gest o ambiental e da qualidade n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
GESTÃO AMBIENTAL E DA QUALIDADE PowerPoint Presentation
Download Presentation
GESTÃO AMBIENTAL E DA QUALIDADE

Loading in 2 Seconds...

play fullscreen
1 / 82

GESTÃO AMBIENTAL E DA QUALIDADE - PowerPoint PPT Presentation


  • 181 Views
  • Uploaded on

GESTÃO AMBIENTAL E DA QUALIDADE. Curso: Engenharia de Produção Disciplina: Gestão da qualidade ambiental Prof. Blake Charles Diniz Marques. SISTEMA DE GESTÃO AMBIENTAL (SGA).

loader
I am the owner, or an agent authorized to act on behalf of the owner, of the copyrighted work described.
capcha
Download Presentation

GESTÃO AMBIENTAL E DA QUALIDADE


An Image/Link below is provided (as is) to download presentation

Download Policy: Content on the Website is provided to you AS IS for your information and personal use and may not be sold / licensed / shared on other websites without getting consent from its author.While downloading, if for some reason you are not able to download a presentation, the publisher may have deleted the file from their server.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
    Presentation Transcript
    1. GESTÃO AMBIENTAL E DA QUALIDADE Curso: Engenharia de Produção Disciplina: Gestão da qualidade ambiental Prof. Blake Charles Diniz Marques

    2. SISTEMA DE GESTÃO AMBIENTAL (SGA) Designa a articulação de funções administrativas e operacionais para amenizar ou impedir impactos negativos das atividades econômicas sobre a natureza. Um SGA pressupõe um nível de sistematização maior, incluindo a criação de normas e objetivos e o monitoramento contínuo, a responsabilidade pela gestão ambiental não fica concentrada nas mãos de departamentos específicos: ela passa a integrar o rol de preocupações de toda a organização, envolvendo diferentes setores.

    3. A gestão ambiental é uma abordagem sistêmica em que a preocupação ambiental está em todos os aspectos dos negócios das organizações

    4. Bases para um sistema de Gestão Ambiental

    5. SISTEMA DE GESTÃO AMBIENTAL (SGA) Objetivos de um SGA:

    6. SISTEMA DE GESTÃO AMBIENTAL (SGA) Objetivos de um SGA:

    7. VANTAGENS DE UM SGA

    8. Modelo de gestão ambiental SISTEMA DE GESTÃO AMBIENTAL

    9. COMPONENTES DE UM SGA

    10. COMPONENTES DE UM SGA

    11. Evolução dos SGA’s

    12. COMO EVOLUIU A QUESTÃO DAS NORMAS AMBIENTAIS ?

    13. Evolução dos SGA’s Gestão integrada Gestão ambiental Componente social Planejamento ambiental Controle da poluição Saneamento básico 1980 1960 1970 1990 2000 Componente econômico Fonte:Eduardo dos Santos Fontoura

    14. Modelos de SGA ResponsibleCareProgram Programa de Atuação Responsável Surgiu no Canadá em 1984, através de uma iniciativa das indústrias químicas, formalizada pelo CMA (ChemicalManufacturesAssociation), e, apesar de ser um programa voluntário, é um requisito exigido àqueles que participam do CMA.

    15. Modelos de SGA STEP Strategies for Today’sEnvironmentalPartnership Em 1990, a API (AmericanPetroleumInstitute), instituto fundado em 1919 pela indústria de petróleo americana, criou o STEP (Strategies for Today’sEnvironmentalPartnership). O principal objetivo do STEP foi o de desenvolver um guia para a indústria de petróleo americana que possibilitasse um aprimoramento de seu desempenho ambiental, de saúde e segurança (KUHRE, 1998).

    16. Modelos de SGA BS 7750 A Norma Britânica BS 7750 - Specifications for Environmental Management Systems – teve sua primeira edição publicada em março de 1992, entrando em vigor em janeiro de 1994. Trata-se de um marco importante para a gestão ambiental, pois é uma forte referência para quase todos os sistemas existentes, principalmente para o da ISO 14001.

