slide1 n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Aula 4 Platão e o mundo das Ideias PowerPoint Presentation
Download Presentation
Aula 4 Platão e o mundo das Ideias

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 8

Aula 4 Platão e o mundo das Ideias - PowerPoint PPT Presentation


  • 132 Views
  • Uploaded on

Aula 4 Platão e o mundo das Ideias. Introdução. Falaremos agora sobre um sujeito de ombros largos que, entre tantas obras, veio a inspirar gente desde políticos a cineastas. O bom e velho Arístocles , mais conhecido como Platão. Atenas 428 aC – 348 aC Atenas. Sobre o homem.

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

PowerPoint Slideshow about 'Aula 4 Platão e o mundo das Ideias' - linnea


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript
slide1

Aula 4

Platão e o mundo das Ideias

introdu o
Introdução

Falaremos agora sobre um sujeito de ombros largos que, entre tantas obras, veio a inspirar gente desde políticos a cineastas.

O bom e velho Arístocles, mais conhecido como Platão.

Atenas 428 aC – 348 aC Atenas

sobre o homem
Sobre o homem
  • Maior discípulo de Sócrates, o qual vem a ser personagens de suas obras.
  • Funda a Academia em 388 a.C., primeira instituição de Ensino de Filosofia da história.
  • Platão foi o primeiro filósofo cuja obra foi quase toda preservada. Também é dele o primeiro sistema filosófico escrito que se conhece.
as fases de plat o
As fases de Platão
  • Período de juventude:

Laques, Íon, Hípias Maior, Hípias Menor, Protágoras, Apologia de Sócrates – diálogos aporéticos.

  • Período de transição

Górgias, Mênon- Surgem os temas propriamente platônicos (conhecimento por reminiscência, exemplaridade da matemática)

  • Diálogos de maturidade

Fédon, República, Banquete, Fedro– surgem os principais temas de Platão como a imortalidade da Alma, princípios do bom Estado e meios de atingir o conhecimento das formas.

  • Diálogos de velhice

Teeteto, Parmênides, Sofista, Político, Timeu– ontologia das formas, nova teoria do Estado. Sócrates perde o papel central.

plat o e a teoria do conhecimento
Platão e a Teoria do Conhecimento

Uma questão que ocupa os filósofos gregos é aquela sobre como se dá o conhecimento sobre as coisas.

Para estes filósofos, perguntar sobre o conhecimento é querer responder à questão: como podemos saber o que algo é?

De outro modo, os pensadores como Platão preocupam-se em saber como podemos definir de modo exato os objetos do mundo.

Façamos um exercício:

  • Pensemos numa caneta.
  • O que define esta caneta?
  • Será que o que define esta caneta pode definir o que toda caneta é?
  • Como podemos definir todas as canetas do mundo?
o que significa definir algo
O que significa definir algo?

Definir é buscar aquilo que algo tem de próprio (que o distingue de todas as outras coisas).

Não se trata de apenas estabelecer nomes ou dispor exemplos, mas de encontrar aquilo que expressa de forma universal e de modo racional o que algo é. O conjunto de propriedades que define um objeto é sua essência (do grego eidos), que descreve a forma geral do que se pretende definir.

Pense só: como definir um triângulo?

Será que um desenho (uma representação) do triângulo basta?

a teoria das ideias de plat o
A teoria das ideias de Platão

Podemos então dizer que os interesses mais gerais da Teoria do Conhecimento de Platão são: (i) estabelecer uma compreensão unificada e racional dos fenômenos e (ii) buscar os fundamentos de uma definição.

Para Platão a busca da definição exata de algo aproxima-se da tarefa de um matemático. O caminho para encontrar a definição das coisas está na busca pela IDEIA (ou FORMA) dessas coisas.

Para compreender o que Platão quer dizer sobre o conhecimento precisamos olhar para o mundo das ideias. Uma boa história para começarmos é contada num livro do próprio Platão, A República: o conhecido mito da caverna.

Acesse o mito em diferentes versões: http://phprof.wordpress.com/2012/05/06/filosofia-1o-ano-aula-4-platao-e-o-mundo-das-ideias/

a teoria das ideias de plat o1
A teoria das ideias de Platão

RAZÃO

---------------

CONHECIMENTO

Reminiscência

(anamnese)

Percepção sensorial

(empiria)

IDEIAS

Fixas

Imutáveis

OBJETOS

Transitórios

Mutáveis

Participação

Protótipo

Retrato

Presença