quando foram colocadas no fogo o que se pode observar? • Você saberia explicar a causa dessas diferenças? • No caso da argila haveria algum modo de fazer com que ela voltasse a apresentar o aspecto original? Como? • E no caso da outra amostra? Como?

  15. O SOLO E OS RECURSOS TECNOLÓGICOS À medida que a Lua viaja ao redor da Terra ao longo do mês, ela passa por um ciclo de fases, durante o qual sua forma parece variar gradualmente. O ciclo completo dura aproximadamente 29,5 dias. Esse fenômeno é bem compreendido desde a Antiguidade. Aristóteles (384 - 322 a.C.) registrou a explicação correta do fenômeno: as fases da Lua resultam do fato de que ela não é um corpo luminoso, e sim um corpo iluminado pela luz do Sol.

  16. EXPERIMENTO (O SOLO E OS RECURSOS TECNOLÓGICOS) AS FASES DA LUA Por que a Lua muda de aspecto?

  17. EXPERIMENTOS (O SOLO E OS RECURSOS TECNOLÓGICOS ) • QUESTÕES • Como estava a esfera branca quando você olhou pelo furo C? • Como estava a esfera branca quando você olhou pelo furo B? • Como estava a esfera branca quando você olhou pelo furo A? • Fazendo uma comparação com as fases da Lua, qual objeto da experiência representa a Lua? E qual representa o Sol? E o que significa os furos A, B e C? • No furo A a Lua estaria em que fase? E no furo B? E no furo C?