    17. SISTEMA DE GESTÃO AMBIENTAL

    18. SISTEMA DE GESTÃO AMBIENTAL • O que significa a sigla ISO? ISO significa Organização Internacional para Normalização (InternationalOrganization for Standardization ) localizada em Genebra, Suíça, fundada em 1947.     A sigla ISO é uma referência à palavra grega ISO, que significa igualdade. O propósito da ISO é desenvolver e promover normas e padrões mundiais que traduzam o consenso dos diferentes países do mundo de forma a facilitar o comércio internacional. A ISO tem 157 países membros. A ABNT é o representante brasileiro. A ISO elabora normas por meio de vários comitês técnicos (TCs), compostos por especialistas de diversos países membros. Estas normas são voluntárias em diversos campos de atividades.

    19. VANTAGENS DE UM SGA (CERTIFICADO)

    20. DIFICULDADES PARA IMPLANTAÇÃO DO SGA

    21. características da ISO 14001: A ISO 14001 é uma norma de gerenciamento, não é uma norma de produto ou de performance. É um processo de gerenciamento das atividades da companhia que têm impacto no ambiente. A norma ISO 14.001 pode ser utilizada por qualquer tipo de organização, industrial ou de serviço, de qualquer porte, de qualquer ramo de atividade Ela é uma norma de sistema: ela reforça o melhoramento da proteção ambiental pelo uso de um único sistema de gerenciamento permeando todas as funções da organização São utilizados processos para identificar todos os impactos ambientais.

    22. O BRASIL PARTICIPA DA ISO? • O Brasil participa da ISO por meio da Associação Brasileira de Normas Técnica - ABNT, que é uma sociedade privada, sem fins lucrativos, fundada em 1940, reconhecida pelo governo como Fórum Nacional de Normalização. • A ABNT elabora normas em diversos domínios de atividades. Além disto, certifica produtos e sistemas. • Na ISO, a ABNT é considerada membro “P” (isto é, “participante”), com direito a voto neste fórum internacional de normalização.

    23. Objetivo   O objetivo geral da ISO 14.000 é fornecer assistência para as organizações na implantação ou no aprimoramento de um Sistema de Gestão Ambiental (SGA). Ela é consistente com a meta de “Desenvolvimento Sustentável” e é compatível com diferentes estruturas culturais, sociais e organizacionais. 

    24. Normas da ISO série 14000 A série ISO 14.000 é composta pela norma ISO 14.001 ( a única norma que permite a certificação ) e um conjunto de normas complementares:

    25. Normas da ISO série 14000

    26. Como surgiram as normas da série ISO 14.000? INTERNATIONAL ORGANIZATION for STANDARDIZATION – ISO -1993: a ISO criou Comitê Técnico (TC 207) que teria como objetivo desenvolver normas (série 14000) - áreas envolvidas com o meio ambiente. • O comitê foi dividido em 9 subcomitês:

    27. CERTIFICAÇÃO NO BRASIL

    28. CERTIFICAÇÃO NO BRASIL

    29. CERTIFICAÇÃO NO MUNDO

    30. EMPRESAS CERTIFICADAS POR SETOR DE ATIVIDADE

    31. EMPRESAS CERTIFICADORAS

    32. ESTRUTURA DE AÇÃO DA ISO 14000

    33. Avaliação ambiental inicial

    34. Etapas do Sistema de Gestão Ambiental

    35. Estrutura de um SGA • Planejamento: • Aspectos ambientais; • requisitos legais e outros; • objetivos e metas; • programa(s) Gestão Ambiental Política ambiental Revisão pela direção • Implementação e Operação: • Estrutura e responsabilidade; • formação, sensibilização e competência; • consulta e comunicação; • documentação do SGA; • controle operacional; • preparação e respostas a emergências. • Verificações e Ações corretivas: • Monitorização e medição; • não conformidades; • ações corretivas e preventivas; • registros; • auditorias internas do SGA

    36. A P D C PDCA Estabelecimento da Política Ambiental da Organização P Plan (Planejar) A Act (Atuar) C Check (Verificar) D Do (Realizar)

    37. O ciclo do PDCA pode ser brevemente descrito da seguinte forma:

    38. Política Ambiental

    39. POLÍTICA AMBIENTAL Segundo a cláusula 4.2, a Norma NBR ABNT ISO 14001 deixa claro que, na definição de sua política ambiental, a Alta Administração da organização deve definir a política ambiental da organização e assegurar que, dentro do escopo definido de seu sistema da gestão ambiental, a política:

    40. Requisitos Básicos da Política Ambiental

    41. Planejamento

    42. Planejamento

    43. PLANEJAMENTO

    44. PLANEJAMENTO

    45. Implementação

    46. Implementação

    47. Implementação

    48. Implementação

    49. Implementação